A maior parte dos consumidores de Tablets deve concordar que a maior preocupação com o produto está na qualidade da tela. Quando se trata de identificar a qualidade dessa característica essencial, há muito o que se avaliar e levar em consideração.

O foco principal está nas altas resoluções e Pixels por polegada, e mesmo que isso seja importante também existem outros pontos a serem levados em consideração. Por exemplo: brilho, níveis de preto, precisão da cor, variedades. Tudo isso influencia a experiência do consumidor com seus jogos, programas, livros e todas as demais interações que são possíveis através de um Tablet.

Como exemplo de bons Tablets em questão de tela, elencamos o Asus Memo Pad HD 7, com 1.28o x 800 pixels de resolução, mas com um esquema excelente de cores na tela. Outro bom exemplo é o Sony Xperia Tablet Z, pois possui design agradavel, é a prova d'água e tem uma tela nítida de resolução 1920 200-pixel.

O Samsung Galaxy Tab 8.0 3, tela de 8 polegadas, cores ricamente saturadas e vibrantes. Nexus 7 (2013), um pequeno tablet, mas com upgrade de 1.920, 200-pixel com densidade alta de resolução. E por último o Apple iPad, considerado o melhor tablet em termos de tela, por seu baixo nível de preto, alto contraste e precisão de cor preciso. O iPad funciona em sua resolução nativa 2048 x1 ,536-pixel. 

Por Fábio G. Santos

 

 

Fonte: http://reviews.cnet.com


Apesar de ter sido lançado há pouco tempo, o iPad Mini já é alvo de algumas especulações com relação a sua nova geração, o iPad Mini 2.

Conforme o site CNET, um relatório de fornecedores de Taiwan da Maçã aponta que a AU Optronic já está produzindo a nova tela do iPad Mini 2 e ela teria uma resolução bem superior a do iPad 4.

Isso pode acontecer pelo fato de que surgiram diversas críticas ao iPad Mini, por ele integrar a linha de aparelhos iPad 4 e iPhone 5 e ter uma densidade de pixels de apenas 163 ppi. Assim, a Apple pode ter decidido investir bastante no display da versão mini do seu tablet, que viria com tela de 7.9 polegadas e resolução de 2048 x 1536 pixels, o que equivale ao dobro da primeira geração. Com isso, o iPad Mini 2 teria densidade de 324 ppi, ficando maior até que o recém-lançado iPad 4, que detém 264 ppi, e quase igual a do iPhone 5, que possui 326 ppi.

Apesar de nenhuma confirmação ter sido feita por parte da Apple, esses rumores mostram que a empresa realmente se mantém atenta às suas movimentações de mercado, pois desde que o iPad Mini foi lançado a demanda pelo produto se manteve alta. Assim, o lançamento de um novo tablet com maior resolução vai trazer muito mais sucesso para as vendas.

Por Guilherme Marcon


A indústria de eletrônicos não perde tempo em anunciar novidades para seus produtos. Mesmo que eles nem tenham sido lançados ainda. É o caso do tablet Galaxy Tab, da Samsung. O aparelho ainda nem estreou oficialmente no Brasil (o que deve ocorrer no dia 18/11) e já se fala numa próxima versão.

Durante a feira tecnológica FPD, que aconteceu no Japão esta semana, as novidades ficaram por conta das novas telas apresentadas pela Samsung. A primeira é uma tela de LCD super-fina e resistente com meio milímetro de espessura. Embora não tenha sido declarado espera-se que a Samsung utilize esse tipo de tela na próxima geração do Galaxy tab.

Além disso, surgiram especulações sobre a possibilidade do novo Galaxy Tab, se ele vier a existir mesmo, utilizar a mesma tela Super Amoled presente no smartphone Galaxy S.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: Terra





CONTINUE NAVEGANDO: