O console que é uma inusitada mistura de Playstation 4 com o Xbox One que conseguiu chamar a atenção pela semelhança deve custar pouco mais de R$400

Um videogame chinês está dando o que falar devido a sua semelhança ao Playstation 4. O console apresenta a sua interface muito parecida no menu e na sua loja (comparada a Playstation Network).

O videogame tem a sua fabricação feita através da companhia Fuze Entertainment. Segundo informações, o mesmo deverá ser comercializado no mercado pelo preço de R$ 480, o que é bem abaixo do praticado pelo console da Sony.

O produto tem como sistema operacional o Android e recebe o nome de Fuze Tomahawk F1. A previsão do seu lançamento é o mês de junho deste ano de 2016. As semelhanças do console são, no geral, como é o caso do design, referentes ao PS4, mas o seu controle já é tido como uma cópia do Xbox One.

Ainda no quesito de visual, o Tomahwak F1 é diferenciado do Playstation 4 apenas por uma linha lisa que fica situada na diagonal e segue até a parte superior do console chinês. Fora esse mísero detalhe, ambos são a “cara de um e fucinho de outro” no seu visual.

As configurações

Nesse âmbito, o videogame chinês contará com 500 GB em seu armazenamento interno e um processador de 4 GHz. O console deverá funcionar frente a maioria dos jogos que foram desenvolvidos para a plataforma do sistema Android. Ainda são poucos os detalhes referentes à configuração e especificidades do videogame.
Por enquanto, podemos falar que jogos importantes do cenários que vão rodar no Fuze Tomahawk F1 são Red Ash – The Indelible Legend, BlazBlue – Chrono Phantasma Extend, Hawken e o renomado Assassin’s Creed Chronicles.

Próxima geração de consoles longe da realidade?

Muitos dizem que uma próxima geração dos consoles, principalmente do Playstation 4, está longe de acontecer. Isso acontece, devido ao fato que muitos apostam que as empresas começarão a visar o mercado do streaming de games em televisores cada vez mais modernos.

A coisa pode acontecer da mesma maneira como ocorreu com o streaming de filmes e séries, quando, no início, somente algumas empresas ofereciam seus serviços com um catálogo diminuto e um preço baixo. Porém, depois de um tempo, empresas, como o Netflix, subiram um pouco os preços, mas também ofereceram uma gama maior de conteúdo.

OSCAR ARIEL COLAÇO


A companhia anunciou recentemente um novo jogo, chamado Assassin’s Creed: Unity. O jogo era apenas um rumor, anunciado anteriormente por sites internacionais de tecnologia e jogos de consoles. Porém, a notícia tornou-se realidade para os jogadores da plataforma.

O novo game, dando continuidade à famosa série, se passará na época da Revolução Francesa, período entre os anos de 1789 e 1799. O título da franquia será disponibilizado para as plataformas PC, PS4 e Xbox One. Novos gráficos de alta qualidade foram incorporados ao jogo, dando realidade à cidade francesa, mostrando seus principais locais que hoje são pontos turísticos conhecidos no mundo todo, como a guilhotina central e a Catedral de Notre Dame em Paris.

“Estamos trabalhando no novo Assassin’s Creed há mais de três anos e, apesar de ainda não estarmos prontos para mostrar nossa visão completa de um Assassin’s Creed exclusivo da nova geração (de novos consoles mais potentes), aparentemente a Abstergo (fábrica desenvolvedora fictícia da franquia) está nos forçando”, afirmou a Ubisoft em seu comunicado oficial à imprensa.

Um vídeo também foi lançado, um trailer de um minuto mostrando os gráficos incríveis do local onde será mostrada a história do jogo. O protagonista do jogo aparece em um telhado de uma casa, vendo uma execução em praça pública que não impediu. Ele carrega consigo um sabre do lado esquerdo, e utiliza vestimentas mais escuras em relação às anteriores. Rumores indicaram que o game se passaria no Japão feudal e na Rússia, mas essa informação já foi contrariada, visto que a bandeira da França é exibida no trailer.

É notável que a companhia descartou as versões do título para o Xbox 360 e o PlayStation 3, focando apenas na nova geração de consoles. No início do vídeo, a logomarca da Nintendo não foi exibida, confirmando que o console Wii U não fará parte das plataformas que rodará o game.

Por Danilo Gonçalves

Assassin's Creed: Unity

Foto: Divulgação


PS4Preços de consoles lançados tendem a sofrer um relativo aumento com a carga de impostos cobrada no Brasil. O resultado são vendas abaixo do esperado e migração, dos compradores em potencial, para outros tipos de mercados, como a venda em camelôs, onde os consoles não têm a mesma garantia comercial e podem se transformar em verdadeiros problemas ao comprador.

Por causa da carga tributária nacional, executivos da Sony estudam meios de lançar o PS4 pelo mesmo valor que nos EUA (cerca de US$ 399,00), o que seria uma catapulta de vendas do console em lojas, aumentando o faturamento e em alguns casos, até na demanda de geração de emprego e renda.

Segundo Jack Tretton, CEO da Sony Computer Entertainment of America, a Sony estuda formas de sugerir preços abaixo de R$ 1.000,00 para que o console tenha o número de vendas esperado.

Com a pré-venda, o preço chegou a R$ 1.600,00 em alguns sites, sem contar o preço do frete.

Espera-se que em outubro, durante a Brasil Game Show, seja anunciado o início das vendas do console no mercado nacional, assim como os títulos mais aguardados do ano.

Por Junior Almeida





CONTINUE NAVEGANDO: