Mais rumores giram em torno da Motorola, principalmente depois que a empresa americana foi adquirida pelo gigante Google e do lançamento do Moto X, smartphone top de linha da companhia.

Os boatos agora são sobre um novo phablet que a empresa estaria desenvolvendo em segredo. O dispositivo de alto desempenho está quase pronto e irá disputar com o Galaxy Note 3 e os demais concorrentes diretos.

Se as informações que se tem até agora são verdadeiras ou não, só o tempo poderá dizer, contudo não será surpresa se a Motorola lançasse um phablet ou outro modelo de tablet, afinal todas as grandes marcas possuem seus próprios dispositivos, cada um com características voltadas para diferentes públicos. Um exemplo é o Xperia Z Ultra, da Sony, inspirado no modelo ZQ da marca.

Motorola

Foto: Divulgação

Os rumores afirmam que o Moto Play (área que desenvolve novos produtos da marca) estaria criando um modelo que pode chegar ao mercado em 2014. Outro rumor diz respeito ao Droid Quantum, que será o sucessor do Droid Ultra, contudo não há mais detalhes sobre a atualização.

Vale ressaltar que em 2014 será organizada a feira CES 2014 e muitos outros rumores irão surgir até lá. Como a Motorola sempre apresenta algo novo no evento é de se esperar alguma novidade ou mais rumores sobre lançamentos da empresa e de suas concorrentes.

Por Robson Quirino de Moraes


A Motorola é uma das empresas mais conceituadas no ramo de tecnologia e um dos diferenciais do  Tablet Motorola Xoom 2 é o seu acabamento, que é feito com material emborrachado, o que facilita o manuseio do usuário.

Outro detalhe interessante é a entrada microSD, que faz com que a capacidade de armazenamento do aparelho seja estendida e para quem gosta de uma boa programação de TV, o  Motorola Xoom 2 possui conexão com a TV.

Outro detalhe interessante é o fato de possuir diversos tipos de aplicativos que fazem com que este aparelho fique mais produtivo, como barômetro e controle remoto, que são funcionalidades que não são encontradas em outros aparelhos.

Outra vantagem é a possibilidade de reprodução de vídeoscom o programa Gorila Glass, através de uma câmera traseira com direito a flash, com uma das maiores telas destes tipos de aparelho, que é de 10.1 polegadas, possui uma ótima resolução de tela.

Com tantos dispositivos, uma das poucas desvantagens é a sua autonomia de bateria, que é de sete horas, se levarmos em consideração que há tablets com autonomia de 10 horas e que o  Motorola Xoom 2 demora um pouco mais para ser carregado e o seu preço médio de mercado é de mil reais.

Por Jaime Pargan

Motorola Tablet  Xoom 2


Muitos usuários reclamaram da falta de atualização nos Androids dos aparelhos Motorola, mas para a alegria de todos, a companhia será a primeira a atualizar a plataforma móvel da Google para a versão Jelly Bean, que estará presente em seu tablet. Os usuários norte-americanos já podem fazer o upgrade do Android 4.1 para o Xoom Wi-Fi.

O site Android Central destacou uma informação bastante curiosa, um dia antes de a atualização ser disponibilizada, a Motorola realizou uma pesquisa com o objetivo de saber se o update para a versão Jelly Bean seria uma coisa realmente essencial. E, ao que parece, a resposta da pesquisa foi positiva, pois em menos de 24 horas após a pesquisa ter sido realizada a Motorola disponibilizou a atualização para o Android 4.1.

Os usuários que possuírem o Motorola Xoom Wi-Fi com fabricação norte-americana e que desejarem fazer a atualização, devem acessar o menu configurações e verificar se o update já está disponível. Algumas pessoas reclamaram, pois o arquivo de atualização ainda não estava aparecendo em seus dispositivos e para tranquilizá-los a companhia informou que a nova versão do Android está sendo liberada aos poucos e que logo todos os aparelhos receberão o upgrade.

Por Guilherme Marcon


A Motorola liberou o download da última versão do sistema operacional Android, mais conhecida como Ice Cream Sandwich, para o modelo Wi-Fi do Motorola Xoom. A má notícia é que a atualização ainda não está disponível para os usuários brasileiros e os modelos 3G, LTE e variantes ainda não possuem o suporte para o sistema no momento.

Os usuários que possuírem o tablet em outras versões poderão fazer a atualização gratuitamente.

Da mesma forma que ocorre nos smartphones, a atualização do sistema operacional traz ótimas melhorias para a forma que o aparelho é utilizado. Com o novo sistema, é possível ampliar as capacidades da câmera do aparelho, pois o Android 4.0.4 resolve os problemas com estabilidade e ainda aprimora a forma de rotação da tela.

A empresa ainda não divulgou quando a atualização estará disponível para os tablets brasileiros. Além disso, também não foi estipulada uma data para o lançamento da atualização para os outros produtos da Motorola, como o Xoom 2.

Para quem não sabe, é bem fácil atualizar o sistema operacional do Xoom, basta entrar em configuração > sobre o tablet > atualização do sistema, e fazer a atualização para a versão mais atual.

Por Guilherme Marcon


A Motorola lançou no Brasil o seu novo tablet Motorola XOOM 2 Media Edition. O aparelho, que custa cerca de R$1.199, está sendo comercializado inicialmente pela operadora Vivo.

Um dos destaques do produto é o MotoCast™, uma solução que permite ao usuário acessar os arquivos pessoais do tablet.

O equipamento também apresenta um aplicativo que faz com que ele se transforme em um controle remoto universal para produtos de áudio e vídeo.

O XOOM 2 Media Edition tem Android 3.2, processador dual-core de 1.2 GHz e display de 8.2 polegadas. Ele ainda conta com som surround com reforço de graves, câmera frontal de 1.3 MP e traseira de 5 MP (que grava e reproduz vídeos em Full HD).

O diretor de produtos da Motorola afirma que a empresa está muito empolgada com o lançamento do produto, principalmente por ele ser uma ferramenta indispensável nos dias atuais.

Confira mais informações no site www.motorola.com.

Por Natali Alencar


A partir do dia 27 de março de 2011, estará disponível em lojas americanas uma versão mais barata do tablet da Motorola, o Xoom. Ele irá aparecer sem o mecanismo de conexão 3G, somente com o Wi-fi.

Segundo informações de mercado, o preço estimado que pode ser praticado pelas lojas é o de US$ 599, transformando para a nossa moeda fica em torno de R$ 1 mil reais.

Lojas como Best Buy, Amazon.com, Sam’s Club, Walmart, Staples, entre outras, estarão oferecendo em terras americanas o aparelho com a seguinte configuração: uma tela de 10,1 polegadas no modo widescreen, 32 GB de memória, a comentada conexão Wi-fi, além do sistema operacional Android na sua versão 3.0 (também é conhecida como Honeycomb).

No Brasil, os rumores dão conta que esta versão do tablet da Motorola chegue no mês de maio. 


O tablet Motorola Xoom tem sido apontado como um dos grandes concorrentes do iPad ao lado do Galaxy Tab.

Lançado há poucos dias nos Estados Unidos pela operadora Verizon, o Xoom não tem encontrado a mesma receptividade do tablet da Apple. Segundo analistas as vendas do tablet da Motorola, que tem processador dual-core e roda o Android Honeycoomb, estão apenas engatinhando.

Um levantamento feito em 80 pontos de venda apontou que a média de venda é de 2 unidades por dia. A expectativa é que o Xoom tenha vendas de 300 mil unidades no trimestre.

Para se ter uma ideia da diferença em relação ao iPad 2, espera-se que o tablet da Apple tenha vendido 300 mil unidades em apenas 24 horas no seu lançamento.

Por Maximiliano da Rosa


Pelo o que parece 2011 será o anos dos tablets, tendo em vista que 2010 foi o ano do tablet da Apple, o iPad. Prova disso é a chuva de lançamentos deste tipo de equipamento na CES, uma das maiores feiras de tecnologia do mundo. A Motorola anunciou o lançamento do seu tablet com o novíssimo Android Honeycomb, desenvolvido especialmente para este tipo de equipamento.

O Xoom, pronuncia-se "zum", terá conexão 3G, rodará Flash, tamanho semelhante ao do iPad e duas câmeras: uma frontal para vídeo chamadas e uma na parte de trás para fotos e vídeos. O início da venda dos modelos está previsto para o mês de março nos EUA.

Por Camila Porto de Camargo


Atualmente são raros os rumores que não se confirmam na indústria de eletrônicos. Há algum tempo se fala num possível tablet produzido pela Motorola. E até pouco tempo atrás acreditava-se que o tablet seria equipado com o Android 3.0 Gingerbread. Hoje sabemos que o Gingerbread é, na verdade, o 2.3 e o codinome do Android 3.0 é Honeycomb.

Reminiscências à parte, o fato é que no início do ano acontece em Las Vegas a CES 2011, uma das maiores feiras de eletrônicos do mundo. Lá é esperado que a Motorola faça o anúncio oficial do seu tablet Android, o primeiro com o sistema operacional Android Honeycomb.

Por enquanto não há maiores detalhes sobre o tablet, a não ser que ele poderia ter uma tela de 7 polegadas, processador Tegra 2, da Nvidia e se chamaria MOTOPAD. O anúncio poderia ser feito no dia 5 de Janeiro de 2011.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: Android And Me


Quem disse que com a internet a TV estaria fadada ao fracasso? O aumento nas vendas de aparelhos e a integração de receptores em smartphones como o Galaxy S, provam que o caminho é justamente o contrário. Além deste fato, a Motorola quer levar a TV digital para dentro de seu primeiro tablet, com lançamento previsto para os próximos meses.

A empresa quer bater de frente com a Apple e possíveis novos aparelhos que virão em breve e aposta na TV, duas câmeras e suporte para Flash. Tudo o que o iPad não tem. Alem de querer briga com o iPad, a Motorola quer incrementar seu tablet para ter fôlego na briga com futuros concorrentes como a Samsung, RIM e HP, que também anunciaram lançamentos em breve.

Por Camila Porto de Camargo

Fonte: IDGNow!





CONTINUE NAVEGANDO: