A Amazon, maior livraria virtual do mundo, lançou o Kindle Fire HD e o Kindle Fire HD 8.9 em 170 países, mas o Brasil ficou de fora. Segundo a empresa, o tablet deve chegar ao nosso país até o fim de 2013. Vale lembrar que anteriormente o modelo estava disponível apenas em alguns países da Europa e Ásia.

O aparelho, que custa lá fora US$ 199, possui processador dual-core de 1.2 GHz, conta com memória RAM de 2 GB e tem capacidade de armazenamento de 16 GB ou 32 GB (esse custa US$ 249). A tela de LCD possui 7 e 8,9 polegadas, com resolução de 1.280 x 800 pixels.

O modelo ainda apresenta câmera frontal, conexão Bluetooth, entrada HDMI, conector USB 2.0 e entrada para fone de ouvido.

A loja de aplicativos da Amazon é um ponto de destaque e agora está disponível em 200 países.

O aparelho utiliza uma versão modificada do Android, que permite a abertura de diversos tipos de arquivo de vídeo, áudio e imagens.

A Amazon não divulgou a quantidade de aparelhos vendido, mas estima-se que a empresa vendeu 1,8 milhões de tablets no primeiro semestre deste ano.

Por Robson Quirino de Moraes


Há poucos dias, a Amazon liberou seu mais novo comercial, que fala do seu tablet Kindle Fire HD com 8.9 polegadas de display.

Na publicidade, a gigante varejista tenta inferiorizar o tablet da Apple, que é o seu principal rival no mercado. Em um vídeo bastante simples, é feita uma comparação entre os dois gadgets nos quesitos qualidade de imagem da tela e preço.

O comercial mostra que há pouca diferença entre a Retina Display do iPad e a resolução HD do Kindle Fire, exibindo diversas imagens. No final, o narrador afirma que “quase não há diferença”, mas há uma bem importante: o preço. E então aparece o custo de cada um, sendo que o tablet da Maçã custa US$ 499 e o tablet da Amazon custa US$ 299, uma diferença de preço bastante grande.

O problema é que muitas pessoas criticaram o vídeo dizendo que o iPad jamais pode ser comparado com o Kindle, porque este é muito inferior. Alguns usuários chegaram a afirmar que a imagem do Kindle Fire no vídeo foi alterada para ficar mais parecida com a do iPad.

Porém, por mais que os concorrentes tentem atacar o iPad, ele é o líder com distância nas vendas de tablets no mercado dos Estados Unidos.

Por Guilherme Marcon


Realmente a Amazon resolveu apostar grande parte das suas fichas com o lançamento do seu novo tablet, o Kindle Fire HD. Para tal, a empresa acrescentou diversos novos softwares, sendo um deles o X-Ray.

O novo aplicativo, que já vem pré-instalado no Kindle Fire HD, vai ajudar os usuários a identificar que filme estão assistindo e também quais são os atores do elenco. O funcionamento do app é muito simples, pois basta tocar sobre o rosto de um dos atores que estão na cena assistida (desde que o filme tenha sido adquirido por alguma plataforma do próprio Kindle). Após tocar no ator ou na atriz, o usuário só precisa aguardar que o sistema será aberto e efetuará a busca por informações a respeito da pessoa em questão. Isso acontece porque o software é conectado ao IMDb, que é o maior banco de dados do mundo no setor de cinema (e é de propriedade da Amazon). Depois de encontrar as informações, elas serão exibidas na tela, porém, isso é feito muito rapidamente.

Além de o sistema ser utilizado em filmes, também será possível aplicá-lo nos livros baixados por meio da Amazon, pois selecionando o nome de um dos personagens ou então um termo específico, é possível efetuar uma busca dentro do livro e localizar onde esse nome ou frase foi falado.

Por Guilherme Marcon


Até há pouco tempo havia muitos rumores sobre o lançamento de uma nova versão do Kindle Fire, o tablet da Amazon. Assim, no início do mês de setembro a empresa anunciou o novo modelo com características bastante interessantes.

O novo modelo recebeu o nome de Kindle Fire HD e foi apresentado com uma tela com ótima resolução em dois tamanhos. A nova versão foi lançada com tela de 7 polegadas e também com 8,9 polegadas, sendo que os dois tamanhos têm 1920 x 1200 pixels de resolução, além da redução de 25% no reflexo do display. Os Kindles Fire HD já vêm de fábrica com o FreeTime, para controle do conteúdo e tempo de uso por parte dos pais. Eles vêm também com o conhecido Whispersync for Voice e com o Immersion Reading.

Em questão de especificações técnicas, os novos Kindle Fire possuem memória RAM de 1 GB, compatibilidade com Wi-Fi, processador OMAP 4470 com dois núcleos e frequência de 1.5 GHz, câmera na parte da frente e capacidade de armazenamento interno de 16 GB ou 32 GB. A versão de 8.9 polegadas ainda é compatível com o 4G de forma opcional.

Os preços dos aparelhos nos EUA iniciam em US$ 199 dólares para o modelo com 7 polegadas e US$ 299 para o modelo de 8.9 polegadas. Não há informações sobre quando o tablet chegará ao Brasil.

Por Guilherme Marcon





CONTINUE NAVEGANDO: