Atualização 5.0 do Chrome traz novos recursos e encerra o suporte para os sistemas Windows XP e Vista.

O Google Chrome é um navegador criado pele gigante da informática Google e é o terceiro navegador mais utilizado em todo o mundo, sendo que você pode tê-lo de forma gratuita, sem pagar nada. A grande novidade fica conta de sua mais nova atualização.

O Google Chrome veio se tornar o navegador mais utilizado no mundo todo e agora ele chegou na sua versão 5.0. Esta nova atualização traz novos recursos e ferramentas nas notificações. Talvez o que pode vir a desagradar alguns usuários é que a nova atualização encerra seu suporte para o Windows XP e o Windows Vista.

Um das novidades que antes só eram possíveis no Edge, é o de podermos alterar as configuração do Google Chrome para receber os resultados de busca da Cortana ou do desktop do Windows 10, a partir do próprio navegador. Para fazer a mudança para receber os resultados de busca da Cortana, você precisa ter como navegador o Chrome. Então é só acessar o navegador e ir até a página de experimentos. Vá até a opção de permitir redirecionamento e aceite para que você então obtenha os resultados da área de trabalho e da Cortana no próprio browser do Google Chrome.

Vale ressaltar que a Cortana ainda não possui versão em português e ainda não se sabe quando os brasileiros vão ter essa esperada versão. O jeito é aguardar.

Tenha o melhor navegador da Web

O Google Chrome é o navegador mais rápido e inteligente que existe, com uma interface bonita e atrativa. É o navegador mais versátil, simples, leve e o mais rápido de todos. No que se refere aos carregamentos de páginas, nenhum outro se iguala a ele em termos de rapidez. Ele permite o uso de várias extensões ao mesmo tempo.

Outra potência fica por conta da tradução da página para outros idiomas sem precisar reiniciar a página. O browser também traz um excelente corretor ortográfico e você também pode abrir múltiplas abas simultaneamente. A interface pode ser alterada a seu gosto e você pode personalizar os temas. Enfim, são muitos os benefícios do Chrome, que proporciona praticidade, velocidade, leveza e muita simplicidade.

Para adquirir o Google Chrome 5.0 basta acessar o site oficial e fazer a sua atualização.

Felipe Pancheri Colpani


Nova funcionalidade do Google Chrome permite que o usuário desabilite o som de uma aba.

Os usuários que estão acostumados a abrir várias abas em seu navegador sabem o quanto é incômodo o som que algumas abas podem emitir. Enquanto você está concentrado em um trabalho, ou mesmo em seus estudos, uma aba em segundo plano pode acidentalmente reproduzir um vídeo, ou mesmo emitir um som quando você recebe uma nova notificação em uma rede social, por exemplo. E isso pode tirar a concentração ou causar algum constrangimento, dependendo do teor da página acessada.

Para evitar esse incômodo, o navegador Google Chrome terá uma nova funcionalidade, que permitirá que o usuário desabilite o som de uma aba. No ano passado o navegador já havia inovado, quando lançou um ícone que indicava aos usuários quando uma aba estivesse emitindo som. Agora com a funcionalidade, os usuários escolherão se querem ou não ouvir o som da aba em segundo plano.

A funcionalidade já havia sendo testada por um ano, e agora está disponível para todos os usuários do navegador. Quem desejar não mais ouvir os sons de uma aba deve clicar sobre ela com o botão direito de seu mouse e escolher a opção “Desativar som da guia”.

Quem ainda não consegue ver a funcionalidade em seu Google Chrome, talvez possa estar com a versão desatualizada. Para verificar sua versão do navegador, clique sobre o menu de opções e selecione a opção “Sobre o Google Chrome”. Lá estará a versão que é rodada atualmente em sua máquina, e se houverem atualizações, haverá a opção para que as mesmas sejam baixadas para sua máquina.

Quem preferir um caminho mais curto para verificar sua versão do navegador pode copiar e colar o código a seguir na sua barra de endereços: chrome://chrome/.

Se sua versão estiver desatualizada, basta clicar em baixar atualizações. Após o processo, seu navegador será reinicializado e você poderá desfrutar da nova funcionalidade do navegador, de silenciar abas em segundo plano.

Por Rodrigo Silva

Google Chrome


Muitos usuários gostariam de usar o leve e simples navegador Google Chrome, mas a sua facilidade de incorporar cookies e outros tipos de invasões preocupam internautas e os mais atentados se afastam do seu uso. Contudo, há outros browsers que tem em sua base a estrutura Chromium, a mesma do Google Chrome, só que com recursos mais personalizados que melhoram a usabilidade e a segurança na hora de acessar a internet.

O CoolNovo Browser oferece um menu com quatro atalhos que facilitam o uso, além de ter comandos de acesso por gestos. Abrir links em novas janelas, dar zoom, limpar histórico e abrir página de downloads são opções rápidas para o internauta. A interface é bem semelhante ao do Chrome e ele possui outras funções extras. O navegador também pode executar abas do Internet Explorer a partir do browser.

O Comodo Dragon tem como principal trabalho fornecer alta segurança ao usuário. O internauta tem opções de privacidade e filtros especializados em certificados SSI. Ele também é bem parecido com o navegador do Google. O Comodo Dragon protege o computador de malware e exclui cookies armazenados.

O SRWare Iron também é voltado para a privacidade e sempre elimina o rastreamento da navegação do usuário. Alguns internautas podem ter problemas durante sua navegação na internet e o browser oferece várias funções para evitar erros. SRWare Iron tem um bloqueador de anúncios e rastreia automaticamente os bugs que aparecem na navegação. A segurança também é um grande diferencial do browser, criando uma identificação única para cada usuário, evitando assim o acesso de terceiros e a privacidade de todos os internautas do navegador.

O Torch Browser tem funções interativas e que conectam com facilidade as redes sociais, sites de vídeos e download de conteúdo. O navegador compartilha mídias de páginas da Internet diretamente na rede social Facebook, além de baixar vídeos que o usuário quiser pelo YouTube. Também tem uma interface parecida com o Chrome, capaz de reproduzir vários conteúdos e baixar mídias de torrent.

Por Carolina Miranda


Uma nova atualização do Google Chrome foi liberada para download nessa última terça-feira (08/04). A versão 34 do navegador do Google disponibiliza mais recursos tecnológicos. Os chamados “usuários supervisionados” e o “imagens responsivas” são algumas das alternativas que o Chrome dará aos seus usuários.

A nova versão vai ter mais suporte e até mesmo uma otimização no carregamento de fotos. O Google, como era de se esperar, também melhorou o desempenho do browser e procedeu correções de bugs, dando assim mais segurança aos internautas.

Será possível perceber melhor navegação de sites para os internautas, apesar da atualização ser voltada para desenvolvedores. Os usuários irão ver um maior fluido no funcionamento da ferramenta. O Google Chrome teve uma adição do recurso chamado “usuários supervisionados”, que já estava em testes na versão beta do navegador.

A opção vai permitir ao usuário criar outros perfis no Chrome e poder capacitá-los para que outros computadores aceitem o seu funcionamento. Inclui os arquivos favoritos dos usuários e outras configurações de forma automática. Essa liberdade de comandar outros perfis em várias máquinas, não vai debilitar a segurança, ou seja, será possível controlar os sites que os eles terão acesso para visitar, uma ideia que se encontra com pais ou responsáveis que precisam limitar o uso do computador por crianças.

O recurso “imagens responsivas” também é um outro dispositivo que o Google Chrome lança na sua nova versão 34. O serviço vai otimizar o carregamento de imagens na internet. O recurso funciona por meio da identificação das principais características do conteúdo que será carregado. Contudo, vale a pena ressaltar que isso dependerá do equipamento e da tela em que está sendo carregado a mídia, se é computador, tablet ou smartphone.

O Google Chrome também fez correções de 31 erros de segurança para proteger o acesso do usuário. O navegador também incluiu um modo Windows 8 modificado, que lembra muito o design do Chrome OS. 

Por Carolina Miranda

Chrome vers?o 34

Foto: Divulgação


Mal teve seu anúncio, o novo Chromebook do Google já foi alvo de dúvidas em relação à sua eficácia e seu custo-benefício. Mas não é pra menos, custando cerca de US$ 1.400 nos Estados Unidos, questiona-se acerca da qualidade final e experiência de usuário.

Uma das boas e más notícias sobre o novo Chomebook Pixel é com certeza sua tela, que tem uma altíssima definição, (2560×1700 pixels). Sua tela com certeza chama a atenção, mas talvez não só pela resolução, mas também pelo formato que é 3:2. É mais quadrada que uma televisão de tubo, que segundo o Google, serve para uma melhor visualização das páginas da web, mas será que seria prazeroso ver um vídeo nessa tela?

Uma coisa é certa, o novo Chromebook Pixel é no mínimo curioso, pois tem como item opcional um modem de conexão 4G LTE, que é uma boa para um notebook, mas infelizmente só são disponibilizados gratuitamente 100MB mensais durante 2 anos, o que praticamente impossibilita quase qualquer idéia que não seja ler as notícias ou feeds de redes sociais.

Sua configuração não é a mais incrível do mundo, pois conta apenas com um processador Intel Core i5 e uma placa de vídeo Intel HD Grafics 4000 como destaques, além de um SSD de 32GB ou 64GB.

Embora seja uma ótima sacada do Google, o novo Chromebook Pixel não deve fazer muito sucesso, muito menos emplacar o sistema Chrome OS, mas versões aprimoradas do sistema e dos próximos modelos podem dar rumos diferentes às coisas.

Por Anderson Silva.


A ferramenta chamada de Google Now é um aplicativo utilizado em smartphones, que exibe informações muito práticas para o usuário, baseando-se no que foi procurado no site de buscas, na data e na localização do usuário.

Agora, há algumas especulações de que o Now pode ser utilizado não só no sistema operacional móvel da gigante das buscas, o Android. Isso, pelo fato de que alguns usuários identificaram alterações no Google Chrome, em seu código-fonte, que indicam a possibilidade de alguma interação entre o Google Now e o navegador.

Se for confirmada a compatibilidade do Chrome com o Now, isso confirmará que o Google pretende prever a navegação das pessoas que utilizam seus serviços, deixando a navegabilidade mais intuitiva, respondendo às suas demandas já prevendo as necessidades.

Com o Now, os usuários podem conferir diversas informações com relação ao transporte público de sua cidade, resultados sobre os jogos do time que torce e também dados sobre a previsão do tempo, sem a necessidade de efetuar uma configuração prévia.

O Google se posicionou sobre a “descoberta” dos usuários, indicando que está desenvolvendo sim um projeto para o Chrome, porém está em fase experimental.

Por Guilherme Marcon





CONTINUE NAVEGANDO: