Confira aqui algumas dicas na hora de escolher o seu novo computador.

Se você está pensando em adquirir um computador novo, saiba que existem algumas informações importantes que precisa saber antes de comprar qualquer máquina. Tudo varia de acordo com as atividades de cada usuário e quais são suas atividades. Sem contar que também existe a opção entre desktop e notebook, que também pode ser simples, mais barato e interessante.

Pensando sobre o assunto, separamos um apanhado com as dez coisas que você precisa saber, na hora de comprar um computador novo. Se você sempre tem esse tipo de dúvida, ou não sabe exatamente como definir uma máquina ideal e seus componentes, esse artigo é para você. Continue lendo e aprenda como montar um computador novo e ideal para você.

1. Identificando o usuário

O primeiro passo é saber que tipo de usuário você é, e entender qual é a finalidade do computador na sua casa ou empresa. Entender isso é o que de fato irá influenciar na escolha das peças na hora de comprar um computador novo. Para usuários que jogam, por exemplo, é preciso uma máquina com memória RAM maior, assim como a placa de vídeo.

Já para usuários que usam apenas a edição de textos, computadores com uma configuração mais modesta pode ser suficiente, e existem notebooks muito bons no mercado com bom preço que conseguem atender essas pessoas.

2. Entender os componentes

O que você precisa saber antes de comprar um computador, diz respeito aos componentes, ou a parte de hardware. Entender e conhecer o papel de cada componente e o seu funcionamento é essencial para evitar maiores problemas.

O primeiro item a conhecer é o processador, ele é uma das principais peças da CPU e é fundamental para o funcionamento e desempenho da máquina. Você já deve ter ouvido falar na Intel e AMD, que possuem propostas diferentes para uso.

3. Memórias

Um dos modelos de memória RAM mais modernos é o DDR4 e o mais indicado para qualquer tipo de usuário. Esse componente seria o mais ideal na hora de comprar um computador novo, já que ele ajuda na funcionalidade de todos os outros componentes, e depois na hora de fazer qualquer upgrade, também fica mais fácil.

Mesmo com os sistemas operacionais modernos ter uma memória RAM inteligente é sempre uma ótima opção. Mesmo computadores ou Notebooks com uma quantidade razoável de memória já pode ser o suficiente para as atividades do usuário. No caso de usuários jogadores, quanto mais memória melhor.

4. Sistema operacional

Apesar de todas as especificações técnicas servirem como um norte na hora de comprar um computador novo, escolher uma máquina que já venha com o sistema operacional de fábrica pode ser uma economia e tanto. O Windows é bem caro quando comprado por fora, e mesmo com promoções para o pacote Office, ainda sai com gosto bem salgado na hora de adquirir separadamente.

5. Limite de armazenamento

Um dos componentes mais interessantes e resistentes na hora de comprar um computador novo, é buscar por aqueles que possuam a HD SSD, que são mais velozes e prometem ter um desempenho melhor. É válido ressaltar que a sua máquina pode ser atualizada a qualquer momento, podendo aumentar o armazenamento de componentes caso você queira.

6. PC Gamer

Não é porque uma máquina é gamer, que serve apenas para quem joga. Normalmente computadores gamers são usados por quem é exigente em desempenho. As máquinas que possuem essa categoria são aquelas com Hardware mais avançado, possuem preços mais altos e são mais chamativos inclusive. Dell, Samsung e Acer são algumas das marcas mais conhecidas que atendem esse público.

7. PC de entrada

Esses são aqueles computadores encontrados em lojas varejistas, com ofertas para empresas, por exemplo. A linha Inspiron da Dell é um grande exemplo desse tipo de computador, que também possui linha em Notebooks de configurações mais simples, servindo para uma boa produtividade.

8. Comprar por peça ou tudo junto?

Se você tem dúvida entre como comprar um computador novo, se peça por peça ou a máquina completa, isso varia de acordo com os valores disponíveis para gastar. Caso você também não entenda muito bem sobre componentes, comprar um computador novo todo montado pode ser mais fácil.

Já para usuários mais experientes, comprar peças melhores e atualizadas, são ótimas opções na hora de equipar a máquina. Esse tipo de personalização pode custar uma boa parcela do orçamento.

9. Computador ou notebook?

Aqui a dúvida é entre mobilidade e desempenho. Embora não seja uma regra, o alto desempenho em computadores está muito mais voltado para desktops, computadores de mesa, enquanto que a mobilidade é exclusiva dos Notebooks.

10. Fazendo as contas

Escolher um Notebook pode valer a pena em relação a mobilidade, mas se o seu objetivo for um alto desempenho, esse tipo de máquina acaba tendo um valor muito mais alto. Enquanto que comprar um computador novo de mesa, e atualizá-lo peça por peça pode sair mais em conta, levando em consideração também, a busca por um alto desempenho. Vai de cada um escolher o que melhor irá se adequar as suas necessidades.

Por Susan NogArt


Saiba aqui como remover o Hao123 do seu computador.

Praticidade na hora de fazer downloads na internet é um característica nos dias de hoje. Em tudo, é necessário dedicarmos um pouco de atenção e não cairmos em armadilhas, principalmente na hora de realizar o download de algum software. Muitas vezes, optamos por escolher os softwares que estão gratuitos, porém, é importante ficar atento caso não quisermos encher o nosso computador de programas que reduzam o desempenho e que, muitas vezes, são indesejados, porém, aos nossos olhos parecem inofensivo. Outra forma que muitos infelizmente adquirem é ao acessar um site de downloads e escolherem um instalador que não seja do site oficial do desenvolvedor.

Um destes que podem vir embarcado em alguns programas cujo download realizamos são os famosos programas adicionais, ou extensões, que podem dar uma dor de cabeça e mudar toda a configuração do navegador. São recursos que não precisamos e que tornam a navegação mais demorada e também menos segura, pois muitos destes podem redirecionar as buscas ou a navegação a sites fraudulentos e o desempenho do computador fica comprometido. De diversas delas, a que mais incomoda é o agregador de sites Hao123.

Desenvolvido pela equipe do Baidu, esse componente vem embarcado em diversas instalações de programas gratuitos. Muitas vezes, estes estão marcados e passam despercebido pelo usuário. O grande problema é que após reiniciar o navegador, a página inicial e configurações acabam sendo modificadas, gerando dor de cabeça e muitas pesquisas para remover o agregador do navegador.

Se você é uma das pessoas que foram “contempladas” e está com o Hao123 em seu computador, alguns passos na remoção são necessárias. A primeira delas é ir até o painel de controle (você pode utilizar a busca do Windows no Menu Iniciar) para localizar esta funcionalidade do Windows ou navegar até o Painel de Controle e escolher a opção de Desinstalar ou alterar um programa, seleciona o Hao123 e escolher a opção desinstalar.

Feito isso, caso você use o Google Chrome, navegue até o menu de configurações, escolha inicialização e clique em configurar páginas. Feito isso, modifique para a página ao qual você quer que abra ao iniciar o navegador e confirme clicando no OK. Agora, será preciso fechar o navegador, ir na área de trabalho e clicar com o botão direito no ícone do Google Chrome. O último passo para eliminar o Hao123 é apagar o endereço do mesmo no campo de destino na aba atalho.

Já no Firefox, o processo é um pouco diferente, mas muito fácil. Abra o Firefox e vá até opções. Chegando nesta parte, escolha a aba geral e mude a página inicial para o website ao qual você deseja ou escolha a opção de restaurar o padrão para usar a página inicial do Firefox que permite as buscas pelo Google. Para concluir, repita o mesmo processo descrito com o Google Chrome, só que desta vez acesse as propriedades do Firefox na área de trabalho, vá até a aba atalho e apague o endereço do Hao123 e confirme clicando em OK.

Para finalizar, é necessário o remover também do Internet Explorer. Abra o navegador e no menu com uma engrenagem escolha as opções de internet. Na opção home page, mude para a que você estava usando anteriormente e clique em OK. Para remover por completo, acesse as propriedades do Internet Explorer na área de trabalho, vá até a aba atalho e apague o endereço do Hao123 e confirme clicando em OK.

Viu como é fácil? Agora você pode navegar mais tranquilo e seguro. E desmarque as caixinhas de instalações adicionais nos programas e baixe sempre o software do site oficial do desenvolvedor. Boa sorte.

Por Leandrinho de Souza


Cofira aqui algumas dicas para porteger o seu PC de Vírus.

O acesso à internet, sem dúvida difundido no mundo inteiro, é algo hoje em dia que demonstra mais facilidade com smartphones e tablets. Contudo, os ataques cibernéticos também aumentam com normalidade devido a quantidade de informações colocadas na rede. Os diversos modelos de vírus e hackers também se aperfeiçoam e aumentam seus alvos, e obviamente agem na ilegalidade. Com isso, se faz necessário um aperfeiçoamento na segurança de seus aparelhos digitais e na forma como você deve gerenciá-los. Com essas dicas espero ajudar a protegê-lo do mundo tecnológico e perigoso que a globalização permite.

1º dica: Esteja protegido contra Spywares.

Esses spywares são softawares, ou seja, programas que hackers costumam colocar na rede. Eles são como bisbilhoteiros no seu computador, ficam à procura de informações que possam lhe comprometer. Por isso é indispensável a utilização de Antispywares para se manter protegido.

2º dica: mude suas senhas

É muito importante que você não use uma única senha para todas as redes sociais e sites de compra que você possui. Pois se algum hacker descobre essa senha, ele terá acesso a todas suas contas, e-mails, dados bancários, etc. Elabore uma senha difícil, com números, letras maiúsculas e minusculas e símbolos, não se esqueça de trocá-la de tempos em tempos, para manter-se atualizado e mais seguro.

3º dica: mantenha seu sistema atualizado

A terceira dica é sobre o sistema operacional. Mantenha-o sempre atualizado, isso o torna mais eficiente e seguro com novas recomendações do fabricante e nova roupagem. Além disso, um sistema operacional desatualizado está mais vulnerável a ataques externos e desprotegido.

4º dica: cuidado com links desconhecidos

Com certeza você já deve ter caído na tentação de clicar em um botão enorme escrito “Baixar” para fazer o download de seu arquivo, não foi? Acredito que sim, e esse é o principal meio pelo qual as pragas digitais penetram em seu computador. Só porque o nome do seu filme está escrito em algum link não significa que ele seja seguro para assistir. Os hackers adaptam seus vírus as páginas nas quais estão inseridos e isso pode confundir as vezes o internauta, porém, tome cuidado com o exagero visual que esses links dão, pois ali está o perigo.

5º dica: instale um antivírus

Por mais óbvio que pareça, o antivírus ainda é a maneira mais eficiente de se proteger. Ele e o Firewall devem estar sempre ativados e conectados com a internet, além de atualizados. Ambos indicam quando uma ameaça é encontrada e em que sites você pode entrar.

Porém, obviamente, estes não são os únicos meios de proteção. Você deve estar atento no que está clicando e nos sites que está realizando alguma pesquisa. Fique atento! Cuidado!

Jean Carlos Weber Andrades


Confira aqui o que fazer com seu notebook ou computador caso derrame algum líquido em cima dele.

Não é novidade nenhuma o fato de que líquidos e aparelhos eletrônicos são inimigos. Quando por algum motivo se juntam o líquido começa seu trabalho de destruição de grande parte dos circuitos eletrônicos. Além disso, pode ocasionar possíveis descargas elétricas caso você não tenha cuidado.

Antes de mais nada, a melhor coisa a se fazer é deixar o computador de lado enquanto ele estiver molhado.

Mas vamos ao que interessa: Logo depois que (presumindo que seja acidente e não vingança) o líquido for derramado, a primeira coisa a se fazer é ter certeza de que tanto suas mãos quanto o botão Power do aparelho estejam bem secos. De qualquer forma, use uma toalha para prevenir.

Depois desligue o computador… Isso não envolve desligar o Windows da maneira tradicional. Apenas mantenha pressionado o botão Power. Dentro de cinco segundos no máximo sua máquina será desligada.

O próximo passo é remover do equipamento qualquer tipo de fonte de eletricidade. Desconectar o adaptador de energia e até mesmo remover a bateria se for o caso.

Com isso você está livre de acabar levando uma descarga elétrica. Na sequência desconecte os periféricos do computador: mouse, teclado, pendrive ou o que mais que estivesse usando.

Depois disso, abra sua máquina e faça a remoção de qualquer coisa que possa ser removida de forma fácil. Como exemplo, o HD, a RAM e SSD.

Caso o líquido que tenha sido derramado no PC seja algo um pouco difícil de sair como coisas grudentas tipo bebidas alcoólicas e refrigerantes, não tem outro jeito a não ser mandar a máquina para um profissional que conta com equipamentos específicos para a limpeza nesses casos.

Mas se for apenas água é bem provável que você consiga lidar com a situação por conta própria. Mas fica um aviso: Se você não tem a mínima idéia de como é dentro de sua máquina é bom nem inventar. Pode acabar danificando ainda mais ela.

Mas vamos lá tratar da água. Comece secando toda a parte externa com uma toalha. Certifique-se de estar secando bem. Depois sobre uma mesa limpa estenda uma toalha seca. Abra seu aparelho o máximo possível (essa parte é mais fácil com um notebook) de forma que a tela e também o teclado fiquem virados para baixo. Deixe o seu notebook por lá até que a água possa pingar e secar.

Depois é bem simples: Basta reconectar tudo no computador e ver se ele “volta a vida”. Caso contrário a assistência técnica é o único destino possível.

Por Denisson Soares


Confira aqui uma lista de programas que ajuda a melhorar o desempenho de seu computador.

Existem alguns programas para o sistema operacional Windows que vão ajudar ao seu PC para que não travem e ganhem velocidade. Confira abaixo uma lista de bons aplicativos:

Airy Memory Cleaner

Com esse app você consegue uma otimização da sua memória RAM. Com ele, é possível realocar endereços da memória que estejam vazios e isso vai evitar que aconteça um consumo exagerado da memória RAM. O programa pode ter a ativação automática da otimização da memória quando a mesma chega em 90%, ou então, clicando em “Optimize Memory Now”.

Auslogics Disk Defrag

Com esse programa você conseguirá desfragmentar os discos do Windows. Ele se apresenta como uma alternativa melhor em relação ao desfragmentador do sistema operacional.

AVG Web TuneUp

Ele se encontra disponível para navegadores como o Chrome, Firefox e Internet Explorer. O programa apresenta uma opção para o usuário não ter problemas com rastreadores ocultos e outras ameaças. Ele é gratuito e adiciona o seu plugin de maneira automática para o navegador padrão.

CCleaner

Esse programa é um dos mais conhecidos para usuários com sistema operacional Windows. Porém, ele também apresenta versões para Android e Mac OS. O aplicativo vai fazer a limpeza dos arquivos que são desnecessários e estão armazenados no seu computador. O seu intuito é a liberação do espaço no disco rígido. Desta maneira, você poderá fazer o armazenamento em maior número de suas músicas, vídeos, fotos, entre outros. O programa é gratuito, mas há opção de uma versão paga.

Wise PC 1stAid

Esse programa é totalmente gratuito e é voltado para os computadores com sistema operacional Windows. A promessa dele é a correção de maneira automática frente a problemas do computador por meio de um processo inteligente. Ele vai apresentar para o usuário uma lista com várias soluções para diversos problemas. É como se fosse um “primeiro socorro” para computadores, como o seu próprio nome diz.

Com isso, o usuário pode buscar em diversos sites (seguros) que tenham esses programas e fazer o download daquele que mais lhe oferece benefícios. O seu computador também pode precisar de um upgrade na máquina para ter um melhor desempenho. Algumas peças podem estar ultrapassadas e necessitam de troca. Para isso, leia nossa matéria sobre Upgrade no seu Computador.


Confira aqui algumas dicas e cuidados na hora de fazer o upgrade de seu computador.

Quando você pensa que seu computador está um pouco ultrapassado, o upgrade do mesmo pode ser uma boa saída. O PC deverá ficar mais rápido para suas funções sem eventuais engasgos. Porém, você terá de observar quais as peças que podem trazer um bom ganho em termos de performance.

O que eu devo trocar no meu computador?

O primeiro passo é identificar qual é o seu perfil de uso para o PC, para que então seja possível apontar quais peças devem ser alteradas.

Se a necessidade é para acesso à internet, música e edição de documentos, por exemplo, a memória RAM é um bom ponto a se aumentar. Se você tem menos que 2 GB de memória RAM, pense numa elevação para esse quesito.

Caso o computador é utilizado para jogos ou edição de vídeos, o upgrade é necessário para a placa de vídeo e também para o processador. É importante verificar qual é a compatibilidade da placa-mãe antes da compra das peças novas. Outro ponto importante é observar se o disco rígido conta com uma operação com mais de 80% frente a sua capacidade. Se isso acontece, é bom considerar a compra de um novo.

O cuidado para fazer o upgrade devem ser muito grande, uma vez que os componentes do seu computador vão funcionar com a troca de informações entre si. Caso um componente seja mais rápido que outro, a performance do seu computador vai ficar limitada através do componente que se apresenta mais lento.

Um bom exemplo é quando uma placa de vídeo fica limitada frente a sua performance quando o usuário conta com um processador muito antigo. Se você comprar um SSD, essa peça não vai funcionar se o seu desktop conta com uma memória RAM de apenas 512 MB.

Ou seja, antes que você parta para o upgrade é necessário que seja verificado a configuração atual do computador para a identificação das peças que são mais antigas e podem não atuar bem com as novas.

Evite os chamados gargalos (quando a peça antiga atrapalha a nova) com a verificação destes detalhes. As dicas que o texto trouxe a você serve para priorizar o seu perfil de uso para as peças que forem trocadas e evitar também gastos muito altos sem necessidade.


Pesquisa revela que estamos no oitavo lugar na lista dos dez países com maior conteúdo inadequado disponível para crianças

Novamente o Brasil volta a aparecer nos rankings digitais. Porém, dessa vez, a notícia não é lá muito agradável. Como bem sabemos, já faz alguns “séculos” que a internet, ou melhor, o seu uso, deixou de ser apenas para adultos e pessoas com bom-senso. Nos últimos anos, a reviravolta foi tão grande que, em alguns casos, as crianças usam mais a internet do que seus próprios pais. E é aí que reside o problema.

Será mesmo que a internet pode ser tão segura, a ponto de possibilitar que crianças a usem sem nenhum receio de encontrar pela frente algum conteúdo impróprio?

Foi pensando nisso que o pessoal da Kaspersky Lab resolveu fazer uma pesquisa para tentar identificar as prováveis ameaças online para os pequenos. A empresa fez uso de seus próprios produtos para se chegar a uma conclusão. Esses produtos eram equipados com uma solução chamada de Controle Parental.

O estudo revelado pelo laboratório, e que recebeu o nome de “Crianças Online”, apontou números até surpreendentes. Os resultados mostraram que 68% dos usuários, no caso, as crianças, já tiveram de uma forma ou outra, acesso a conteúdo impróprio ou até perigoso.

No meio dessa análise, ainda vamos encontrar os tópicos mais procurados que, segundo a Kaspersky, foram sites que divulgam informações sobre armas, jogos e, claro, conteúdo adulto.

Sendo um pouco mais preciso nas informações sobre o relatório, temos os seguintes dados:

– Pouco mais de 56% dos usuários acabaram encontrando pornografia. Cerca de um quarto, uma fatia de 26,6%, caíram em sites que tratam de jogos de azar e um quinto dos usuários pesquisados se depararam com sites de armas.

– Os principais países que encabeçaram a lista dessa pesquisa foram a China, os Estados Unidos, a Alemanha, Reino Unido e Rússia. O Brasil também fica entre os dez primeiros, na oitava posição.

O interessante é que cada país tem sua ameaça mais “forte” para as crianças. No caso da Alemanha, por exemplo, o conteúdo adulto lidera. Para as crianças brasileiras os chamados “chats” e “conteúdo adulto” dominam.

Por Denisson Soares

Foto: Divulgação / Pixabay


Quando é preferível o PC para jogos ao invés de um vídeo game, o consumidor deve ter em mente que se deseja um computador potente o suficiente para rodar todos os jogos desejados não poderá economizar muito.

A princípio, deve-se conferir o Sistema Operacional do computador. O Windows tem uma variedade de jogos compatíveis, diferente do Mac da Apple. Um requisito que muitos jogos recentes exigem para seu funcionamento é o DirectX 11, que está embutido no Windows 7. O Windows 8 também não perde, tendo uma versão mais atualizada do DirectX, sendo o DirectX 11.1, aumentando ainda mais o desempenho dos gráficos em jogos.

Muitos jogos ultrapassam de 20GB ultimamente, visto que o consumidor desejará instalar vários jogos. Por isso, é preciso escolher um HD de no mínimo 500 GB, assim evitará problemas com espaço para instalar os jogos. Deve-se verificar também a velocidade de rotação, que quanto mais alta mais rápida será a taxa de transferência. O consumidor pode dividir o HD em duas partes, para assim instalar em uma os jogos e na outra o sistema operacional.

Os processadores Core i7 e AMD Phenom são extremamente potentes, sendo este uma peça importante para o bom desempenho dos jogos. Os processadores Intel costumam ser muito bons, assim como também os da AMD, que geralmente são mais baratos do que o da Intel.

Para evitar que a máquina trave a todo momento que estiver rodando um jogo “pesado”, é importante escolher uma boa placa de memória RAM de no mínimo 6 GB e DDR3, que costuma ser mais rápida.

A placa de vídeo é de extrema importância para que os gráficos dos jogos sejam aproveitados ao máximo. É aconselhável que tenham no mínimo 1GB de memória de vídeo não compartilhada com a placa mãe, ou seja, uma placa Off-Board. É importante lembrar que o consumidor pode optar por combinar as configurações de seu computador, se por exemplo optou por um processador Intel, pode escolher uma placa de vídeo Nvidia GeForce.

Por Luiz Guilherme Feliciano Palazzo


Sua bateria é um bem muito precioso, seja ela do notebook, tablet ou smartphone, deve ser cuidada com o máximo de atenção, pois você preza o que adquire, especialmente em termos de informática (nem vai querer ficar alimentando a indústria da moda e do consumo, que só quer tirar o seu dinheiro), sem falar que o tempo que ela dura é muito importante. Por isso, selecionamos alguns pontos que devemos prestar atenção quando o cuidado é com a sua bateria.

Primeiramente, você não pode deixar descarregar a bateria. Isso é fato. É necessário cuidar e recarregar logo quando o sistema avisa que ela está se esgotando. Zerar a bateria estraga, e tira a vida útil dela, já que sua durabilidade é medida por ciclos (carregar/descarregar). Usar o notebook sempre que possível na tomada é uma ação que não prejudicará sua bateria. Também, hoje já não se faz necessário descarregar a bateria até o fim, como se fazia com as baterias de antigamente.

Outro item interessante é a vida útil da bateria. Seu tempo é em média 2 anos (isso se for utilizada sempre). Com o tempo, obviamente ela irá mostrar sinais de fraqueza – sinal de substituição. Lembre-se: na reposição de baterias, assim como qualquer outra coisa, use apenas produtos originais. É sempre melhor usar o correto, pois terá a garantia de que o produto não terá problemas – e se tiver, você estará amparado.

Por último, o descarte da bateria é outro assunto de extrema importância, quando se trata de educação ambiental. Baterias inutilizadas não podem ser desmontadas nem descartadas diretamente no lixo comum, tendo em vista que há alguns componentes/substâncias perigosos e tóxicos tanto para o organismo quanto para a natureza. O fabricante é obrigado a informar a forma correta para descartar o produto. Dica: verifique se realmente a empresa fornecedora de sua bateria está fazendo isso.

Tomando esses cuidados, com certeza você terá um produto durável e que não vai te dar muita dor de cabeça, caso perca algum trabalho que está sendo feito no notebook. O meio ambiente é também igualmente importante neste respeito, pois a contribuição para um mundo mais saudável é bom para mim, para você e para as pessoas em nosso redor.

Por Cristiane Gusmão

Bateria de notebook

Foto: Divulgação


Ter um computador ou laptop é mais que um artigo de luxo, é uma necessidade. Com o avanço da tecnologia informática, faz-se necessário utilizar o aparelho em diversos âmbitos, seja pra lazer, trabalho ou estudo – ele está sempre lá, com suas utilizações e funcionalidades. O seu cuidado com o seu companheiro é essencial, para a boa durabilidade e funcionamento. Portanto, separamos aqui algumas dicas elementares para o cuidado do seu notebook:

 – Não comer junto a computadores/notebooks. A primeira coisa que você jamais deve esquecer é essa dica. Muita gente já estragou o notebook derramando líquidos e/ou comidas no notebook, teclado e mouse. Lugar de comer é na mesa, já diz um velho ditado.

Limpe o seu aparelho com um pano seco. Não há necessidade de usar pano úmido, nem produtos de limpeza. Retirar o acúmulo de pó já é o suficiente. Limpe tudo: teclado, mouse, componentes, tela etc. Evite tocar na tela com as mãos, pois corre o risco de manchar ou danificar a tela.

Faça manutenção preventiva. Isto é importante, para evitar travamentos. Não é necessário fazer isso mais do que 1 vez por ano. Se não souber fazer a manutenção, peça a um técnico em informática. Nunca mexa no computador, a não ser que entenda o que está fazendo. Durante a garantia do produto, é melhor levar à assistência técnica autorizada (no caso da dúvida, levar sempre ao técnico).

Cuide da bateria do notebook. É preciso utilizar a bateria corretamente. Nunca use o produto sempre na tomada. Isso é desnecessário. Pelo menos mensalmente, use a bateria até o fim, e recarregue normalmente (ajuda a calibrar o sensor de carga da bateria).

Transporte cuidadosamente o aparelho. Nada de usar no sofá, no colo, na cama etc. – o aparelho precisa “respirar”. Do contrário, ele vai trazer transtornos à sua máquina – superaquecimento e/ou quebra dos componentes, queima do processador, entre outros. Carregue o produto apenas em bolsas adequadas, pois evitará danificar alguma parte do notebook.

Com essas dicas, esperamos que se lembre do quão é importante o seu aparelho. Com a propagação da ideia de preservação do meio ambiente, não é bom destruirmos o nosso bem eletrônico, deixando à mercê das “traças e baratas”. Cuide bem do seu produto, ele é valioso, e a natureza agradece.

Por Cristiane Gusmão

Foto: Divulgação


Assim como qualquer aparelho, é preciso ter um cuidado especial com os seus aparelhos eletrônicos, por diversas razões – seja por causa do valor que você paga por eles ou pela sua durabilidade.

As dicas dadas pelos fabricantes são úteis, caso queira maior durabilidade do produto. Num mundo consumista, é melhor prestar atenção ao que consumimos, pois é melhor cuidar do produto do que ficar trocando a cada lançamento.

A seguir, listamos as dicas que julgamos mais importantes para a boa manutenção do seu tablet (vale também para outros aparelhos):

1) Cuide da bateria do seu tablet. Nunca deixe que o seu aparelho fique com a “bateria arriada”: isso diminui a vida útil dela. Recarregue por volta dos 30%; ao recarregá-la completamente, retire o plug da tomada (evitará gasto de energia desnecessária);

2) Evite utilizar seu aparelho em lugares muito úmidos ou secos. Piscinas, banheiro, praias, exposição ao sol e ao calor, contato prolongado com o colo estão proibidos (isso inclui não usar mãos molhadas e sujas ao manusear o aparelho);

3) Mantenha-o sempre limpo. Não use detergente líquido nem produtos abrasivos (como o álcool). Uma flanela úmida com água já é o suficiente para a limpeza eficaz. Outro tipo de limpeza é o digital – deixe a sua memória mais leve, salvando poucos arquivos e programas no sistema do tablet;

4) Cuide das capas dos tablets. Use capas que não estraguem o produto. Algumas capas podem apertar ou não proteger adequadamente o tablet. Utilize também uma película protetora, evitando arranhões. Além disso, evite deixar a tela voltada para baixo em qualquer superfície;

5) Cuide da tela;

6) Atualize e proteja o sistema do seu tablet. Instale um antivírus para proteger teu aparelho de possíveis ameaças. As atualizações disponíveis para o seu sistema também cuidarão desta proteção.

Tomando esses devidos cuidados, você estará fazendo com que o seu aparelho dure mais, e também o seu bolso e a natureza agradecerão, pois não precisará comprar um novo aparelho por não ter cuidado do seu tablet. Também, caso queira desfazer-se dele – ou quando for comprar um novo aparelho – venderá com mais rapidez, tendo em vista que cuidou do gadget. 

Por Cristiane Gusmão

Tablet

Foto: Divulgação


O notebook é atualmente um dos equipamentos mais usados no mundo, uma vez que o mesmo garante maior comodidade, praticidade e liberdade aos seus usuários. Se você é um empresário, por exemplo, e precisa estar em vários lugares, o laptop é o ideal, uma vez que ele poderá atendê-lo sempre que necessário.

Por ser tão importante na vida das pessoas, o notebook deve ser bem cuidado, uma vez que é sensível e pode ser danificado com facilidade. No entanto, nós temos algumas dicas que ajudarão a você cuidar melhor do seu laptop, garantindo assim um tempo de vida útil muito maior. Confira:

  1. Transporte e guarde o notebook em uma bolsa ou case próprio para isso, pois dessa forma você protege o equipamento de possíveis riscos.
  2. Carregue o seu notebook sempre que necessário, não deixe a bateria chegar ao seu limite, atitudes como essas diminuem o tempo de vida da mesma.
  3. Se for usar o notebook ligado à tomada, retire a bateria ou acabará viciando a mesma.
  4. Tenha cuidado ao manusear o notebook, evite ao máximo trancos e pancadas, pois esses são os maiores vilões de equipamentos desse tipo. Normalmente o HD é a parte mais atingida.

Seguindo essas dicas, com certeza o seu notebook durará muito tempo e será bastante útil. Aproveite. 

Por Gabriel Frigini Reis





CONTINUE NAVEGANDO: