Esse tablet foi pensado para pessoas que querem um produto leve, que seja fácil de transporte e de manusear, ele é um dos tablets mais finos disponíveis no mercado.

Uma das marcas mais importantes no mundo da tecnologia é a Samsung. A empresa fundada no final dos anos 30, em Seul, na Coreia do Sul, fabrica diferentes produtos, como: televisores, notebooks, celulares, tabletes, aparelho de som e muito mais. A organização, a cada novo lançamento se supera e entra forte na concorrência com outras marcas para atrair cada vez mais clientes. Devido a isso, a entidade investe muito dinheiro na melhoria e desenvolvimento de novos produtos e na contratação de profissionais criativos que ajudam em todo o processo de criação da marca. E um dos produtos que a Samsung lançou e fez muito sucesso foram os seus tablets.

Conheça agora um pouco mais sobre o Samsung Galaxy Tab 3 e veja o porquê esse produto pode ser a sua próxima compra.

O Samsung Galaxy Tab 3 já se diferencia de cara pela sua leveza, esse tablet foi pensado para pessoas que querem um produto leve, que seja fácil de transporte e de manusear, ele é um dos tablets mais finos disponíveis no mercado. Pois, produtos pesados são muito incômodos. Além disso, ele apresenta uma tela de 7 polegadas. Um ótimo tamanho e a sua resolução é em HD. O que confere uma reprodução muito melhor dos conteúdos, como vídeos, fotos, documentos, arquivos e, além disso, quando o usuário quiser jogar, esse tipo de resolução torna a brincadeira muito mais real.

O seu design é outro ponto que chama atenção, disponíveis nas cores: branca e preta, todas metálicas, ele possui linhas mais arredondas no canto externo. O que torna mais agradável o seu manuseio. Conta também com um botão central que eéo seu menu e botões laterais para volume.

O Tablet Samsung Galaxy Tab 3 conta duas câmeras, uma traseira e uma frontal. A câmera traseira possui 3,15 megapixels e frontal possui 1,3 megapixels. O que permite que os usuários tirem fotos que sejam com boa resolução. Além disso, as imagens produzidas pelo produto podem ser editadas, já que possui algumas funções de melhoramento de imagem, com mudanças de cores e filtros. Assim, as fotografias ficam ainda mais bonitas. Vídeos também podem ser gravados com esse produto. Ele também conta com o sistema de Bluetooth o que permite aos usuários compartilharem conteúdo com outros aparelhos da Samsung.

O seu sistema operacional é o Android, uma plataforma simples e sem muitos mistérios, desenvolvida pelo Google. Então os donos de um exemplar do Tablet Samsung Galaxy Tab 3 vão ter direito a todos os aplicativos da empresa norte-americana, como: Google Maps, Google Fotos, DOC, Google Pay Music e outros. Além de ter acesso ilimitado a Google Play Store, a loja de aplicativos do Google. Que reúne milhares de app para as mais diferentes finalidades. O tablet conta com uma memória de 100GB, um número surpreendente. Pois, com esse tanto de espaço para armazenamento, você pode ter jogos, aplicativos, guardar fotos e vídeos. Sem problema de memória cheia e, sobretudo, problemas com aparelho travados. Esqueça essas chateações com o Samsung Galaxy Tab 3.

Duas alternativas impostas pela Samsung para esse tablet foi, primeiramente, o “Modo de Ultra Economia de Energia”, que confere ao produto uma grande economia de bateria. O que quer dizer, que ele pode ser usado, diariamente, horas e horas e ele ainda terá muita bateria. Segundo a Samsung, por exemplo, o produto pode reproduzir áudios por até 71 horas diretas, ou seja, 03 dias consecutivos.

A outra iniciativa da empresa é que esse tablet possui um revestimento especial. Caso ele caia ou sofra outro acidente, a chance de quebrar ou de outro acidente é menor.

O Samsung Galaxy Tab 3 é um ótimo produto, que pode ser usado pela família toda e hoje ele pode ser encontrado no mercado por R$ 649,00, segundo a versão nacional do site da Samsung.

Por Isabela Castro

Samsung Galaxy Tab 3


Novo tablet tentará desbancar o reinado do iPad.

Na semana passada, a empresa Asus lançou em Taiwan seu mais novo modelo de tablet, o ZenPad 3S 10. Ao que tudo indica, a marca busca tirar a liderança do iPad da Apple, que reina absoluta no mundo todo no mercado de tablets.

Com atribuições muito atraentes e um hardware extremamente potente, a Asus apostou também em outro detalhe que faz toda a diferença: o design de seu produto. Tendo assim um acabamento luxuoso em material alumínio, o aparelho chama a atenção pela sua beleza por dentro e, como veremos, por fora.

Em relação a suas especificações, portanto, o ZenPad 3S 10 vem com tela de 9,7 polegadas e resolução de 2K, ou seja, de 1536 x 2048 pixels, bem como tecnologia Tru2Life, que garante a maior qualidade no brilho, contraste e nos detalhes das imagens exibidas. Com uma espessura super fina de 5,8 a 7,15 mm, o tablet possui também processador hexa-core Media Tek MT8176 de 2,1 GHz e ainda arquitetura de 64 bits. Quanto à memória, essa é de 4 GB de RAM e 32 GB para armazenamento interno, para guardar arquivos e aplicativos, ainda contando com expansão de 128 GB por meio de microSD.

Quem ainda busca uma boa câmera, esse tablet é uma excelente opção e pedida, pois ele possui 5 megapixels de câmera frontal e 8 megapixels de traseira, garantindo assim excelentes imagens e vídeos.

Com sistema Android 6.0 e interface ZenUI, o aparelho possui sensor biométrico junto ao botão físico e bateria de 5.900 mAh. A empresa garante, com isso, que o seu carregamento é rápido e eficiente. Há ainda um espaço para suporte de caneta da mesma marca do aparelho Asus, a Z Stylus. Complementando ainda, ele possui entrada de USB-C, porta de 3,5 mm, GPS, Bluetooth, dois alto falantes e muito mais.

Ficou interessado em tantos recursos? Vale saber que quem quer comprar o Zenpad 3S 10 deve desembolsar em torno de R$ 1.125, valor esse que é dado com base em seu preço de lançamento no exterior. Porém, estima-se que quando for lançado e comercializado oficialmente no Brasil, o seu custo final seja superior ao anunciado. Todavia, este se torna, ainda assim, um bom negócio, uma vez que seu valor continua sendo inferior ao dos modelos de seus maiores concorrentes, Apple e Samsung. Portanto, vale esperar e acompanhar sua chegada por aqui.

Kellen Kunz


Aparelho deverá utilizar processadores Intel de sétima geração e contará com teclado para ser utilizado como Notebook.

Os rumores envolvendo o lançamento do novo Surface Pro, da Microsoft, ganharam mais informações. Agora, especula-se que a empresa americana deverá lançar seu novo tablet ainda este ano. Pelo que tudo indica, o Surface Pro 5 deverá ser apresentado ao público no mês de setembro, custando a partir de US$ 899 em sua configuração menos potente. Como era de se esperar, o tablet será equipado com o Windows 10 e muito provavelmente terá um teclado para poder utilizá-lo como um notebook.

A versão Redstone 2 do Windows 10 deverá trazer grandes avanços de software que deixarão o Surface Pro 5 ainda mais atraente para o mercado. A promessa, de acordo com os rumores na web, é de que o hardware seja bastante potente, superando qualquer concorrente do segmento. O processador utilizado no dispositivo seria a recém lançada sétima geração da Intel, com a arquitetura Kaby Lake. Com isso, o tablet da Microsoft deverá contar com poder de sobra para o processamento de qualquer programa, aplicativo ou jogos.

A tela do Microsoft Surface Pro 5 terá resolução 4K (3840 x 2160 pixels), também conhecida como Ultra HD. Haverá opções com preços mais em conta, com resolução de 2K. O tablet também contará com até 16 GB de memória RAM, com a possibilidade de redução de acordo com o modelo. A placa de vídeo utilizada ficará por conta da NVIDIA Pascal ou AMD Polaris.

Seguindo a tendência de mercado, a Microsoft optou por utilizar o conector USB Tipo-C. Uma nova caneta Sytlus, chamada de Surface Pen, estará presente com pequenos ajustes que irão melhorar a escrita e a integração com o equipamento. As câmeras também receberão melhorias, assim como a bateria. O modelo de US$ 899 seria equipado com o processador Intel Kaby Lake i5, enquanto a versão mais cara contaria com o Intel Kaby Lake i7, custando US$ 1.599.

O Surface Pro 5 será lançado no mercado para concorrer diretamente com o iPad Pro. Visto que o sistema operacional utilizado é o mesmo de laptops e desktops, o equipamento da Microsoft tem tudo para ser adotado não só pelo segmento corporativo, mas também pelos consumidores tradicionais. Suas especificações também o fazem atraente até para os usuários mais exigentes. Ainda não há qualquer rumor sobre os países que receberão o novo tablet da Microsoft.

Por William Nascimento


Novo tablet intermediário da Samsung possui configurações modestas e custará cerca 289 euros.

Recentemente, diversas imagens e rumores envolvendo um novo tablet da Samsung estavam circulando pela internet. Apesar das especulações, pouco se sabia sobre o novo aparelho da fabricante sul-coreana. Agora, a empresa colocou fim aos rumores e anunciou seu mais novo tablet, o Galaxy Tab A 10.1.

A empresa oficializou o lançamento do gadget na Alemanha. O novo produto conta com especificações de aparelho de entrada. Ele possui uma tela de 10,1 polegadas e resolução de 1920 x 1200 pixels. O Galaxy Tab conta ainda com 2 GB de RAM e um processador de oito núcleos rodando a 1,6 GHz. Seu armazenamento interno é de apenas 16 GB, mas expansível via microSD de até 200 GB. Ele ainda conta com uma câmera de 8 megapixels com abertura F1.9 e flash. A câmera também suporta gravações Full HD em 30 fps. Uma câmera frontal de 2 megapixels foi implementada pela Samsung para videochamadas e selfies. O tablet virá com o mais novo sistema operacional móvel do Google, o Android Marshmallow (6.0). Ele oferecerá quase um pacote completo de conectividade, incluindo Wi-Fi, Bluetooth, USB 2.0 e 4G LTE.

O design do aparelho segue os traços semelhantes aos utilizados em outros produtos da Samsung. Esteticamente, o tablet se assemelha a um smartphone de tamanho gigante da empresa asiática. Apesar do enfraquecimento do mercado de tablets em todo mundo, a Samsung espera conseguir manter sua fatia de mercado com novos lançamentos destinados ao público menos exigente em termos de hardware. Segundo dados das consultorias IDC e Gartner, o mercado global de tablets já apresenta maturidade e está em forte queda nos últimos anos. De qualquer forma, oferecer opções para os consumidores parece ser uma das estratégias utilizadas pela Samsung para reverter o cenário. Caso contrário, a inovação será peça fundamental para resgatar o seguimento.

Apesar de configurações limitadas, a versão apenas com Wi-Fi do Galaxy Tab A 10.1 custará cerca de 289 euros, cerca de R$ 1,1 mil na conversão direta, sem impostos. Já a versão com 4G custará 349 euros, cerca de R$ 1,3 mil. A Samsung não forneceu nenhuma informação sobre quando seu novo tablet estará disponível em outro mercados. Também não há qualquer indício de lançamento no Brasil nos próximos meses.

Por William Nascimento


Teste de Benchmark acaba revelando detalhes do novo tablet da Samsung.

A Samsung é uma das empresas que mais lança dispositivos móveis no mundo, sendo este um dos motivos da empresa ser a líder global no número de vendas, visto que a empresa investe em modelos intermediários, de entrada e high-end. Um dos mercados que a empresa investe é o de tablets e ao que tudo indica, a família Galaxy Tab deve receber um novo integrante muito em breve.

Nos últimas dias, um modelo de tablet da Samsung acabou sendo vazado graças a testes de benchmark, sob o nome de SM-T536. Segundo o que vem sendo especulando, este seria o novo Galaxy Tab 4 Advanced, um modelo com configurações mais avançadas do que a versão padrão do tablet intermediário da empresa sul-coreana.

O dispositivo deverá contar com boas configurações, sendo esperado que o tablet da empresa seja lançado contando com uma tela de 10,1 polegadas com 1280 x 800 pixels de resolução, algo relativamente baixo se levarmos em consideração o tamanho da tela, mas compreensível se pensarmos que é um modelo intermediário. Segundo o que se especula, o dispositivo também deverá contar com o processador Exynos 5410, com clock máximo em 1,6 GHz octa-core, além de 2GB de RAM, bem como 32GB de armazenamento interno, com a possibilidade de expandir a memória por cartões microSD para até 128GB.

O Galaxy Tab 4 Advanced também deverá contar com uma câmera traseira de 5 megapixels e uma câmera frontal com 1.3 megapixels, embora ainda não se saiba qual sensor e abertura deverão estar presentes nas câmeras do dispositivo.

O dispositivo também deverá contar com o Android 6.0 Marshmallow, possivelmente já com atualização garantida para o Android N e cerca de 6.800 mAh de bateria, o que graças a baixa resolução da tela, deverá garantir um bom tempo de autonomia ao usuário.

O vazamento é tão grande que até mesmo a espessura do dispositivo já é especulada, devendo contar com apenas 7,9 milímetros, realmente extremamente fino, e pesando apenas 487 gramas. O aparelho que deverá ser lançado no segundo semestre desse ano terá possivelmente lançamento global e o Brasil deve estar entre os países que irão receber o dispositivo em seu lançamento global.


Aparelho híbrido possui teclado retroiluminado e conta suporte para a caneta Stylus.

O mercado de dispositivos híbridos vem crescendo estrondosamente nos últimos tempos, a ponto de quase não vermos mais lançamentos de tablets que não possam se transformar em verdadeiros notebooks. Com cada vez mais empresas investindo nesse mercado, agora é a vez da Asus tentar abocanhar sua fatia neste crescente mercado.

O Asus Transformer Book T302, nome bastante extenso por sinal, será o sucessor do T300 Chi, uma tentativa da empresa em, com um híbrido com Windows 10, tentar roubar um pouco do espaço que o Surface, da Microsoft, possui atualmente no mercado.

O dispositivo é acompanhado de um teclado, para transformar o aparelho em um notebook com tela de 12, 5 polegadas e contando com o processador Core M de 6ª geração, com clock máximo de velocidade não divulgado.

O dispositivo possui boas configurações, como manda a regra dos dispositivos híbridos, já que como o aparelho a qualquer momento pode se transformar em um notebook, uma configuração de um tablet simples não seria capaz de entregar um bom produto final para o consumidor. Ele conta com 4GB de RAM (com suporte para até 8 GB) e agradáveis 512GB de armazenamento interno, ainda contando também com a placa de vídeo Intel Graphics 550, que permite o dispositivo reproduzir imagens em 4K, embora outra versão do dispositivo, mais simples, conte com resolução apenas Full HD.

O teclado do dispositivo é retroiluminado e quando conectado ao dispositivo, transforma o aparelho da Asus completamente em um notebook, possuindo a mesma forma de um, diferente de outros modelos disponíveis no mercado atualmente.

Assim como modelos mais recentes de híbridos, o tablet-notebook da Asus conta com suporte a caneta Stylus. Quanto a versão do sistema operacional Windows, como mencionado, o dispositivo contará com duas versões, sendo que uma delas contará com o pacote Home e o outro com o pacote Pro.

A bateria do dispositivo deve contar com cerca de 8 horas de duração, sendo que o Transformer Book T302 ainda conta com USB 3.1 (C), para acessórios em geral e periféricos. O aparelho ainda não possui data de lançamento oficializada pela Asus, o que deve acontecer na Computex, no mês de Junho em Taiwan, onde maiores informações também devem ser reveladas a respeito do dispositivo.

Maria Luiza Mazzo


Modelo promete oferecer a mesma experiência do Ubuntu encontrado em PCs.

No ano de 2013, a empresa britânica Canonical apostou em disponibilizar uma experiência completa do Ubuntu utilizado em desktops em dispositivos móveis por meio do Ubuntu Edge. A empresa empenhou grande esforço nessa tarefa, porém o projeto não prosperou devido à campanha de investimentos. Hoje, passados aproximadamente 3 anos, parece que o projeto ainda se mantém na ativa e mais revigorado que da primeira vez.

A companhia realizou o anúncio de um novo tablet, dispositivo esse que tem como promessa a oferta da mesma experiência do Ubuntu no PC, porém para o aparelho móvel. Na realidade o conceito é bem simples, isto é, este sistema operacional móvel deverá utilizar o mesmo núcleo presente no desktop ou, então, um subconjunto que realize a execução dos mesmos apps em dispositivos diferentes. Este aparelho da Canonical é uma variável de um modelo fabricado pela marca espanhola BQ, o Aquaris M10.

O aparelho conta com as seguintes especificações técnicas: uma tela com resolução de 1280 x 800 pixels e de 10,1 polegadas. Internamente, o dispositivo conta com um chip MT8163B da Mediatek, com quatro núcleos funcionando a uma frequência de 1,3 GHz. O tablet conta também com um memória RAM de 2 GB e o armazenamento interno possui 16 GB. De fato, com essas especificações o aparelho não vem para ocupar um espaço no topo do mercado, porém é o necessário para que os apaixonados por sistemas Linux fiquem ainda mais empolgados.

O tablet ainda é equipado com uma entrada USB, a qual permite a conexão de um dispositivo externo como teclado, mouse ou monitor e uma entrada HDMI. Um quesito que chama bastante atenção dos consumidores é a bateria, que possui 7.280 mAh. Este projeto do Canonical, da mesma forma que o Continuum da Microsoft, ainda está no começo. Apesar disso, a companhia está com pensamento positivo quanto a sua biblioteca de aplicativos, que é suficiente para suprir boa parte das necessidades dos usuários. Além do mais, a Canonical possui o Ubuntu Convergence, que permite a execução de aplicativos tradicionais como o Twitter, Google Chrome, Netflix, e diversos outros. Somando esses recursos todos, a companhia quer oferecer uma ótima experiência para a grande quantidade de usuários Linux espalhados ao redor do mundo.         

Por Filipe Silva

Tablet da Canonical com Ubuntu

Foto: Divulgação


Tablet possui as mesmas medidas mas ganhou melhorias em suas configurações.

A grande empresa estadunidense de computadores, Dell, lançou, embora sem muito barulho, um novo tablet no mercado. Apesar da marca ter lançado no ano passado um dispositivo com o mesmo nome, o Venue 8 Pro lançado em 2016 é um aparelho renovado em alguns aspectos. Desta vez o tablet, que ainda possui as mesmas dimensões do anterior, conta com melhorias em suas características técnicas, além de também de vir com o novo Windows 10 instalado.

O Dell Venue 8 Pro (modelo 5855) versão 2016 continua com a mesma tela de 8 polegadas, porém, com uma maior resolução, agora é de 1920 × 1200 pixels, anteriormente eram 1280 x 800 pixels. O modelo também passou por uma alteração de processador, que era um Intel Atom Z3740 e agora possui o x5-Z8500 de quatro núcleos com 2.2 GHz e GPU Intel HD Graphics. O modelo também conta com 64GB de espaço para armazenamento interno, podendo expandir através de cartão microSD para até 128 GB e 4 GB de memória RAM DDR3.

Com relação às câmeras, o novo tablet da Dell está equipado na parte de trás com uma solução de 5 megapixels e na parte frontal com uma de 2 megapixels. As principais características são completadas pelo Bluetooth 4.0, Wi-Fi 2×2 802,11 ac com suporte para Miracast, USB Type-C, suporte para redes 4G / LTE e entrada para fones de ouvido. Tudo isso em um produto que possui as dimensões de 216 x 130 x 9,45 mm e tem peso de 377,1 gramas.

A priori, o Dell Venue 8 Pro 2016 só estará disponível nos Estados Unidos, onde irá ter preços a partir de US$ 449, o que sem impostos chega a cerca de R$ 1.800, significando um acréscimo de US$ 100 se comparado com a geração anterior. Também será vendida de forma separada a caneta (Active Pen) por um valor de US$ 40.

Nádia Neves


Aparelho será lançado inicialmente na Coreia do Sul, mas deve chegar a outros países ainda no próximo ano.

O mercado de tablets não foi tão promissor em 2015 do que no ano passado. No entanto, esse não é um motivo suficiente para que as fabricantes deixassem de produzir novos modelos para o mercado. A sul-coreana LG anunciou nesta semana seu novo tablet, o G Pad II 8.3 LTE.

O modelo encaixa-se na categoria de intermediários por suas especificações. Por isso, ele pode ser considerado como sucessor do G Pad II 8.0, lançado este ano no mercado mundial.

Até o momento, a LG anunciou o novo tablet apenas para a Coreia do Sul, mas é esperado que outros mercados recebam o dispositivo no próximo ano.

A LG ainda não divulgou o preço sugerido do G Pad II 8.3 LTE.

Sem dúvida, um dos destaques do tablet é sua caneta Stylus, que vem junto ao dispositivo. Ela é acoplada e permite que os usuários possam fazer anotações e desenhos com muito mais precisão. Esteticamente o produto foi renovado, o que deve atrair novos consumidores. Agora, ele possui bordas mais arredondadas, capa traseira que imita cobre escovado, além de uma tela ligeiramente maior do que a versão passada.

As especificações técnicas são suficientes para usuários comuns, que irão utilizá-lo para assistir vídeos, navegar na internet, utilizar as redes sociais e usar aplicativos que não exijam muito poder de processamento. A tela de 8.3 polegadas tem 1.920 x 1.200 pixels de resolução e tecnologia IPS. O processador é um Octa-Core Qualcomm Snapdragon 615 de 64 bits, rodando até 1,5 GHz. A GPU é uma Adreno 405, enquanto a bateria tem 4,800 mAh.

Para ajudar no multi-tarefa, o tablet conta com 2 GB de memória RAM e 16 GB de armazenamento interno, que pode ser expandido via cartão microSD de até 2 TB. A câmera é de 8 megapixels (traseira) e 2 megapixels (frontal). Já o sistema operacional é o Android Lollipop na versão 5.1.

O G Pad II 8.3 LTE possui uma porta USB 2.0 convencional, o que permite que os usuários utilizem um teclado USB para ajudar em aplicativos de produtividade. Infelizmente não há previsão de desembarque do produto no Brasil.

Por William Nascimento


Modelo conta com tela Super Amoled permitindo a exibição conforme a iluminação do ambiente, otimizando o uso em qualquer lugar sem interferências.

A segunda geração do tablet Samsung Galaxy Tab S2 tem como um dos maiores upgrades a tela Super AMOLED. A tecnologia permite ótima resolução na imagem, bem como a experiência do usuário. Além disso, esse tipo de tela ajusta a sua exibição conforme a iluminação do ambiente, otimizando o uso em qualquer lugar sem interferências. 

O novo Galaxy Tab começou a ser vendido no Brasil com valores entre R$ 2,35 mil e R$ 2,7 mil. As versões mais baratas são as com tela de oito polegadas e conectividade 4G e Wi-Fi e a com tela de 9,7 polegadas e apenas conectividade Wi-Fi, que saem por R$ 2.350. O modelo mais caro é o com tela de 9,7 polegadas e conexão de internet por 4G e Wi-Fi, custando R$ 2,7 mil.

Além das diferenças de tamanho de tela e conectividade, as configurações das versões são as mesmas. Apenas as dimensões e pesos – com semelhantes espessuras – e a amperagem da bateria não são iguais por conta das polegadas de touchscreen desiguais. 

O Galaxy Tab S2 tem memória RAM de 3GB e processador Exynios 5433 ou 7420 – à escolha do comprador. O sistema operacional é o Android Lollipop 5.0.2, com atualização futura para Marshmallow. O armazenamento interno é de 32GB com possibilidade de expansão por SD para até 128GB. As câmeras são de oito megapixels na traseira e 2,1 na dianteira. A tela, de oito ou 9,7 polegadas, tem resolução de 2048×1536 pixels.

O modelo com touch de oito polegadas mede 19,8×12,4 centímetros, enquanto o com touch de 9,7 mede 23,7×16,9 centímetros. O primeiro pesa 260 gramas e o segundo, 407 gramas. A versão maior tem bateria com amperagem de 5.870. A amperagem da bateria do modelo menor é 3.580. Com meio centímetro de espessura, é o tablet mais fino da categoria.

A comercialização foi iniciada nesta semana, porém o gadget foi anunciado no Brasil em janeiro deste ano.

Por Bruno Klein

Samsung Galaxy Tab S2

Foto: Divulgação


Que da na venda nos aparelhos coloca em cheque a sua permanência no mercado. Será que Netbooks e Tablets irão desaparecer do mercado?

Há anos atrás, era dito que os Netbooks, versões mais simples, leves e compactas dos Notebooks, iriam tomar conta desse mercado. A imprensa anunciava um possível fim dos ''Notes'' graças a entrada fortíssima dos ''Nets'', na época.

Até mesmo especialistas diziam que essa era a tendência, principalmente pelo tamanho. Erraram todos. Com o lançamento do iPad pela Apple e sua popularização (ao menos destaque ganho na mídia), a nova tendência do mercado de computadores portáteis, passou a ser os Tablets.

Naquele momento, a conversa já era completamente diferente: Os tablets tomaram o lugar dos Netbooks, que devem ter seu fim decretado em breve. Realmente aconteceu, hoje existem pouquíssimos Netbooks disponíveis no mercado, a maior parte importado ou de marcas alternativas/pouco conhecidas do grande público. Os tablets também fizeram muito sucesso pela possibilidade de leitura, uma experiência infinitamente melhor neles do que em Nets, Notes ou Pcs.

Porém, uma pesquisa divulgada recentemente pelo famoso instituto Gartner mostra que o interesse do público, ao menos no Brasil, Estados Unidos, Reino Unido, França, China e índia, é mínimo. A pesquisa mostra que, para o próximo ano, apenas 17% dos consumidores entrevistados possuem interesse em adquirir um tablet.

Para o instituto, essa queda brusca no interesse do consumidor ocorre devido ao crescimento cada vez mais veloz do mercado de smartphones, que vem crescendo em vendas e configurações de hardware numa velocidade alucinante nos últimos anos.

Observamos que todos os anos novos celulares são lançados com configurações ainda melhores. E esse aumento na qualidade vem suprimindo a necessidade da compra de um tablet.

Porém, vale a ressalva de que nos Estados Unidos, 2/3 terços da população possui um Tablet e não pretende comprar um novo no ano de 2017. O cenário talvez seja reflexo também do mercado dos tablets, bem menos acelerado que o dos smartphones, embora também conte com constantes novos lançamentos.

Por Gabriel Mazzo


Além da tela grande o novo Samsung Galaxy View possui ecrã com resolução de Full HD.

Desde 2011 com o lançamento da linha Galaxy Note, a Samsung investe em equipamentos com maior tela, já que foi um sucesso no Brasil. Isso serviu de inspiração para agora lançar o Samsung Galaxy View, com uma tela de 18 polegadas e um ecrã com resolução de Full HD.

Como já diz o nome, o aparelho é específico para quem gosta de assistir filmes, seriados, ou os grandes consumidores de jogos. Porém, além do tamanho do aparelho, sua capacidade e duração da bateria também são pontos positivos, já que dentro do tablet terá um processador de 1,6 GHz que suporta jogos de maior qualidade e tamanho, 2 GB de RAM, 32 ou 64 GB de memória interna e uma bateria de 5.700 mAh, capaz de durar 8 horas de vídeos, conforme afirmado pela Samsung. Os ícones bem apresentados na tela e de tamanho grande são favoráveis ao consumidor.

O aparelho conta também com um suporte traseiro que possibilita deixá-lo de diversas formas para assim assistir enquanto se está deitado ou sobre a mesa.

Um dos pontos negativos do aparelho é seu peso, já que será de 2,65 kg. Com isso, o seu transporte fora de casa torna-o mais difícil, por mais que possua uma alça própria para seu melhor carregamento. Outro ponto negativo é que foge um pouco dos aspectos de um tablet, já que não poderá ser colocado o plano para abaixo, além de ser um aparelho com muito plástico.

Todos esses contras do aparelho, talvez, façam com que o custo não seja muito elevado, já que o público alvo é bastante seletivo.

Com um processador de 5.1 Lollipop e câmera frontal de 2,1 MP, conforme a Samsung, o Galaxy View será o maior aparelho Android comercializado na atualidade, porém ainda não foi informado o preço ou data de lançamento.

Por Santiago Matheus Leal Pereda

Samsung Galaxy View

Samsung Galaxy View

Fotos: Divulgação


Tela do modelo faz uma rotação de 360º, podendo ser utilizado como tablet.

O mercado de notebooks e tablets cresce cada dia mais. Esses itens, essenciais para nosso dia a dia, têm evoluído cada vez mais, e trazendo novas soluções para que nosso trabalho se torne mais fácil. Com esses dispositivos nós podemos ter até momentos de diversão.

Pensando nisso, as gigantes do mundo da informática têm investido pesado em criar dispositivos que realmente nos atendam e que sejam práticos de carregar, úteis e que funcionem bem em todas as situações.

E, a HP não podia ficar fora dessa. Essa respeitada marca traz sempre inovações para o mercado da Informática. A mais atual é o poderosíssimo HP Pavillion X360.

Esse notebook conversível, como é conhecido no site oficial, foi lançado sob o slogan: “Quebre as Regras”. Isso porque o dispositivo é um 2 em 1, ou seja, um notebook que se converte em tablet, mas, com um diferencial: ele tem uma tela touchscreen otimizada que rotaciona 360° para que você tenha a comodidade de usar o dispositivo como quiser. Isso facilita a sua utilização, já que, diferente dos conversíveis que são destacáveis, o HP Pavillion X360 tem tudo em um aparelho só.

E as vantagens de se ter essa tela rotacional são muitas. Se você quiser utilizar como notebook, deixe a tela em 90° e você terá o conforto do teclado para utilizar. Caso seu objetivo seja assistir um vídeo, deixe a tela em 270°, e você terá o apoio do teclado na superfície, enquanto a tela lhe exibirá o que desejar. Também nesse ângulo, você pode utilizá-lo como um console e ter mais diversão com seus jogos. Por fim, gire 360° e seu notebook estará convertido em um tablet.

O HP Pavillion X360 conta com uma potente configuração, sendo ideal até para serviços robustos. Ele é equipado com um processador Intel Celeron Dual Core, possui 4 Gb de memória Ram e 500 Gb de HD. A sua tela é de 11.6 polegadas, permitindo uma excelente visualização de tudo que quiser. Além disso, conta com portas USB, saída HDMI, Wi-Fi, Bluetooth e adaptador de rede.

O HP Pavillion X360 vem com o Windows 8.1 instalado de fábrica, que pode ser atualizado gratuitamente para o Windows 10.

Certamente que o HP Pavillion X360 é um excelente 2 em 1, e lhe atenderá como você necessita.

Por Isaque Cipriano

 

HP Pavillion X360

 

HP Pavillion X360

Fotos: Divulgação


Novo modelo pode ser utilizado como notebook ou tablet.

A Lenovo anunciou a chegada do seu modelo Yoga 500 ao Brasil na última semana. O produto já está disponível no varejo do país. O valor é de aproximadamente R$ 3 mil. O lançamento repercutiu mundialmente por conta de sua versatilidade – quatro tipos de uso.

Ele, leve e fino – 1,8 kg – pode ser usado como notebook ou tablet. A tela faz uma rotação de 360 graus da sua posição fechada ao máximo de abertura e conta com touchscreen. A grande novidade são os modos de uso tenda e apresentação. No tenda, a posição do aparelho deixa o usuário mais confortável para o consumo de audiovisuais como vídeos e filmes. No modo apresentação, o conteúdo desejado é exibido em tela cheia e periféricos dispensáveis na tela somem.

O notebook vem com tela de 14 polegadas LCD IPS full HD de resolução 1920×1080 pixels. Seu teclado possui iluminação. Entre as principais configurações estão a memória RAM de 4 a 8 GB com capacidade de expansão até 16, o processador Core 2,2GHz da Intel de quinta geração e HD de 500 GB a 1 TB. A placa gráfica é uma Nvidia GeForce 2048MB. O Yoga 500 vem de fábrica com Windows 10 instalado. 

Na conectividade, suas ferramentas são duas portas USB 3.0 e uma USB 2.0, uma entrada HDMI, uma entrada RJ 45 – conexão de cabo de rede – e entrada uma leitora de cartão de memória. A autonomia da bateria chega a seis horas de duração sem recarga. As cores disponíveis são preta e vermelha; novas cores não devem ser produzidas.

A marca recomendou o preço de R$ 2.999,99 ao varejo brasileiro. Os notebooks Yoga 500 vendidos no mercado nacional serão fabricados no Brasil em sua totalidade. A sede do complexo Lenovo que produzirá o lançamento é a cidade de Itu, interior de São Paulo.

Por Bruno Klein

Lenovo Yoga 500

Lenovo Yoga 500

Fotos: Divulgação


Modelo possui rotação de 360º, tela ultra resistente e bateria que dura por até 8 horas, além de outras características interessantes.

Imagine-se em uma visitinha ao Facebook quando de repente encontra algo surpreendente e você quer mostrá-lo para a sua amiga, você tira o cabo do laptop e vira-o para que ela visualize, com o Acer Aspire R11 você simplesmente dobra a tela à sua frente facilitando a visualização de ambas.

O Aspire R11 é o primeiro aparelho da Acer com uma dobradiça de 360 ​​graus, o que significa que ele pode ser rapidamente transformado de laptop a display de mesa, exibição ou tablet. Achou uma ideia meio louca? Você pode visualizar os quatro modos nos quais esse notebook se transforma no site da Acer – br.acer.com/ac/pt/BR/content/series/aspirer11.

Mas não para por aí, como o notebook possui rotação de 360º, é passível de ranhuras, porém a sua tela possui Corning® Gorilla® Glass® um vidro bem resistente, algumas empresas o intitula como "inquebrável", isso se deve ao material utilizado na confecção desse vidro o álcali-aluminosilicato, onde ocorre uma troca de íons que minimiza o estrago, ou seja, ele não é inquebrável, porém os danos podem ser bem menores.

Além da super rotação e a tela protegida de arranhões e quebras, o Aspire R11 possui um bateria durável por 8 horas perfeito para aquela sua entediante e cansativa viagem à trabalho de ônibus, além de Zero Air Gap que basicamente reduz os reflexos e é bem mais legível à luz solar do que outros equipamentos.

Falando mais da sua configuração, possui o áudio mais nítido com tecnologia Acer TrueHarmony além do Acer BluelightShield™ reduzindo o cansaço visual e o Acer Touch Tools que otimiza com um clique a captura e o compartilhamento de conteúdo direto da tela do seu Acer. No site "the inquirer" é possível visualizar mais configurações bem como comentários de usuários (www.theinquirer.net/inquirer/review/2405538/acer-aspire-r11-hands-on-review).

Sobre o preço, encontra-se por US$ 249 (Estados Unidos), já na Europa, custa a partir de € 349 e no Brasil, não há sugestões por enquanto.

Por Erica de Souza

Acer Aspire R11

Acer Aspire R11

Fotos: Divulgação


Novo modelo conta com ótimas características e inovações.

A LENOVO, empresa que atua no segmento de computadores, lançou seu novo tablet, chamado de Yoga 2 Pro, que promete inovações no meio de entretenimento.

O Yoga 2 Pro possui o processador Intel Atom Z3745 Quad Core e roda o sistema operacional Android 4.4. Com um peso de 985 gramas, o modelo tem invejáveis 3,7 mm de diâmetro. O dispositivo conta com quatro modos de uso diferentes, pois possui um apoio acoplado.

O Projeto integrado permite ao usuário que projete filmes e vídeos na parede da própria casa, com uma tela de até 50 polegadas. Ainda, tem o sistema de som JBL® de 8W, que oferece uma possibilidade de home theater portátil com subwoofer integrado e dois alto falantes frontais.

A bateria de 900mAh dura até 15 horas de uso com apenas uma recarga, o que pode variar conforme a configuração e recursos utilizados.

O Yoga 2 Pro possui ainda uma tela de 13,3 polegadas com imagens em alta definição, além de disponibilizar uma visualização em até 178° através da tecnologia IPS. Outro recurso muito utilizado pelos consumidores, a câmera, não ficou por baixo. A LENOVO incluiu na versão do tablet a possibilidade de fotos em HD e a realização de conferências de vídeo de excelente qualidade. A câmera frontal possui 1.6 megapixels, já a traseira possui 8 megapixels com uma lente f2.2, sensor BSI 2 e vidro com redução de brilho.

O tablet oferece várias opções de conexão como Wi-Fi, Bluetooth, além de sensores como GPS e acelerômetro. O disco rígido tem 32 GB e pode ser expandido com um micro-SD de até 64 GB.

Os interessados em adquirir a novidade podem efetuar a compra pelo site a LENOVO (shop.lenovo.com/br/pt/tablets/lenovo/yoga/yoga-tablet-2-pro) pelo preço de R$ 2.499,00 através de cartão ou boleto. Vale ressaltar que o Yoga 2 Pro possui 1 ano de garantia.

Por Bruna Rocha Rodrigues

Lenovo Yoga 2 Pro

Lenovo Yoga 2 Pro

Fotos: Divulgação


Com uma potência considerável, o LG G Pad 8.3 é considerado um dos melhores tablets com Android encontrados no mercado brasileiro atualmente.

O LG G Pad 8.3 conta com uma tela de 8,3 polegadas e traz uma resolução de 1.920 por 1.200 pixels além da tecnologia IPS. Atualmente entre os tablets com o sistema operacional Android e com telas abaixo de 10 polegadas ele tem sido considerado o melhor em diversos aspectos.

Um dos detalhes além de sua potência que tem chamado a atenção é em relação ao seu tamanho que favorece o transporte do dispositivo. Mesmo assim, a qualidade oferecida pela sua tela não sofre em nenhum aspecto principalmente na perda de qualidade. Para os usuários que gostam de games ele se mostra com desempenho superior do que o apresentado pela maioria. Isso pelo fato de que o aparelho conta com um processador quad-core e uma GPU Adreno 320.

Outro detalhe é que o G Pad traz integrado a si alguns recursos que são exclusivos da fabricante. Um exemplo é o desbloqueio da tela chamado de Knock On. O sistema funciona como se fosse uma porta. Ou seja, basta bater duas vezes no display para “acordá-lo”. Já falamos que ele é fácil de se transportar pelo tamanho, além de não ser muito grande não pesa muito também. São apenas 338g.

Para quem gosta de um bom sistema de som o dispositivo também não deixa a desejar sendo ideal para assistir a shows e filmes e o que mais o usuário quiser.

O design apresentado pelo G Pad é bastante agradável. O aparelho possui uma camada de alumínio na parte de traz que faz lembrar muito o visual do Positivo Mini e iPad mini. Com um visual assim o dispositivo passa facilmente como um aparelho topo de linha o que na verdade é.

O tablet está sendo disponibilizado nas cores preta e branca. O dispositivo conta também com um conector de fones de ouvido, slot para cartão microSD e sensor infravermelho na parte de cima. Já embaixo há um microUSB que conta com a tecnologia MHL.

O G Pad roda o Android 4.2.2. Entretanto, o upgrade para o 4.3 já está disponível.

Por Denisson Soares

LG G Pad 8.3

Foto: Divulgação


Philips lançou este ano o seu novo tablet PI3900B2X/78. O nome não é muito atraente, mas o aparelho tem um hardware econômico, possui boas conectividades e pode agradar os usuários menos exigentes.

O tablet possui uma tela LCD IPS de 7 polegadas. O tamanho é muito bom para quem gosta de assistir vídeos e ler textos maiores. A resolução é de 1024 x 600 pixels, com uma definição e qualidade bem razoável. A baixa é a sua sensibilidade ao toque.

O equipamento possui o sistema operacional Android 4.1 Jelly Bean, conta com um processador A9 dual-core de 1,5 GHz e possui memória RAM de 1 GB. Por ter configurações baixas, o tablet tem alguns travamentos quando se está usando jogos, redes sociais e alguns aplicativos mais pesados. A memória interna é de 8 GB e existe a possibilidade de usar um cartão microSD de até 32 GB de armazenamento.

O conjunto de sons do aparelho é um pouco fraco, além dos toques no teclado virtual. O tablet vem com uma caixinha de som e microfone integrados. Nas conectividades incluídas estão o GPS, Bluetooth e Wi-Fi.

O aparelho da Philips possui duas lentes, uma traseira de 2 megapixels e outra frontal VGA, usada mais para videochamadas. Por ter poucos pixels, as imagens da câmera são de baixa qualidade com muitos granulados.

O destaque para o tablet é a inclusão de uma entrada HDMI, ou seja, equipamento pode ser ligado a TV ou a um notebook, por exemplo. O ponto negativo é que o cabo não está incluso no kit do aparelho. O PI3900B2X/78 também tem entradas para fones de ouvido, cartão de memória, micro USB e microfone interno.

A bateria é o diferencial do equipamento. Ela pode durar até 8 horas, com uso constante de redes sociais e vídeos do YouTube. A potência da bateria é de 3.000 mAh. A baixa é que quando o tablet descarrega, para carregá-lo novamente o usuário precisa ter paciência: terminar a recarga pode demorar mais de duas horas.

Por não ser um tablet top de linha, a Philips pretende atender os usuários que precisam de um aparelho mais simples e barato. Ele pode ser encontrado com valores entre R$ 400 e R$ 450.

Por Carolina Miranda


Tablets são dispositivos pessoais em um formato, digamos, que de uma “prancheta”, que pode ser utilizado para organização pessoal, visualização de fotos e vídeos, acesso à Internet, leitura de livros e entretenimento com jogos. Sua tela é touchscreen, ou seja, sensível ao toque.

Já os Ultrabooks são um tipo de “laptop” ultrafino. Foram criados em 2013 com iniciativa da Intel, para criar um no tipo de PC no mercado que concorresse com o MacBook Air, da Apple. Para ser considerado ultrabook, o dispositivo deve ter um padrão de 21 mm de espessura para telas de 14 polegadas ou mais. Para telas de 13,3 polegadas ou inferiores, deve se ter 18mm de espessura.

E por que não os dois juntos ?

Pensando em inovação, praticidade e comodidade para os usuários. Veio a iniciativa de se criar os Ultrabooks Híbridos (ou Ultrabooks Conversíveis). Onde se obtém o tablet e também o ultrabook reunidos em 1 só dispositivo!

Lenovo Yoga 2 Pro:

Possui uma dobradiça que permite o usuário alternar entre o modo Tablet e o modo Ultrabook. Ele possui um tamanho de 13,3mm. Sua resolução é super alta, de 3200x1800p. Você pode escolher esse dispositivo com 4 ou 8Gb de RAM e uma unidade SSD, padrão do dispositivo.

Ele é ótimo para quem gosta de resolução alta.

O único contra para este dispositivo é que quando alternado para o modo tablet, o seu teclado fica exposto na parte de trás. Trazendo certo desconforto para o usuário que sente suas mãos pressionando as teclas.

Dell XPS 12:

Feito de alumínio usinado, possui tela Corning Gorilla Glass (tela resistente a danos). Sua tela Full HD de 12,5mm proporciona visão em um ângulo de até 170 graus, sem perda de nitidez ou claridade.

O aparelho possui Tecnologia Intel Smart Connect, que atualiza automaticamente seus contatos, e-mails, aplicativos e redes sociais.

Ao passar para o modo tablet, seu teclado fica “escondido” atrás da tela, tirando do usuário aquela “sensação ruim” de estar pressionando as teclas.

Há também modelos que separam a tela do teclado, para que se use em modo tablet. Essa ação é permitida por um imã que une as duas partes.

Estes dois modelos citados já podem ser encontrados para compra.

A faixa de preço é de R$ 3.000 até R$ 6.000.

Por Jaime Pargan


De acordo com as informações divulgadas no site oficial da Samsungno início deste mês novos tablets da linha Galaxy Tab 4 estarão brevemente chegando ao mercado. A empresa afirmou que nesta empreitada serão lançados no total três modelos de aparelhos. Cada um deles contará com um tamanho diferente de tela: Um com 10.1 polegadas, um modelo intermediário de 8 polegadas e um menor que contará com 7 polegadas.

Outro detalhe importante é que todos os três novos modelos deverão ser vendidos já rodando a versão mais recente do Android, a 4.4, que é comumente conhecida como KitKat.

Com relação à resolução dos dispositivos, a informação é de que contarão com telas de 1.280 x 800 pixels. Entre outras configurações dos novos tablets estão o processador quad-core de 1.2 GHz, a câmera frontal terá 1,3 megapixels, enquanto que a traseira contará com 3 megapixels.

Em relação às versões que contam com 10.1 e 8 polegadas, a informação é de que vão contar com um espaço interno de 16 GB para armazenamento. Lembrando que este espaço poderá ser aumentado caso queira o usuário, por meio do uso de um cartão de memória microSD. No caso da versão de 7 polegadas, os usuários terá a opção de optar pelo armazenamento de 8 ou 16 GB. Entretanto, essa versão não conta com espaço para cartão de memória. O peso total da maior versão é de 487 gramas, a versão intermediária pesa 320 gramas, enquanto que versão de 7 polegadas tem apenas 276 polegadas.

No mais, não a muito que dizer. A Samsung lançará todos os dispositivos com aplicativos customizados. Entre esses apps estão o Group Play (que tem como possibilidade a troca e audição de músicas entre amigos em tempo real) e o WatchON (para que o usuário possa assistir  TV ou filmes diretamente no seu tablet.

Os preços e datas exatas de lançamento não foram divulgados pela Samsung. Mas a previsão é de que eles sejam lançados no segundo trimestre de 2014, em escala mundial, com versões na cor preta ou branca.

Por Denisson Soares


Nos dias de hoje é muito comum encontrarmos pessoas que deixaram de lado os notebooks e estão migrando para os tablets que são os mais novos no mercado. Eles estão sendo utilizados por estudantes e vão até os empresários de sucesso. Os tablets também fornecem vários benefícios. Pessoas podem ler livros na tela e assim economizar papel, advogados o utilizam nas audiências substituindo os autos do processo e, por fim, podemos dizer que todo o público já está encantado por eles.

Desta forma, vamos falar nesta matéria sobre o mais novo tablet da Samsung que veio para atirar para todos os lados e atacar as marcas Apple, Microsoft e Amazon. O tablet da Samsung é da linha Galaxy PRO e na propaganda do produto ainda fizeram graça com os principais concorrentes. A divulgação veio para mostrar ao público que o produto da Samsung é a melhor alternativa tanto para o trabalho quanto para o lazer.

No vídeo, a Samsung ataca o iPad devido à falta de multitarefa lado a lado, além de caçoar do Surface por parecer um laptop, com teclado e tudo mais. Em seguida, temos a crítica ao Kindle Fire da Amazon, pelo fato de o foco ser para e-books e faltar a integração de serviços do Google como, por exemplo, o YouTube. Por fim, uma das mais importantes marcas também não deixou de ser atacada, a famosa Apple recebeu críticas ao comparar a tela Retina do iPad com a densidade de pixels maior do tablet da Samsung.

Ressalte-se que, cada público tem sua preferência. Todavia, eles buscam aquele produto que tenha mais funções ao compararmos custo x benefício. Por isso, a disputa entre as marcas mais famosas e a variabilidade de funções a cada lançamento.

Se você busca um tablet com várias funcionalidades, aproveite para conhecer o mais novo Galaxy PRO, certamente se você adquiri-lo, não se arrependerá e se manterá antenado com o mundo tecnológico.

Por Luciana Viturino


A Alcatel aproveitou a realização da Mobile World Congress de 2014 para divulgar toda a sua linha de produtos, novos é claro, que deverão chegar ao mercado nos próximos meses. A fabricante francesa de linha móbile anunciou além dos novos aparelhos da linha Pop S, cujo principal mercado a ser focado são os emergentes. Também divulgou que em breve deverá lançar o PIXI 7, o dispositivo é um tablet de baixo custo, muito baixo mesmo.

De acordo com as informações divulgadas pelo site Phone Arena, o aparelho deverá chegar ao mercado já com o Android pré-instalado. Os consumidores que quiserem garantir o produto deverão desembolsar algo em torno dos US$ 110 (R$ 235).

Contudo, fica a pergunta: “De onde vem o baixo custo do aparelho?”. Bom, isso se dá exatamente pelas especificações do dispositivo e os recursos apresentados pelos mesmos. Para se ter uma ideia mais exata do que estamos falando, basta ressaltar o tamanho da tela que conta com sete polegadas e 960x 540 pixels de resolução. O dispositivo conta com um chipset Media Tex 8117 com dois núcleos que rodam a 1,2 GHz e possui 1 GB de memória RAM.

No caso do PIXI 7 o aparelho deverá chegar ás lojas com diversas opções de cores e uma série de aplicativos. Para P.7 o preço sugerido foi de US$ 110.

No mais o gadget ainda trará integrado a si duas câmeras de 0,3 megapixels. As fotos produzidas poderão ser armazenadas nos 4GB de espaço interno que, poderão ser expansíveis até 32 GB, por meio do cartão micro SD. Já a bateria responsável por manter o aparelho em funcionamento será de 2.840 mAh. Isso já o bastante para dar conta de um uso de cerca de quatro horas na internet de navegação Wi-FI. O sistema operacional será o do Google: a 4.4 KitKat, fato que chega a surpreender devido ao aparelho ser tão simples.

Segundo as previsões o aparelho – PIXI 7, deverá chegar ao mercado consumidor com vários acessórios bem como diversas opções de cores. Já no mês de julho o dispositivo estará disponível na Europa, África e também no Oriente Médio.

A America Latina apesar de ser um dos alvos da Alcatel não teve as datas de estréia do produto divulgadas por aqui.

Por Denisson Soares

Foto: divulgação


O mercado de jogos é um dos que mais cresce em todo o mundo.  Logo, dentro dessa realidade, os tablets estão investindo cada vez mais nesse nicho. Os brasileiros, em todo o caso, também são fãs de games. Sendo assim, para a alegria de nossos leitores, falaremos de vários gadgets que prometem fazer a diferença nesse setor. Até porque, de acordo com pesquisas, a verdade é que os aparelhos que mais investem em jogos estão aumentando cada vez mais suas vendas.  De todo o modo, para podemos especificar nossa matéria, iremos destacar os tablets com sistema operacional do tipo Android.

Archos Game Pad:

Esse é um tablet supermoderno que foi criado exclusivamente para jogos.  Com  um processador 1,6 Ghz, 1 GB de RAM e custando US$ 149,99, o Archos Game Pad possui uma tela com uma resolução ideal para games.

Wikipad:

Esse deve ser o principal tablet de 2014 para quem quer passar horas a fio jogando e sentindo as novidades em termos de games.  Esse tablet, por seu turno, tem a forma de um videogame. Seu design é muito curioso e incrível, de modo que chama atenção por seu formato diferenciado. No mais, tem 7 polegadas e várias funções específicas para quem tem o hábito de usar o tablet como uma ferramenta de jogos.

Asus Transformer Pad Infinity TF 700:

Esse, pois, é um tablet simples e, ao mesmo tempo, cheio de novidades que são essenciais para quem curte jogos. Possui  hard drive  que é de 32 GB e vem com teclado QWERTY, pormenores estes que facilitam o manejo na hora de jogar. Já a memória RAM  é de 1 GB, o que torna sua capacidade de armazenar jogos uma boa para todos os interessados.

Por fim, independente de sua escolha, o fato é que o mercado está ofertando várias possibilidades. Se o leitor, em todo o caso, souber de mais novidades sobre tablets para jogos, por favor, comente e nos ajude!

Por Juan Wihelm

Archos Game Pad

Archos Game Pad

Foto: Divulgação


A HP lançou este mês o SlateBook x2, que de longe parece um netbook, mas na verdade é um tablet híbrido. O aparelho possui um teclado encaixável que dá um conforto no uso. A sua negativa é o sistema adotado, o Android, que restringe as possibilidades se comparado aos sistemas de desktop. Ainda há uma outra baixa, o seu preço no Brasil será de R$ 1.899.

SlateBook x2 é considerado bonito e bem moderno, contudo, no quesito portabilidade deixa um pouco a desejar. Com o conjunto teclado e tablet, ele pesa 1,4 kg. Com esse peso levado na bolsa ou na mochila, depois de um tempo ele começa a incomodar. O peso agrega as infelizes medidas de 284 x 212 x 20 mm. Além disso, a bateria é naquele formato “tijolo”, o que pesa ainda mais.

O teclado apresenta quatro possibilidades de entrada, três no lado direito (HDMI, carregar e “Play”) e uma no esquerdo (USB), além do espaço para fone de ouvido. Na tela, as entradas ficam situadas na parte de baixo do display, escondidas quando em contato com o teclado. O tablet possui ainda um slot de cartão SD, conta com porta de carga própria e possui fone de ouvido e microfone.

Na parte de baixo da tela ficam as caixas de som, nas extremidades. Na parte de cima, há antena de WLAN, câmera frontal e iluminação para webcam.

A tela utilizada possui 10,1 polegadas e é bem confortável de ser manipulada. O aparelho possui uma boa resolução Full HD e um zoom em ícones menores, o que facilita a leitura. O sistema operacional utilizado é o Android Jelly Bean 4.2.2 e o tablet possui um processador móvel Nvidia Tegra 4. O tablet é capaz de rodar jogos sem travar. Outros aplicativos também rodam facilmente.

O HP SlateBook x2 tem duas câmeras: uma traseira com 2 megapixels e uma frontal apenas VGA. As duas possuem recursos para regular a qualidade da imagem a situação, mas sem muitas novidades quando comparadas às câmeras de tablets.

Por Carolina Miranda


Geralmente, damos mais destaque aos tablets e smartphones. Esses são os aparelhos mais vendidos e procurados no mercado atual do mundo da tecnologia. Cada vez com mais aplicativos, recursos, funções específicas e novidades de todos os tipos, esses dispositivos vêm ganhando mais espaço no mercado. Porém, no meio desses dois gadgets, há um aparelho que está crescendo a passos largos no cenário tecnológico da atualidade. Estamos falando dos phablets. Mas qual o diferencial deles em relação aos smartphones e tablets?  Aqui veremos os pontos positivos que fazem do phablet um diferencial e uma excelente opção em todos os sentidos.

– Tela grande:

A tela grande é, sem sombra de dúvidas, um fator de vantagem e um ponto positivo para o phablet. Essa novidade, por sua vez, traz conforto para a visão e uma facilidade maior de manejo por parte dos usuários, além de facilitar ainda mais a questão do toque na tela;

– Armazenamento:

Os phablets têm um armazenamento muito maior que a maioria dos outros dispositivos móveis. E essa é uma qualidade essencial, pois sua capacidade de armazenar é de primeira linha.  Com uma memória interna de até 32 GB, é possível armazenar uma miríade de filmes, músicas, vídeos, jogos e demais recursos que o cliente quiser baixar para seu aparelho;

– Caneta:

A caneta, além de bacana para se usar, é de suma relevância para quem tem um phablet. É uma ferramenta especial que permite fazer que o dono possa tomar notas, o que é primordial nos dias de hoje. Bom para edições e telefones.

Essas são as vantagens dos phablets que, neste ano de 2014, esperam vender ainda mais aparelhos e conquistar um público  cada vez mais fiel. Seja como for, o mercado é amplo e, por essa razão, todos os gadgets têm espaço.  

Agora só nos resta a expectativa para ver as cenas dos próximos capítulos.

Phablets

Foto: Divulgação


Com uma presença marcante em 2013 com seus lançamentos, a coreana Samsung não para. Em 2014 já vem com gás total em busca de destaque no mercado, agora com o  Samsung Galaxy Tab 12.2 Pro que falaremos mais para você.

Memória:

O Galaxy Tab Pro apresenta a mais recente Octa-Core chips Samsung Exynos com 3GB de RAM (alguns modelos serão lançados com Snapdragon 800). Quanto aos detalhes técnicos, estamos falando de uma combinação de quatro big.LITTLE 1.9GHz de altíssimo desempenho com núcleos Cortex A15 e quatro núcleos de 1.3GHz Cortex A7, que são famosos por sua eficiência em termos de energia. Os gráficos são atendidos pela GPU Mali-T628 MP6, que deve ser poderoso o suficiente para lidar até mesmo com os  jogos que requerem mais do aparelho.

O Tab 12.2 Pro vem em uma modelo com 32 GB de armazenamento interno e outro com 64 GB, mas tendo suporte para armazenamento expansível, com cartões microSD de até 64GB. Assim, o total de armazenamento pode chegar a 128 GB, que deve ser suficiente para a maioria dos usuários.

Internet e Conectividade:

Você pode acessar a web no Galaxy Tab 12.2 Pro  tanto através do navegador Samsung  personalizado Android, ou via o aplicativo móvel do Google Chrome (Adobe Flash não é suportado originalmente). A grande vantagem de se ter 12,2 polegadas no  Tab Pro é que ele é quase tão grande quanto o ultrabook médio, possibilitando assim ao usuário desfrutar de páginas web em seu tamanho real e formato, sem a necessidade de ampliar ou lidar com versões móveis.

A alta resolução faz uma grande diferença quando se lê, podendo-se utilizar ainda fontes menores. O  Tab 12.2 Pro vem em  um modelo com Wi-Fi-only 4G LTE habilitado. Por todos os indícios visíveis, parece que a Samsung vai lançar uma versão separada para os Estados Unidos que suporta bandas LTE específicas, e outra para o resto do mundo, que utiliza as bandas europeias e asiáticas LTE. Ambas as versões 4G também serão capazes de utilizar redes 3G. No caso de sua operadora não suportar LTE ainda, outras opções de conectividade incluem dual-channel Wi-Fi, A-GPS e Bluetooth 4.0.

Por Jaime Pargan

Samsung Galaxy Tab 12.2 Pro

Foto: Divulgação


No momento do MWC 2014 a HP aproveitou para anunciar seu novo notebook, o Pavilion x360. Só que, ele não se enquadra somente no que chamamos de notebook: ele pode também se transformar em um tablet, pois sua tela tem um espectro de quase 360º de mobilidade, o que deu raiz ao nome do gadget.

O novo notebook e tablet da HP, o Pavilion X360 pode ser chamado de Multiuso. Mas, no comparativo dos dois quesitos, ele funciona melhor como notebook. Ele é um laptop compacto, bem acabado e leve, mas muito grande e pesado para um tablet, com seus 1,4 kg. Quando ele “vira” um tablet, o teclado e o trackpad ficam exibidos do outro lado, desativados.

O que chama mais atenção do Pavilion X360 é o seu design. Na parte interna, próximo ao teclado, o acabamento é de alumínio e uma carcaça externa de plástico duro para dar resistência. Ao mesmo tempo em que a sensação é de um notebook delicado por dentro, externamente ele demonstra ser robusto e forte. E há um detalhe interessante: o plástico, quando debaixo da luz, apresenta pequenos pontos luminosos. É parecido com glitter, em que o usuário pode escolher entre a cor vermelhar e cinza.

O que desanima no novo notebook/tablet da HP é a tela de 11,6 polegadas. Atende bem aos comandos e tem boas cores, contudo a visibilidade dele é ruim para o usuário que não está exatamente de frente à tela. Outra desvantagem é que quando utilizado como notebook, a tela é instável, tremendo de maneira cavalar a cada toque.

O teclado é bem macio, prazeroso de usar. Tem um conforto extremo e as teclas não parecem acumular a oleosidade dos dedos. O X360 também tem um som exemplar nas duas saídas e, por isso, possui em sua característica o selo Beats Audio, o que qualifica ainda mais o equipamento.

O preço é bem atraente pelas suas qualificações. Ele será vendido a partir de US$ 399, o que seria cerca de R$ 950.

Ficha técnica: chip Intel 64-bit, 4 ou 8 GB de RAM e hard drive de 320 GB, 500 GB, 720 GB ou um híbrido de 500 GB.

Não há previsão de chegada no Brasil e nem seu preço por aqui. O que se sabe é que a novidade chegará ao mercado americano e europeu neste mês (março). 

Por Carolina Miranda

HP Pavilion x360

Foto: Divulgação


O Tablet Multilaser M8, apesar do baixo preço, foi classificado na categoria 5 estrelas por seus atuais proprietários. Devido a concorrência, hoje o modelo custa em torno de R$ 349,00 (cerca de 40% mais em conta) e vem despertando a curiosidade de pessoas que procuram por qualidade e baixo preço.

Com o sistema operacional Android 4.1 e tela de 8 polegadas, ele oferece uma capacidade para 4 GB de memória e 1 GB de memória RAM, ideal para quem precisa fazer um uso simples do dispositivo. Além disso, a fabricante está disponibilizando até seis meses de acesso grátis na revista digital que fica a escolha do cliente. As opções são IstoÉ, IstoÉ Dinheiro, IstoÉ Gente, Status, Menu, Motorshow, Planeta e Dinheiro Rural. A IstoÉ e IstoÉ Dinheiro contam com 3 meses de degustação, devido ao seu conteúdo semanal, mas já pode ser um prato cheio para quem não abre mão desses tradicionais veículos de comunicação.

Ao comprar o Tablet Multilaser M8, o cliente vai receber um email de confirmação com o banner da Editora Três para ter o acesso escolhido por três ou seis meses, de acordo com a revista, após um breve cadastro e instalação do aplicativo. O aplicativo poderá ser baixado tanto no iTunes App Store como na Google Play e a Editora Três será a  única responsável por todo o processo de cadastro e disponibilização do conteúdo digital.

Sobre as características do Tablet Multilaser M8, o mesmo vem com revestimento que resiste é oleosidade e impressões digitais deixadas em seu toutch, tela com resolução de 800X600, bateria recarregável de até 72 horas, Processador Dual Core 1.6 Ghz e pesa pouco mais de quinhentos gramas apenas.

Embora simples, a Multilaser já teve qualidade comparada a HP e, apesar de não oferecer uma câmera com excelente resolução (2.0 e 0.3 apenas), o mesmo foi citado como um dos dispositivos de baixo valor mais indicados para a prática de jogos.

Por Luciana Ávila

Foto: divulgação


O novo H160 SlidePad da LG proporciona a você conveniência em todos os momentos além de ter em suas mãos um modelo ultramoderno.

A LG está com um super lançamento, é o conversível H160 SlidePad. Com ele você terá agilidade e conforto em todas as ocasiões, pois com apenas um clique você muda do modo Tablet PC para o modo Touch PC. É só escolher qual modo você quer usar e pronto, simples assim.

Além do seu design bonito e moderno, com detalhes em prata e branco que deixam o device com um ar elegante, sua tela de 11,6 polegadas é touch e responde a até 5 dedos simultaneamente, ótimo para editar imagens, jogar ou até mesmo trabalhar.

A tela do H160 SlidePad também possui a tecnologia IPS, uma tecnologia exclusiva da LG que proporciona imagens perfeitas em ângulos de até 178°, com cores muito mais nítidas e consistentes ao longo de toda a tela, não importa em que modo esteja usando. Incrível, não?

Em relação as suas especificações técnicas, o H160 SlidePad vem com memória RAM de 2GB e espaço em disco rígido de 64GB para você guardar todos os seus arquivos. Tem também câmera frontal  – com LED,  Bluetooth 4.0 + LE, entrada USB e saída HDMI.

Com seu novo processador Intel Atom Z2760, a autonomia da bateria alcança até 12 horas, permitindo que você trabalhe ou jogue mais tempo sem se preocupar. Ficar sem bateria com o H160 Slidepad não é uma opção.

Para completar ainda mais a sua experiência com este conversível, ele já vem com Windows 8 instalado. Com ele, você poderá deixar seu H160 SlidePad ainda mais pessoal e com a sua cara utilizando, por exemplo, sua foto favorita como senha. Vale foto da festa, com os amigos, ou com a família – é você quem escolhe. Além de ser mais pessoal, é mais seguro também, pois além da foto, você marca três gestos na tela touch para desbloquear.

Depois de desbloquear o computador é só se jogar no mundo de apps que a Windows Store disponibiliza, lembrando também que o Windows 8 já vem com vários apps pré-instalados. Uma das opções é o app E-mail, para você sincronizar seus endereços eletrônicos e receber todas as suas mensagens em um só lugar. O app Pessoas – que é uma grande lista de contato que reúne seus amigos de todas as redes sociais, vai deixar você ainda mais próximo de quem ama. Já o app Notícias mostra todas as atualidades automaticamente, sem você precisar sequer abrir o aplicativo.

O H160 Slidepad com Windows 8 é a combinação de conveniência e tecnologia que você estava esperando.

Por Danilo Moraes

LG H160 SlidePad

Foto: Divulgação


O Galaxy Note 10.1 4G 2014 Edition  chama a atenção pelo design, recursos e comandos que acompanham o aparelho. Ele é leve, compacto e fácil de ser levado para vários lugares: trabalho, passeios, faculdades, entre outros. Assim, em qualquer ambiente vai ser fácil acessar o tablet para ficar por dentro das novidades das redes sociais ou organizar as tarefas do cotidiano, por meio do comando suspenso, que contempla bloco de rascunho, lembrete de ação, escrita na tela, entre outras atividades.

Uma das principais novidades do Galaxy Note 10.1 é a tela de alta resolução, que permite imagens de forma nítida e com muita clareza. Desta forma, o usuário vai poder mandar e-mail, navegar na internet e utilizar os mais variados tipos de aplicativos. Além disso, devido ao tamanho da tela, é possível navegar por meio de um layout muito organizado e desta maneira visualizar as notícias que acontecem no mundo, feeds das mídias sociais, entre outros assuntos.

Este tablet da Samsung também é muito prático e apresenta uma surpreendente multi-tela, que permite realizar duas tarefas de forma simultânea. Em outros aparelhos, existia a necessidade de mudar a tela, mas no Galaxy Note 10.1 o usuário pode navegar na internet enquanto manda um e-mail, por exemplo.

O aparelho mede apenas 7.9 mm de espessura e pesa 532g. Além disso, ele tem uma aderência fácil nas mãos, para que o usuário possa usar o aparelho por longas horas do dia sem se cansar.

Para amenizar os riscos ou rachaduras, a capa traseira do tablet é composta por uma textura muito similar a do couro e o acabamento, que remete à costura, proporciona um toque de elegância e sofisticação. Usando a S Pen, o usuário pode desenhar janelas de aplicações na tela, assim como selecionar algum tipo de função. Desta forma o tablet é ideal para quem quer um aparelho diferente e com recursos de ponta.

Por Babi


Seu tablet merece um cuidado especial, sobretudo quando ele é o seu objeto de trabalho. Para que você utilize o máximo de suas funcionalidades, é necessário tomar em alguns cuidados. Iremos falar aqui da bateria do seu aparelho, a qual se torna um item imprescindível, pois de nada adianta ter um aparelho cuja bateria se desgasta rapidamente pelo mau uso do eletrônico. Você tem, pelo menos, um motivo para cuidar da bateria do seu tablet, especialmente se ele é Android – as baterias são menos duráveis neste tipo de sistema, com relação ao forte concorrente Apple.

Desligue todas as funções que não estiverem em uso

Por exemplo, feche os apps que você não estiver usando (apps do registro de chamadas, música, Bluetooth, Wi-fi, GPS, notificações e atualizações automáticas, volumes de toques etc.). Por incrível que pareça, essas funções consomem sua bateria.

Use o modo avião

Para quem usa bastante o 3G e o wi-fi, é interessante empregar esse modo nas configurações do tablet.

Regule os ajustes de imagem

Regule o contraste e o brilho do seu aparelho. Quanto menos brilho, menor o consumo de energia.

Utilize toda a carga da sua bateria, antes de recarregá-la

Você deve aproveitar toda a energia do seu aparelho. A vida útil da bateria está relacionada aos ciclos de carga/recarga. É também recomendado desconectá-la da tomada assim que a carga estiver completa.

Desinstale programas inutilizados

Desinstale programas que você não usa, principalmente aqueles que vêm na instalação de fábrica.

Use aplicativos que economizam energia

Há programas que gerenciam o consumo de energia no aparelho. Utilizar esses tipos de aplicativo fará com que sua bateria renda mais. Um dos indicados aqui é o Easy Battery Saver (Android). Neste programa você pode adaptar às suas necessidades o uso do seu aparelho.

Essas são dicas que farão bem ao seu aparelho. Lembre-se: o seu dinheiro vale muito, não desperdice. Aproveite cada recurso do seu tablet, até o fim.


 O Yoga Tablet é uma das grandes novidades de tablets para esse ano de 2014. O fato é que esse aparelho foi lançado na CES 2014, o maior evento de tecnologia do mundo. Seja lá como for, o gadget é bem diferenciado por conta do seu formato, ou seja, por ser uma peça do tipo cilíndrica. Em todo o caso, o Yoga Tablet é uma das apostas da Lenovo para atrair cada vez mais clientes e consumidores em termos gerais. Em relação aos preços, com efeito, esses são os seguintes: O preço para a versão de 8 polegadas será de R$ 1.299 e o de 10,1 polegadas custará R$ 1.599.  O dispositivo móvel será lançado no mês de abril desse ano.

O fato de ser uma peça com uma base cilíndrica tem a vantagem de, por assim dizer, permitir, fazer com que o usuário tenha mais firmeza e facilidade na hora de segurar seu aparelho. Numa bela sacada do fabricante, aproveitou-se o espaço ocupado pela bateria (que é grande e dura até 18 horas em uso contínuo, o dobro de outros tablets) para fazer o suporte de mão e de mesa do tablet, transformando o que seria uma fraqueza do produto em um atributo desejado. Esse produto foi, sem sombra de dúvida, uma das maiores novidades da feira de tecnologia aqui mencionada.  A Lenovo afirmou que seu objetivo é ampliar e melhorar cada vez mais seus produtos e colocar o Yoga Tablet como um diferencial para todo o mercado de tablets. A empresa também espera que o público brasileiro, tão apaixonado por meios tecnológicos, continue buscando mais e mais tablets de qualidade da marca.

O Yoga Tablet terá versões com tela de 8 e 10 polegadas, ambas com resolução de 1280×800 pixels, e terá a versão 4.2 do Android. Outros pontos positivos do tablet: Armazenamento: 16 GB ou 32 GB (expansíveis com micro SD);  Câmera traseira: 5 megapixels, entre outras funções de qualidade. Agora é esperar pelo lançamento do produto aqui no BRASIL.


Uma das grandes novidades tecnológicas de 2014 são os tablets, os quais então a cada dia que passa com uma tecnologia absurdamente superior aos demais aparelhos eletrônicos. Com isso, a Nokia decidiu apostar em sua nova criação, o Lumia 2520, uma nova geração de tablets que já conta com o Windows RT 8.1, que foi feito para os chamados processadores ARM, diferente do Windows 8 Tradicional, que roda apenas em chips x86.

A versão 8.1 do Windows foi revelada junto com o já bem utilizado Windows 8, tendo apoio de alguns fabricantes de hardware, como as conhecidas Dell, Asus e Microsoft. A versão avançada do Windows não teve sucesso devido à falta de aplicativos existentes para tal, além da versão não apresentar nenhum cliente conhecido de e-mail, como Hotmail, Yahoo ou Outlook, o que o desvalorizou e deixou a Microsoft como única apostadora de que o sistema daria certo. Com a versão atualizada do Windows RT 8.1 e com a atualização do Surface pela Microsoft, a adoção de tal plataforma no Nokia Lumia 2520 começa a atrair clientes de todos os tipos.

Adotando um processador bem veloz (Qualcomm Snapdragon 800), uma tela Full HD de 10,1 polegadas e com um teclado multifuncional bem atrativo, o Lumia 2520 é ideal para aqueles que gostam de uma ágil mobilidade, além de sua bateria ser uma das que mais duram no mercado e ele ter conectividade 4G.

O novo tablet chega ao Brasil custando cerca de R$ 1.300 e provavelmente será um sucesso de vendas, como apostam seus fabricantes. Como o Brasil é um país o qual seu número de telefones móveis ultrapassa a quantidade de habitantes, vendê-lo não será problema para os donos da Nokia, já que o mercado de telefonia móvel brasileiro nunca se estabiliza.

Por Danilo Lacalle


Durante uma conferência realizada com analistas, Brian Krzanich (CEO da Intel) revelou o mais novo lançamento da empresa, um tablet Android com Bay Trail.

Para quem não sabe, Bay Trail se trata de uma nova linha de processadores Atom da nova geração. Os chips, que possuem 64 bits, devem ser lançados no próximo trimestre e estarão presentes na nova linha de tablets com Android.

Os chips de 64 bits, que até pouco tempo atrás só estavam presentes em computadores e notebooks, geram melhor desempenho e maior segurança nas máquinas, com isso, eles são a melhor opção durante a execução dos sistemas operacionais.

A primeira empresa a lançar um modelo de chip de 64 bits para equipamentos portáteis foi a Apple, que anunciou seu chip A7, usado no iPhone 5S, iPad Air e no iPad Mini, isso trouxe uma grande evolução aos dispositivos portáteis.

Após isso, a Intel se adiantou na produção de chips de 64 bits para dispositivos portáteis e criou o Bay Trail, porém, inicialmente a empresa pretendia oferecer os chips apenas para tablets com Windows 8.1. Contudo, no meio do desenvolvimento do mesmo a empresa mudou de ideia e resolveu adotar suporte também para Android. Essa mudança de planos foi adotada devido ao pequeno atraso no lançamento da CPU, que ocorreu em setembro de 2013.

Alguns testes de benchmark provaram que o novo chip da Intel é 30% mais rápido do que o Snapdragon 800, que foi produzido pela Qualcomm e era considerado o chip ARM mais potente da atualidade. Além de tudo, a Intel garante que o Bay Trail é muito superior ao processador A7 da Apple, isso é possível principalmente graças à maior densidade de transistores presentes no mesmo.

Por Héllen Salvato


De acordo com as últimas previsões feitas em relação ao mercado dos tablets, estes dispositivos deverão obter em 2014 uma boa fatia do mercado. Para se ter ideia do tamanho da conquista, basta levarmos em consideração que em 2014 os tablets estão concorrendo em termos de igualdade com os PCs.

Recentemente a empresa de análise e consultoria Canalys divulgou as informações de alguns dados levantados pela mesma. Segundo as análises feitas em 2014, esses dispositivos portáteis deverão fechar o ano com uma demanda de 50% do mercado. Isso demonstra um aspecto interessante em relação ao setor: O fato de que entre os usuários dessas tecnologias existe uma tendência cada vez maior em relação àqueles que efetuam trocas de aparelhos por outros que possam servir como substitutos de notebooks e PCs.

Como já era de se esperar em relação à maioria das análises, o Android, sistema operacional do Google, tem o domínio do setor com uma fatia de 65%. A Samsung também deveria ocupar o primeiro lugar em relação aos dispositivos, entretanto, os dados sugerem que a Apple deverá se destacar, até porque agindo sozinha ela irá reter uma parcela de 30% em relação a todos os tablets que estarão sendo usados no mundo.

Outro ponto interessante em relação à Apple é que ela deverá ser uma das poucas empresas que deverão obter lucros oriundos da venda de tablets. Isso pode ser justificado pela forma como a empresa da Maçã encara o mercado. Ela prefere manter uma base sólida de usuários cobrando mais caro por seus produtos e criando assim uma imagem de segurança e valor agregado, o que acaba fidelizando uma parte dos usuários. Em contrapartida, as concorrentes investem cada vez mais na variedade de dispositivos de baixo custo.

Em 2013 as vendas de tablets foram de cerca de 180 milhões. Para a Canalys, este número deverá subir para 185 milhões em 2014.

Por Denisson Soares


No fim do ano passado tivemos muita repercussão com o lançamento do Android KitKat que chegou causando devido ter  o seu lançamento junto com o Nexus 7. Até agora o que sabemos, é que são poucos os aparelhos que receberam esta atualização e muitos que são top de linha, como o Samsung Galaxy S4, também continuam aguardando pela novidade.

Mas e para os tablets, o que realmente pode melhorar nesta atualização?

Os dispositivos que mais são comentados até então são os smartphones, mas muitos se esquecem que alguns usuários utilizam o convencional tablet e que o mesmo pode aceitar a atualização destes recursos. A principal dúvida é se realmente irá acrescentar benefícios. A resposta é que nem todos os benefícios do atual Android KikKat podem ser relevantes para os tablets atuais, mas sem dúvida a versão 4.4.2 não vai decepcionar tantos com os problemas apresentados anteriormente já no início do procedimento.

Algumas das pessoas que já testaram o KikKat em tablets, poucas não gostaram dos detalhes acrescidos para SMS, por exemplo, ou algum outro detalhe de pouca importância para quem procura realmente por outras questões e utilidades. Nesta atualização o "immersive mode" ocupa a tela inteira e tem maior integração com o assistente Google Now (caso o tablet esteja configurado na língua inglesa), em português ele pode apresentar um certo limite de desempenho como no comando de voz, por exemplo.

Outros benefícios são melhor controle de memória RAM e baixos índices de travamento durante a navegação online. 

O desempenho do Android KiKat foi testado na sua maioria em dispositivos Nexus, mas os resultados para outras marcas são muito próximas ou semelhantes aos resultados da nova atualização. Todo cuidado reflete apenas no modelo e na versão atual que o seu tablet apresenta, o recomendado é que antes de efetuar a atualização os proprietários chequem a compatibilidade para evitar uma possível decepção.

Por Luciana Ávila

Android KitKat para Tablets

Foto: Divulgação


Pensando em agregar ainda mais valor e versatilidade ao mercado, a Acer vem em uma crescente inimaginável desde o ano de 2010. De lá pra cá se tornou a terceira maior fabricante de PCs no mundo. Não muito distante das novidades que embalam o mercado tecnológico, a gigante de Taiwan tem investido boa parte do seu tempo em melhorias. É o caso do novo Tablet A1-830, anunciado recentemente.

As novidades no A1-830 vão do designer à resolução de tela, passando por um melhoramento considerável no processador em relação ao seu antecessor. O novo tablet contará com uma resolução de 1024 pixels de largura por 768 de altura, tudo muito bem distribuído na sua atraente tela LCD de 7,9 polegadas. Mas o charme fica por conta do preço que, na sugestão inicial, fica na casa dos US$ 149,90.

Para rodar o Android 4.2.1 Jelly Bean com precisão e sem muitos erros para o usuário, a Acer apostou em um processador Atom Z2560 com 1,6 GHz de velocidade. Um dos atrativos da marca para esse modelo é a incrível memória RAM de 1 GB. No disco rígido, estarão disponíveis 16 GB à vontade para o consumidor usufruir, podendo ser expandido por meio de cartões micro SD.

Fora suas funcionalidades de potência no processamento de dados, uma das características mais úteis do novo modelo é a bateria que consegue manter o dispositivo ativo por nada menos que sete horas e meia a cada recarga.

Detalhes das câmeras ainda não foram revelados, mas sabe-se que a câmera traseira será capaz de gravar vídeos em full HD e a frontal terá uma resolução de 720p. Com todos os detalhes ainda guardados a sete chaves pela fabricante.

Alguns acessórios também estarão disponíveis para o mercado, como o teclado Acer Crunch, que pode ser dobrado para se tornar um suporte para o tablete. Há ainda o Acer Crunch Cover que se dobra em vários ângulos para suporte do aparelho, além de ser produzido em microfibra e estar disponível em várias opções de cores.

A expectativa é que o A1-830 esteja disponível já no início do ano de 2014.

Por Halifas do Bonfim

Foto: Divulgação


O novo tablet da Samsung, Galaxy Note 10.1, com caneta S pen está sendo muito cobiçado no mercado brasileiro, principalmente por estudantes, uma vez que permite escrever na tela, o que é mais fácil que carregar vários cadernos ou livros ao mesmo tempo.

A praticidade do tablet é ótima e ele pesa menos de 1 kg, o que é favorável principalmente aos estudantes de Direito e Medicina, devido à enorme quantidade de livros que carregam. A tela do Samsung Galaxy Note é de 10.1” e vem com sistema Android integrado, além de  memória interna de 16 GB e uma excelente câmera de 5.0.

A caneta S Pen é de alta qualidade e facilita bastante a escrita com uma precisão exata da ponta da caneta e rejeita toques não intencionais da palma da mão. A S pen foi desenvolvida e incorporada ao tablet para facilitar os processos de publicação digital. Com ela é possível fazer anotações, criar desenhos artísticos, editar fotos e criar apresentações.

As cores disponíveis pela Samsung são o preto e o branco. Vem com um material de policarbonato e quem deseja digitar textos pode ficar tranquilo, pois ele é um tablet de fácil digitação. A tela touchscreen capacitiva permite personalizar informações e fazer anotações rápidas.

Desta forma, o Samsung Galaxy Note 10.1 se destaca devido à sua enorme quantidade de ferramentas e recursos disponíveis que são super práticos de serem usados e chama a atenção de muitas pessoas pela portabilidade que oferece. Diante de inúmeros benefícios já citados, ele também oferece acesso à internet por Wi-Fi ou por meio de tecnologia 3G; acesso a GPS para que você possa se localizar de forma rápida e eficiente; uma bateria de longa duração, o que permite a você usá-lo por horas a fio; um processador de 1.4GHZ evitando problemas de travamentos ou lentidão; e tecnologia Bluetooth permitindo, assim, o compartilhamento de arquivos.

Por Luciana Viturino

Samsung Galaxy Note 10.1 com caneta S pen

Foto: Divulgação


Todos nós sabemos que precisamos de alguns óculos especiais para assistir a conteúdo 3D na TV, e esta é uma das razões pelas quais os consumidores não começaram a adotar este tipo de dispositivos em larga escala. Alguns fabricantes de TV começaram a usar óculos passivos em vez de os conjuntos ativos e mais  caros existentes no mercado.

Embora hoje já exista o  Nintendo 3DS , um gadget que não necessita de óculos, e agora , eis que surge outro dispositivo nesta lista: o novo tablet da Hammacher Schlemmer que suporta 3D .

O nome real do tablet é The No Óculos 3D Tablet , e o nome diz-lhe que este dispositivo pode fazer. O display LCD de 8 polegadas com resolução de 1280x 800, que pode mostrar conteúdo 3D, oferecendo uma imagem ligeiramente diferente para cada olho. O tablet é capaz de criar profundidade de campo sem ser desconfortável e sem a necessidade de óculos especiais.

O Tablet Sem Óculos 3D tem 16 GB de armazenamento interno , slot microSD de até 32 GB , e porta USB . O tablet pode converter automaticamente o conteúdo 2D para 3D. E tem também uma câmera de 2MP traseira, uma câmera frontal de 0,3, Bluetooth, Android 4.1 e uma bateria com uma vida útil de 5 a 7 horas. O preço do tablet será em torno de 350 dólares  (alego em torno de R$ 700,00) e está previsto para ser lançado em 30 de dezembro deste ano.

Aos ávidos apaixonados pela tecnologia móvel fica a expectativa de ver logo esta nova criação disponível no mercado para compras, a data citada para lançamento deve ser considerada apenas nos Estados Unidos, a previsão para que o tablet chegue ao Brasil é para o primeiro semestre de 2014, mas ainda não temos um data oficial a informar, a propagação das vendas em outros países também dependerá da aceitação vista no público americano. A nós resta aguardar que a novidade chegue a nossos mercados para avaliação.

Por Jaime Pargan

The No Óculos 3D Tablet

Foto: Divulgação


Ele vai chegar para integrar o time dos super tablets. Tudo porque terá uma tela de resolução tão poderosa, que no ano de 2014, será o item de cobiça para quem atua no universo empresarial ou no segmento educacional. Trata-se do iPad 12,9”, o super computador de tela LED que é a promessa da Apple para 2014.  

A resolução da sua tela será de 2048 x 1536 pixels, associado a todos os aplicativos que os usuários irão precisar para trabalhar ou se entreter, com toda a leveza do mais novo lançamento da Apple. Une-se a esses atributos, o design sempre inovador que faz parte da geração de super tablets da companhia americana.

A noção de preço ainda é um mistério, já que está agendado para o final de 2014 o lançamento do iPad 12,9” da Apple, no entanto, já começaram as expectativas para quem gosta de tecnologia e gosta de usá-la para desenvolver todos os segmentos da vida.

Para os curiosos, a boa notícia é de que já circulam pela grande rede mundial imagens de outros grandes lançamentos da Apple como o iPad 5 e o mini 2. Ao menos é um consolo para saber o que aguardam, para o próximo ano, os loucos por tecnologia.  

Não se pode esquecer que as concorrentes não ficarão paradas, vendo a Apple avançar, o que deixa a entender que a Samsung, entre outras companhias, também prometem lançar moderníssimos tablets. A expectativa mesmo é que a Samsung lance em 2014, o seu tablet com tela flexível, câmera frontal de 3 megapixels e até 32 GB de memória. O preço dele também é um mistério ainda, o que atiça ainda mais a ansiedade de compradores de tecnologia.

Mas, o ano novo está chegando, é só aguardar as novidades que vêm por aí e que chegarão ao Brasil com todo o vapor.

Por Michelle de Oliveira

iPad 12,9 polegadas

Foto: Divulgação


O iPad 2 é um dos principais tabletes do mercado, que conta com ferramentas potentes e recursos para facilitar o dia a dia. Ele se destaca pela leveza, design e praticidade, sendo ideal para quem procura um aparelho de alto desempenho aliado a custo benefício. Ele possui o processador A5 Dual Core, Wi-Fi e compatibilidade com Bluetooth, que é ideal para quem gosta de estar conectado a internet e fazer compartilhamento de dados de forma rápida e simples.

O iPad 2 tem tela de 9,7 polegadas, sendo resistente a impressões digitais e oleosidade. Desta maneira, garante uma imagem nítida e livre de imperfeições. Além disso, este aparelho conta com duas câmeras, para que o usuário possa bater fotos ou gravar vídeos de maneiras diferentes.

O tablet possui uma espessura de apenas 8,8 mm e pesa aproximadamente 601 g. Desta maneira, ele pode ser transportado com facilidade em bolsas, mochilas ou qualquer outro compartimento, pois ocupa um espaço mínimo.

A bateria tem duração de 10 horas, assim a pessoa pode aproveitar o máximo dos recursos sem se preocupar em ligá-lo na tomada.

O aparelho foi desenvolvido com sistemas tecnológicos avançados, para que o usuário possa aproveitar ao máximo seus recursos, ou seja, jogar jogos interativos de forma rápida, navegar na internet com facilidade, entre outras facilidades que o iPad 2 fornece.

Dentre alguns recursos, destacam-se o acelerômetro interno (que tem a finalidade de reconhecer os movimentos internos e externos), o giroscópio, a bússola digital (em que o computador consegue reconhecer a direção e ainda entende os movimentos em 360º).

Por meio deste aparelho, podem ser feitos vídeos em HD (720p) ou a pessoa pode aproveitar para tirar fotos de qualidade e contar com um excelente zoom digital de 5X. Além disso, a câmara secundária proporciona a facilidade para fazer conversas em vídeos através do aplicativo FaceTime.

Portanto, o iPad 2 conta com vários benefícios para quem procura um tablet leve, bonito, compacto e fabricado com as principais tecnologias do mercado.  

Por Babi


Após anunciar seu primeiro tablet a Nokia irá lançar mais uma versão Lumia, o produto de 8 polegadas está em desenvolvimento e aguardando lançamento.

As informações foram primeiramente divulgadas pelo site The Verge e pelo perfil @evleaks do Twitter. Ambas as fontes afirmam que alguns detalhes sobre o novo produto da empresa finlandesa foram confirmados por pessoas com acesso ao planejamento da companhia. Segundo tais fontes o codinome do gadget seria “Illusionist” (“Ilusionista” em português).

O novo tablet Lumia virá equipado com Windows RT 8.1, terá processador Qualcomm e tela de 8 polegadas. Segundo o site The Verge o aparelho terá um design semelhante ao Lumia 2520, que teve seu lançamento em outubro deste ano. Além disso, também antecipa que há probabilidade de tal produto possuir um preço mais acessível.

A fabricante de smartphones ainda não se pronunciou em relação ao lançamento do Illusionist, porém há expectativa para que ocorra em meados de novembro deste ano, quando mostrará seu novo produto, além de outros lançamentos. Entretanto o acordo entre a fabricante e a Microsoft seria oficialmente fechado nessa mesma época e, apesar de ambas as companhias serem obrigadas por lei a continuar com os planos de vendas, a futura dona da linha pode resolver cancelar o produto para que não ocorra interferência nas vendas de um possível aparelho Surface.

A Microsoft aguarda para fechar acordo com a Nokia para que possam adquirir seu negócio de hardware no início de 2014. O fechamento do acordo está em aguardo devido à pendência de aprovação regulamentar, até que a situação se estabilize ambas as empresas estão incapazes de cooperar entre si. A divisão mobile da Nokia foi comprada pela Microsoft, mas isso não impede a empresa prossiga com o lançamento de uma série de produtos da linha. Ainda haverá diversos dispositivos em processo de desenvolvimento e que serão anunciados nos próximos meses.

Mais informações sobre o novo tablet Lumia da Nokia poderão ser divulgadas dentro de algumas semanas, após a esperada aquisição da Microsoft. 

Por Miriã Marconi

Nokia Lumia 2520

Nokia Lumia 2520

Foto: Divulgação


Assim como qualquer aparelho, é preciso ter um cuidado especial com os seus aparelhos eletrônicos, por diversas razões – seja por causa do valor que você paga por eles ou pela sua durabilidade.

As dicas dadas pelos fabricantes são úteis, caso queira maior durabilidade do produto. Num mundo consumista, é melhor prestar atenção ao que consumimos, pois é melhor cuidar do produto do que ficar trocando a cada lançamento.

A seguir, listamos as dicas que julgamos mais importantes para a boa manutenção do seu tablet (vale também para outros aparelhos):

1) Cuide da bateria do seu tablet. Nunca deixe que o seu aparelho fique com a “bateria arriada”: isso diminui a vida útil dela. Recarregue por volta dos 30%; ao recarregá-la completamente, retire o plug da tomada (evitará gasto de energia desnecessária);

2) Evite utilizar seu aparelho em lugares muito úmidos ou secos. Piscinas, banheiro, praias, exposição ao sol e ao calor, contato prolongado com o colo estão proibidos (isso inclui não usar mãos molhadas e sujas ao manusear o aparelho);

3) Mantenha-o sempre limpo. Não use detergente líquido nem produtos abrasivos (como o álcool). Uma flanela úmida com água já é o suficiente para a limpeza eficaz. Outro tipo de limpeza é o digital – deixe a sua memória mais leve, salvando poucos arquivos e programas no sistema do tablet;

4) Cuide das capas dos tablets. Use capas que não estraguem o produto. Algumas capas podem apertar ou não proteger adequadamente o tablet. Utilize também uma película protetora, evitando arranhões. Além disso, evite deixar a tela voltada para baixo em qualquer superfície;

5) Cuide da tela;

6) Atualize e proteja o sistema do seu tablet. Instale um antivírus para proteger teu aparelho de possíveis ameaças. As atualizações disponíveis para o seu sistema também cuidarão desta proteção.

Tomando esses devidos cuidados, você estará fazendo com que o seu aparelho dure mais, e também o seu bolso e a natureza agradecerão, pois não precisará comprar um novo aparelho por não ter cuidado do seu tablet. Também, caso queira desfazer-se dele – ou quando for comprar um novo aparelho – venderá com mais rapidez, tendo em vista que cuidou do gadget. 

Por Cristiane Gusmão

Tablet

Foto: Divulgação


Os tablets revolucionaram o jeito com que as pessoas se conectam umas com as outras, se tornando tão populares quanto os desktops. Já são diversos modelos no mercado direcionados para públicos diferentes, como estudantes, professores, gamers, entre outros. Um modelo que chama muito a atenção é o Razer Edge Pro Gaming, um tablet focado nos jogos e que possui um processador gráfico similar a um PC. Conheça abaixo mais detalhes sobre o modelo lançado na BGS 2013.

O aparelho surpreende começando pelo processador, um Intel Core i7 Dual Core, que se completa com a memória de 8GB e o chip gráfico Nvidia GT 640M LE (2GB DDR3). Você pode não entender bem algumas nomenclaturas, mas saiba que é um aparelho potente, capaz de rodar alguns dos jogos mais exigentes, sem engasgos e com ótimo desempenho gráfico. O tablet não decepciona mesmo nos jogos com gráficos mais complexos, contudo, nem sempre é possível colocar a qualidade máxima de alguns jogos que exigem mais do processador.

O tablet de 10 polegadas possui resolução de 1366 x 768 pixels, conta com auto-falante stereo com Dolby Home Theater v4, possui suporte para os principais codecs atuais, tem câmera, possui microfones, conta com capacidade de armazenamento inicial de 128 GB (podendo ser expandida usando cartão microSD) e possui portas USB 3.0, mais rápidas que muitos modelos disponíveis no mercado. São configurações consideráveis, mas o que realmente chama a atenção são os acessórios (vendidos separadamente) do tablet. Começa pelo controle que pode ser acoplado ao aparelho, que por ser um pouco maior e mais pesado que alguns modelos, pode exigir um pouco mais do usuário. Nesse caso, os controles podem ser de grande ajuda.

O sistema operacional utilizado é o Windows 8, o que permite o uso de qualquer controle que o Windows possa identificar através da porta USB ou por Bluetooth. Por falar em conexão, o Razer Edge tem conexão Wi-Fi, mas nada foi informado quanto a conexão 4G ou 3G. Ainda não há previsão de seu lançamento no Brasil. 

Por Robson Quirino de Moraes


Uma das opções para quem deseja um Tablet bom e barato, o modelo GT 7220S2 da marca Genesis pode ser uma boa opção. Apesar dos rumores referente a problemas apresentados, os Tablets da Genesis possui uma boa fama quanto a sua performance e também possui assistência técnica aqui no Brasil.

As informações a seguir foram baseadas em relatos de pessoas que são proprietárias deste modelo Made In Korea. Ele é ideal para pessoas básicas e que são pouco exigentes, porém seu desempenho pode ser compatível com outras marcas famosas e já é um dos mais adquiridos na categoria baixo custo.

Este modelo em específico ainda não vem com o Android KitKAt mas possui  a versão anterior o Andoid ICS (Ice Cream Sandwich 4.0).  Sua tela possui resolução de 1024 X 600 Pixels com câmera traseira de 1.3 Megapixels e  frontal com resolução de apenas 0.3 mas que captura perfeitamente com uma boa luz..

As fotos também podem ser tiradas de forma sequencial ou seja, a cada segundo é possível dar um clique e fazer fotos bem parecidas como se estivesse registrando a imagem em movimento. O Tablet Genesis GT 7220S2 possui suporte 3G  e também conectividade WiFi (Direct e 802.11 a/b/g/n).

Foto: Divulgação

As entradas para dispositivos USB são completas e incluim microHDMI e MicroUSB.  Apesar dos rumores sobre possíveis defeitos, este é um tablet bem interessante e a maioria dos seus prprietários informaram que ele não deixa a desejar.  O design é aparentemente simples e ao mesmo tempo robusto, já que não é tão fino se comparado aos demais variados modelos que o mercado apresenta. 

O processador é Cortex A5 1.2ghZ e bateria 4.000 miliAmperes que fornece aproximadamente uma energia de 44.4 watts hora. Sua memória externa estende se por até 32 GB. Sobre a garantia vale lembrar que trata-se de um produto chinês e a loja não se responsabiliza por qualquer defeito ou dano causado no aparelho.

Maiores informações sobre possíveis problemas apresentados podem ser solucionados aqui.

Por Luciana Ávila


Mais rumores giram em torno da Motorola, principalmente depois que a empresa americana foi adquirida pelo gigante Google e do lançamento do Moto X, smartphone top de linha da companhia.

Os boatos agora são sobre um novo phablet que a empresa estaria desenvolvendo em segredo. O dispositivo de alto desempenho está quase pronto e irá disputar com o Galaxy Note 3 e os demais concorrentes diretos.

Se as informações que se tem até agora são verdadeiras ou não, só o tempo poderá dizer, contudo não será surpresa se a Motorola lançasse um phablet ou outro modelo de tablet, afinal todas as grandes marcas possuem seus próprios dispositivos, cada um com características voltadas para diferentes públicos. Um exemplo é o Xperia Z Ultra, da Sony, inspirado no modelo ZQ da marca.

Motorola

Foto: Divulgação

Os rumores afirmam que o Moto Play (área que desenvolve novos produtos da marca) estaria criando um modelo que pode chegar ao mercado em 2014. Outro rumor diz respeito ao Droid Quantum, que será o sucessor do Droid Ultra, contudo não há mais detalhes sobre a atualização.

Vale ressaltar que em 2014 será organizada a feira CES 2014 e muitos outros rumores irão surgir até lá. Como a Motorola sempre apresenta algo novo no evento é de se esperar alguma novidade ou mais rumores sobre lançamentos da empresa e de suas concorrentes.

Por Robson Quirino de Moraes


A inovação é fundamental quando se trata de tecnologia. As maiores empresas do setor inovam a cada geração de seus dispositivos, atraindo assim mais clientes e ampliando as escolhas do consumidor. Dentre as maiores novidades da geração atual, os híbridos entre tablets e notebooks se tornaram a sensação do momento, exatamente por mesclarem a funcionalidade e portabilidade dos tablets com a alta capacidade dos notebooks.

No segmento, o novo Dell XPS merece um destaque mais que especial, já que a empresa inovou mais uma vez no design de seus produtos. O principal diferencial do XPS é a capacidade de girar 180 graus em torno de sua própria moldura. Dessa forma, o aparelho pode usar o próprio teclado como apoio e ser utilizado como um tablet inclinado. Caso o usuário necessite de um teclado físico, basta girar novamente para que ele retorne ao formato de um notebook padrão.

Dell XPS

Foto: Divulgação

Entretanto, as novidades do XPS não estão apenas no design. O aparelho possui uma ótima capacidade de processamento, com um Intel Core i5-4200U, armazenamento no formato SSD e 4GB de RAM, além de uma tela de 12 polegadas de 1080p.

O preço também é outro atrativo do modelo. O XPS 12 possui o valor atual de US$ 1.200, cerca de R$ 2.600 sem considerar eventuais impostos. Um preço bem justo a pagar por um híbrido charmoso e diferente dos outros modelos atuais disponíveis. Além disso, a qualidade da Dell o torna ainda mais competitivo no mercado de híbridos atual.

Por Ebenézer Carvalho


Os usuários que pretendem ter um smartphone que além de ter uma boa funcionalidade possui um design diferente e arrojado podem investir neste aparelho da Sony, que possui um design que lembra uma revista.

O Sony Tablet S foi projetado principalmente para quem deseja divertir muito, pois possui dois núcleos do seu NVIDIA Tegra 3 de 1 GHz, o que faz com que este aparelho tenha uma vantagem que muitos tablets não possuem que é uma loja de jogos inclusa no sistema, que vende os jogos clássicos do Playstation

Um detalhe muito interessante na resolução dos problemas é o fator que o contraste das imagens é muito bom e com uma tela de 9.7, além de duas câmeras, que a frontal possui resolução de 8 MP e a traseira possui uma resolução de 1 MP.

Outra facilidade deste tablet é o fato de possuir diversos tipos de entradas, como entrada via micro USB e a tecnologia Bluetooth 3.0, o que são tecnologia fundamentais para quem é fã de jogos.

Além de todas estas vantagens, este aparelho resiste até aos pingos de água, o que faz com que este aparelho seja um dos mais procurados entre os usuários, mesmo com um preço médio de mercado de R$ 1.650,00.

Por Jaime Pargan

Sony Tablet S

 


A Motorola é uma das empresas mais conceituadas no ramo de tecnologia e um dos diferenciais do  Tablet Motorola Xoom 2 é o seu acabamento, que é feito com material emborrachado, o que facilita o manuseio do usuário.

Outro detalhe interessante é a entrada microSD, que faz com que a capacidade de armazenamento do aparelho seja estendida e para quem gosta de uma boa programação de TV, o  Motorola Xoom 2 possui conexão com a TV.

Outro detalhe interessante é o fato de possuir diversos tipos de aplicativos que fazem com que este aparelho fique mais produtivo, como barômetro e controle remoto, que são funcionalidades que não são encontradas em outros aparelhos.

Outra vantagem é a possibilidade de reprodução de vídeoscom o programa Gorila Glass, através de uma câmera traseira com direito a flash, com uma das maiores telas destes tipos de aparelho, que é de 10.1 polegadas, possui uma ótima resolução de tela.

Com tantos dispositivos, uma das poucas desvantagens é a sua autonomia de bateria, que é de sete horas, se levarmos em consideração que há tablets com autonomia de 10 horas e que o  Motorola Xoom 2 demora um pouco mais para ser carregado e o seu preço médio de mercado é de mil reais.

Por Jaime Pargan

Motorola Tablet  Xoom 2


A Amazon está empenhada em trazer novos tablets para competir com os produtos do mercado. A novidade é a renovação da sua linha com modelos de 7 e 8.9 polegadas. Serão os da Kindle Fire HDX. Mas, ainda não se sabe se as novidades serão vendidas no Brasil.

Eles virão mais rápidos e leves que a geração anterior. O de 8.9 polegadas, por exemplo, é o mais leve da categoria, pesa 371 gramas. De acordo com a empresa, a tela grande chega com uma densidade de pixels que vão além do Full HD. A de 7 polegadas possui 323 ppi e a de 8.9, 339 ppi.

O primeiro tem hardware semelhando ao do de 8.9 polegadas, com processador quad-core Snapdragon 800 da Qualcomm. A resolução da tela de 1.920 x 1.200 pixels e não possui câmera traseira, apenas uma câmera frontal. O valor? US$ 230, ou US$ 330 com a versão com 4G LTE.  

O segundo tem uma resolução de 2560 x 1600 pixels, 2 GB de memória RAM, câmera traseira de 8 megapixels com flash LED e bateria com autonomia de 11 horas. Ele custará US$ 380, ou US$ 480 com 4G LTE.A Amazon está empenhada em trazer novos tablets para competir com os produtos do mercado. A novidade é a renovação da sua linha com modelos de 7 e 8.9 polegadas. Serão os da Kindle Fire HDX.

Mas, ainda não se sabe se as novidades serão vendidas no Brasil.

Por Jaime Pargan


A Positivo, fabricante brasileira de eletrônicos, apresentou a nova linha de tablets da marca. Os modelos chegam às lojas até o fim do ano e um modelo que se destaca é o tablet Positivo Mini, com tela de 7,85”. O modelo possui características ideais para quem deseja o primeiro tablet e não quer gastar horrores com um equipamento de bom desempenho.

A resolução do tablet é igual ao do iPad Mini da Primeira Geração (1024 x 768). Ele possui um processador quad-core ARM Cortex A9, com um 1 GB de RAM e 8 GB de armazenamento, podendo ser espandido com cartão microSD.

O SO é o Android 4.2 Jelly Bean, que foi instalado sem muita diferença dos demais modelos, com uma customização básica, que pode agradar muitos usuários. O design também é um diferencial do modelo, que possui acabamentos em metal ao invés de plástico, comuns nos modelos da marca.

O modelo apresenta alguns jogos da Gameloft pré-instalados, além de conexão Wi-Fi e Bluetooth. Apesar disso, o aparelho peca em não apresentar suporte 3G e 4G, disponíveis nos concorrentes.

O preço sugerido do tablet é de R$ 699, um valor muito mais em conta que os modelos top de linha, contudo, é um preço justo a ser pago por um aparelho com essas configurações.

Por Robson Quirino de Moraes


O Minha Casa Melhor, programa desenvolvido pelo governo federal com o objetivo de financiar móveis, eletrônicos e eletrodomésticos por meio de baixas taxas de juros para os inscritos no programa Minha Casa, Minha Vida deverá ter acrescentada a sua lista de itens os tablets.

A proposta de incluir esse aparelho entre os itens que podem ser adquiridos por meio do programa foi apresentada a presidente Dilma Rousseff no último dia 17, pela  Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee).

Durante a realização da reunião com a presidente, Humberto Barbato, presidente da referida instituição ressaltou que os laptops já estão inclusos no programa, uma vez que se tornaram fundamentais para a inclusão digital no Brasil, mas também afirmou que assim como os laptops, os tablets também terão um papel essencial em um futuro próximo. Ainda de acordo com Barbato, a presidente não se mostrou contra a ideia o que em outras palavras quer dizer que o plano poderá ser levado adiante.

Através do Programa Minha Casa Melhor o inscrito beneficiário pode conseguir crédito para adquirir até dez itens de diferentes espécies para sua casa. As limitações feitas são referentes ao uso e ao valor da cada produto. O financiamento máximo proposto pelo programa é de R$5 mil com juros de 5%.

No caso dos laptops as compras são restritas ao valor máximo de R$1.150,00 e que tenham acesso à internet. A previsão é de que para os tablets o valor máximo seja de R$799,00.

Por Denisson Soares


Informações indicam que a Nokia está desenvolvendo um tablet com sistema operacional com Windows RT. O aparelho deverá se chamar Sirius e pode ser apresentado ao público ainda no mês de setembro. A empresa também pode apresentar o primeiro phablet chamado Lumia 1520, também com sistema operacional Windows.

A Nokia desenvolveu um tablet com o Windows RT, apesar de não ter muita receptividade. O Sirius possui um processador quad-core Qualcomm, além de 2GB de Memória RAM. O tablet apresenta uma tela de full HD de 10,1 polegadas, com resolução de 1920 x 1080 pixels. A câmera de 6.7 megapixels pode garantir boas fotos.

Para completar, o aparelho possui armazenamento de 32 GB, Wi-Fi e suporte para rede 4G LTE. A autonomia da bateria é de até 11 horas.

O preço inicial do Sirius será de US$ 499 nos Estados Unidos.

O futuro da Nokia está um pouco indefinido após a compra da divisão de aparelhos móveis pela Microsoft, que ocorreu este ano. Não é sabido se daqui para frente os novos produtos terão as mesmas características de antes da aquisição da empresa de Bill Gates. Os rumores ainda são o ponto alto da aquisição.

Por Robson Quirino de Moraes


O tablet Multilaser M7 é um modelo de entrada que pode ser usado por muitas pessoas. Ele possui características singelas, contudo, da conta do recado. Com uma tela de 7 polegadas, o modelo apresenta resolução de 480 x 800 pixels.

As configurações são dignas de um aparelho de baixo custo: o processador single-core de 1.2 GHz e a memória RAM de 512 MB são um pouco inferiores aos das grandes marcas, contudo, é o suficiente para rodar diversos aplicativos. O sistema operacional é o Android Jelly Bean 4.1, entretanto, não há muitos aplicativos instalados.

A capacidade de armazenamento do aparelho deixa a desejar, já que ele possui apenas 4 GB, dos quais 2 GB estão disponíveis para o usuário. Contudo, é possível aumentar a capacidade de armazenamento para até 32 GB usando um cartão microSD.

Os demais atributos do Multilaser M7 ficam por conta das entradas USB, carregador destacável e entrada para fones de ouvido. O modelo ainda vem com um adaptador micro USB para USB fêmea, para uso de pen drive. É um modelo barato, leve (340 gramas) e pequeno, com cerca de 1 cm de espessura. Ideal para quem não exige muito de um tablet.

Por Robson Quirino de Moraes


Panasonic Toughpad 4K A Panasonic deixou de desenvolver smartphones para seu mercado natal, o Japão, contudo a empresa está inovando nos outros dispositivos que fabrica. Na IFA 2013, feira de tecnologia que acontece em Berlim, na Alemanha, a empresa apresentou o primeiro tablet com resolução Ultra HD, o que representa uma qualidade 4 vezes superior que a Full HD. Trata-se do Toughpad 4K, um tablet de 20 polegadas.

O modelo apresenta um processador Intel Core i5 de 4 ou 8 Gb de memória RAM, placa de vídeo NVIDIA de 2 GB. O que reduz a capacidade da bateria, que dura apenas 2 horas, conforme afirmou a Panasonic.

O Toughpad 4K apresenta configurações surpreendentes, entretanto seu público alvo não são usuários comuns, e sim profissionais de fotografia, design, arquitetos e demais profissionais que precisam de tela grande e interativa para desenvolver seus trabalhos.

O aparelho é bem grande, com um peso de 2,3 quilos, porém sua estrutura permite segurá-lo por longo tempo sem se cansar. Para facilitar a mobilidade, a Panasonic desenvolveu um suporte tal qual um cavalete. Ele também possui uma caneta que dá maior precisão aos toques na inserção de comandos.

O Toughpad 4k chega às lojas a partir de novembro na Europa, Estados Unidos e Japão.

Por Robson Quirino de Moraes


Sony Vaio Tap 11 A Sony, fabricante japonesa de eletrônicos, apresentou algumas novidades na IFA (Feira de tecnologia anual que ocorre em Berlim, na Alemanha). Uma delas é o Sony Vaio Tap 11, um híbrido de notebook e tablet com ótimas configurações. O sistema operacional é o Windows 8, mas essa não é a principal característica do modelo, que apresenta apenas 9,9 mm de espessura.

Com tela de 11 polegadas, a tela apresenta uma resolução Full HD de 1080p de tecnologia Triluminous, também usada em TVs de alta definição da marca. O Tap 11 virá equipado com a nova geração de processadores Intel com tecnologia Haswell, os Core i5 e i7. Eles são mais modernos e apresentam um consumo de bateria muito inferior aos demais processadores.

O modelo terá HD de 128 GB ou 512 GB (expansível com cartão microSD). Ele ainda possui uma câmera de 8 MP, com sensor Exmor – RS, ideal para locais com baixa luminosidade. O Sony Vaio Tap 11 possui a tecnologia NFC, que amplia a conectividade com demais aparelhos, principalmente smartphones com o mesmo recurso.

Os aplicativos Sony completam o híbrido, que ainda não tem data de lançamento para o Brasil, contudo será muito bem recebido pelo público brasileiro.

Por Robson Quirino de Moraes


A Intel realmente anda de olho no que o futuro reserva. A empresa de acordo com as informações do site ITWorld anda trabalhando em uma maneira eficiente de possibilitar que as câmeras integradas aos tablets e laptops tenham maiores funcionalidades em relação a tecnologia 3D. Entre os possíveis feitos da tecnologia estão o monitoramento do hábito de leitura das crianças e reconhecimento de movimentos.

Em um primeiro momento pode até parecer estranho, mas o objetivo é fazer com aconteçam certas melhorias nas webcam que possibilitem que o computador entenda melhor o as hábitos do ser humano. Isso quer dizer, por exemplo, que os jogos terão um nível de interatividade bastante diferente do que conhecemos nos dias atuais e as videoconferências seriam mais “animadas” possibilitando novas formas de contato e interação. Imagine ainda a possibilidade de fazer uso de certos tipos de sensores que permitiriam, por exemplo, que o usuário do aparelho pudesse literalmente pegar os objetivos na dimensão 3D dos jogos.

Como bem sabemos já existem câmeras 3D disponíveis no mercado atual. Mas o que Intel está realmente planejando é uma maior ligação, afinidade, ou seja, lá do que quiserem chamar entre os algoritmos e o hardware. Caso isso funcione em um futuro bem próximo já estaremos dispensando certos periféricos como o teclado e o mouse na hora de usar o computador.

Por Denisson Soares


LG G Pad 8.3Para definir as novas especificações do seu próximo lançamento em tablets, a LG, empresa sul-coreana de eletrônicos, decidiu perguntar aos clientes quais são suas reais necessidades. A empresa até divulgou um vídeo teaser sobre o aparelho, sugerindo um tablet ideal para diferentes públicos.

No vídeo promocional, algumas pessoas respondem o que esperam de um tablet, informam as atividades que fazem com o aparelho e como eles podem ser aperfeiçoados. Algumas pessoas falam que deveria ser maior, outras já preferem tamanhos menores. Com a pesquisa, a empresa busca conhecer as vontades dos clientes.

São poucas as informações sobre o lançamento, contudo é possível saber que modelo terá uma tela de 8,3 polegadas e resolução Full HD. O modelo terá uma espessura bem fina, leve e irá permitir uma conexão rápida e diferentes funções. É esperado que o modelo tenha um processador Snapdragon 600, um dos top de linha da companhia.

O modelo será um concorrente direto de tablets como iPad e Galaxy Tab. O lançamento será apresentado no IFA, um importante evento de tecnologia que ocorre na primeira semana de setembro em Berlim, na Alemanha.

Por Robson Quirino de Moraes


O que parecia utópico, ocorreu, a LG lançou o tablet Homeboy fabricado pela Samsung.

Parece até que é brincadeira, mas é realidade pura, a LG apresentou na Coreia do Sul recentemente o tablet fabricado pela concorrente, isto porque, a LG nesse país não é somente uma empresa que produz eletrônicos, ela atua também como operadora de telefonia móvel. Há uma relação muito boa entre a Samsung e essa subdivisão da LG.

O lançamento da Samsung possui uma tela de 7 polegadas e tem um design muito parecido ao Galaxy Tab 7.0. Se bem o design é mesmo semelhante, ele te como público alvo consumidores com características bem diferentes dos do Galaxy Tab, visto que este novo dispositivo visa chamar a atenção de crianças, leigos em tecnologia e deverá ser usado por toda a família.

Segundo informações cedidas pela operadora, o Homeboy virá com o objetivo de se tornar a extensão do terminal multimídia presente nas casas além de poder atuar como um dispositivo de circuito de TV fechada, desta forma o usuário do tablet poderá acionar as câmeras remotamente através do seu smartphone.

Por Melina Menezes


A maior parte dos consumidores de Tablets deve concordar que a maior preocupação com o produto está na qualidade da tela. Quando se trata de identificar a qualidade dessa característica essencial, há muito o que se avaliar e levar em consideração.

O foco principal está nas altas resoluções e Pixels por polegada, e mesmo que isso seja importante também existem outros pontos a serem levados em consideração. Por exemplo: brilho, níveis de preto, precisão da cor, variedades. Tudo isso influencia a experiência do consumidor com seus jogos, programas, livros e todas as demais interações que são possíveis através de um Tablet.

Como exemplo de bons Tablets em questão de tela, elencamos o Asus Memo Pad HD 7, com 1.28o x 800 pixels de resolução, mas com um esquema excelente de cores na tela. Outro bom exemplo é o Sony Xperia Tablet Z, pois possui design agradavel, é a prova d'água e tem uma tela nítida de resolução 1920 200-pixel.

O Samsung Galaxy Tab 8.0 3, tela de 8 polegadas, cores ricamente saturadas e vibrantes. Nexus 7 (2013), um pequeno tablet, mas com upgrade de 1.920, 200-pixel com densidade alta de resolução. E por último o Apple iPad, considerado o melhor tablet em termos de tela, por seu baixo nível de preto, alto contraste e precisão de cor preciso. O iPad funciona em sua resolução nativa 2048 x1 ,536-pixel. 

Por Fábio G. Santos

 

 

Fonte: http://reviews.cnet.com


Nokia RX-114Após muito pensar parece que Nokia decidiu entrar no ramo de tablets de uma vez. A empresa sempre se mostrou receosa em adentrar o mundo dos tablets, por considerar que é necessário estar precisamente alinhado com o que esse mercado exige das fabricantes.

A empresa, no entanto, não emitiu nota oficial sobre o seu novo tablet, o que acontece é que nos últimos dias imagens e vídeos mostram um suposto tablet da Nokia passando com excelência por diversos testes de Benchmarks. Pelo que podemos constatar nos vídeo, o dispositivo se trata de um tablet denominado RX-114 que possuirá resolução de 1371x711px, contará com processamento de um SnapFragon 800 e uma GPU Adreno 330 (ambos os dispositivos são produzidos pela empresa Qualcomm).

Um fator que causou estranheza é que a resolução adotada por este dispositivo é pouca coisa superior  às resoluções adotadas pelo Microsoft Surface. Vale lembrar que o novo tablet contará com OS Windows.

Outro fator é que de tanto pensar a Nokia decidiu entrar no mercado aliada a Microsoft no lançamento desse tablet. Especialistas afirmam que caso isso ocorra a Nokia deverá concorrer com a própria Microsoft pelo mercado.

Ao que tudo indica o novo tablet deve ser lançado no evento que a Nokia planeja fazer em setembro.

Por Fernando Setoue


Suposto tablet da NokiaNo dia 8 de julho algumas imagens de um suposto tablet da Nokia com Windows 8 RT vazaram na internet. As fotos foram postadas no fórum do site Windows Phone Central e reforçam os boatos de que a companhia estaria desenvolvendo um aparelho deste tipo, mas com o Windows 8.1, previsto para chegar em novembro.

As imagens mostram um tablet com o logo da companhia e as análises feitas nas fotos revelaram que não foram feitas modificações com o Photoshop, ou seja, é possível que elas sejam mesmo do novo produto da Nokia. A imagem também revela a falta de alguns recursos, como a ausência da câmera traseira.

Segundo o responsável pela publicação das fotos, Rubik_H2CO3, o tablet contará com processador Tegra 3 de 1,3 GHz, memória RAM de 2 GB, portas HDMI, USB e entrada para cartão SIM, além de uma tela touchscreen.

Um outro boato indica que a Nokia já conta com um outro tablet com Windows RT que seria lançado no início do ano, mas devido à queda nas vendas do sistema operacional, comparado ao Windows 8, a companhia deixou de lado o lançamento.

Ainda não se sabe quando a novidade será lançada, mas é provável que ela chegue ao mercado ainda este ano.

Por Felipe Santos Bonfim


No último dia 29 de abril, a Samsung anunciou oficialmente o seu novo tablet Galaxy Tab 3.

O gadget possui display de 7 polegadas e veio para competir no mercado contra o Nexus 7 e o iPad Mini.

O Galay Tab 3 possui 1.024 x 600 pixels de resolução, tem memória RAM de 1 GB, possui processador com 1.2 GHz e dois núcleos, vem equipado com câmera de 3 MP na parte de trás e de 1.3 MP na parte da frente, tem capacidade de armazenamento de 8 GB ou 16 GB e utiliza o sistema operacional Android Jelly Bean.

Segundo informações divulgadas pelo Android Central, uma das principais intenções da Samsung com o Galaxy Tab 3 é competir com o Nexus 7, porém, o gadget da sul-coreana deixa a desejar em questão de processamento e resolução, visto que o tablet da Google possui processador Tegra 3 com quatro núcleos e resolução de 1280 x 800 pixels.

O tablet começará a ser vendido no exterior a partir de maio. Entretanto, somente será liberada a versão com Wi-Fi, mas um modelo com 3G chegará ao mercado internacional no mês de junho.

Ainda não há informações sobre a chegada do tablet ao Brasil.

Por Guilherme Marcon


Depois do lançamento do iPad Mini, várias empresas começaram a preparar seus lançamentos de tablets com telas menores. Agora, após diversos rumores a respeito, a Microsoft confirmou que também vai “entrar na onda” e lançar seus próprios tablets “pequenos”.

A confirmação da Microsoft veio por meio de Peter Klein, diretor executivo da companhia, que falou a respeito da intenção da empresa em lançar o seu Surface com telas de 7 ou 8 polegadas, para competir diretamente com o iPad Mini e com o Nexus 7.

Para chegar nesse patamar, a Microsoft primeiramente diminuiu as exigências para que um gadget possa rodar com o Windows 8, principalmente em questão da resolução da tela, que antes era exigido no mínimo 1.366 x 768 pixels e agora passou para 1.024 x 768 pixels, facilitando a utilização do Windows 8 em aparelhos com telas de 7 ou 8 polegadas. Só pelo fato de isso ter acontecido já era provável que a própria Microsoft estava planejando um novo tablet com um display menor.

Além disso, o diretor contou que a dona do Windows vem trabalhando com várias fabricantes na produção dos seus novos tablets, porém, não ficou claro se o gadget pode ser o Surface Mini.

Outra intenção da Microsoft em lançar um tablet com display menor é baixar o valor de venda, pois seus concorrentes conseguem chegar a preços mais baixos, como o Nexus 7, que é vendido por US$ 199.

Por Guilherme Marcon


O consumo de tablets no Brasil está em constante crescimento e é o produto apontado como o mais procurado para o Dia das Mães. Mas como escolher um tablet dentre os tantos modelos existentes no mercado? Existem alguns aspectos que devem ser observados: marca, tamanho, sistema operacional, entre outros.

A Apple possui o famoso modelo iPad com iOS, que tem atraído muitos fãs nos últimos anos. Já a Samsung possui vários modelos como os Galaxy Tab e Galaxy Note, que utilizam o Android.

Enquanto o diferencial da Samsung é seu hardware mais “potente” que o da Apple, o iPad possui um melhor acabamento e um sistema operacional mais confiável. Ainda existem modelos chineses com preços mais acessíveis, mas com um desempenho muito ruim para algumas tarefas. 

Geralmente os dispositivos são fabricados entre sete e dez polegadas. O tamanho depende do tipo de utilização do aparelho. Os menores são mais práticos, servem para carregar mais facilmente de um lugar para o outro. Já os maiores são para aqueles que precisam de uma imagem maior e não carregam tanto o aparelho.

Existem dois tipos de conexões de internet: Wi-Fi e 3G. A primeira é para conectar o aparelho a um roteador wireless e utilizar a internet. Já a conexão 3G permite ao usuário acessar a internet via operadora de celular, ou seja, de qualquer lugar.

A escolha é muito pessoal, depende dos recursos financeiros disponíveis, da marca que mais atrai e do desempenho esperado pelo cliente. Portanto, antes de fazer a sua escolha, leia bastante sobre os modelos e procure a melhor opção.

Por BCC


A empresa americana Dell anunciou um novo ultrabook híbrido chamado XPS Duo 12, ele é considerado hibrido porque pode ser usado também como tablet. Tem a tela rotativa de 12,5 polegadas Full HD que é sensível ao toque, a bateria dura mais de 5 horas, pesa 1,5 kg e possui 35 mm de espessura quando estando fechado.

Normalmente, os aparelhos híbridos são compactos e os materiais são bem mais resistentes, além de ganharem um aspecto bem mais elegante, além disso, o Dell XPS 12 vem com o vidro resistente Gorilla Glass, também é produzido com fibra de carbono e com um alumínio escovado.

O XPS 12 chegará no Brasil com um preço inicial bem salgado de R$ 4.999 na versão i5 de 1,7 GHz com o Windows 8, tem 4 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento SSD.

A Dell também oferece mais duas opções de SSD, RAM e processador mais potente, porém o preço chega a R$ 6.499.

O XPS 12 é um aparelho que facilita a vida das pessoas, pois é um modelo prático, moderno e rápido ao acessar.

Por Mariana Rodrigues


Lenovo lançou o seu hibrido que funciona como ultrabook e tablet, assim fica fácil usar o aparelho da maneira mais conveniente em cada situação. O aparelho ganhou o nome de IdeaPad Yoga 13, já vem com Windows 8 como sistema operacional de fábrica e com processador i5 de 1.7GHz que deixa a navegação rápida.

Tem um acabamento de alta qualidade com a cor prata no lado externo e preto no interno, é um aparelho bonito e possui um design atraente. 

Vem com tela IPS de 13,3 polegadas com a resolução de 1600 x 900 pixels e conta com a praticidade do touch screen para facilitar no manuseio do equipamento quando estiver sendo usado como um tablet. Vem com web cam em HD com 720 p que proporciona fotos de boa qualidade, uma entrada 3.0 e outra 2.0, uma entrada HDMI, um leitor de cartões SD/MMC e uma entrada FireWire, porém, não tem entrada cabeada Ethernet e acaba dificultando a vida de quem não tem conexão Hi-Fi. 

O aparelho torna-se um tablet facilmente, basta apenas girar o teclado em 360 graus de forma que o teclado fique na parte de traz do tablet. Também poderá colocar o tablet no modo stand e display para se tornar uma espécie de porta retrato. 

O Yoga é muito prático e só pesa 1,54 KG, mas o preço é pouco atrativo pois chega a R$ 5.500,00 mesmo tendo uma bateria de curta duração que tem autonomia de no máximo 4 horas.

Por Mariana Rodrigues


Geralmente quando um novo tablet é lançado no mercado, ele só é comentado se é produzido por algum grande fabricante ou se é um “xing ling” muito barato.  

Há algum tempo os tablets Genesis vêm sendo muito comentados no meio da informática atual.  

Os tablets Genesis são produzidos na China e são importados para o Brasil vindos do Paraguai e Estados Unidos.  

O mais novo tablet Genesis é o modelo GT-7240, que promete ter diferencial para a galera que curte jogar em dispositivos portáteis.  

Contando com o Android 4.0 Ice Cream Sandwich, o Genesis GT-7240 tornou-se um tablet mais interativo e com mais efeitos visuais.   Além disso, a possibilidade de expandir a memória interna do Genesis GT-7240 para 32GB com cartão SDHC, é um prato cheio para quem gosta de fazer downloads de músicas e vídeos.

Vale ressaltar que a tela de 7 polegadas do tablet suporta resolução máxima de 1024×600 pixels em alta definição. Sendo assim, os pontos fortes do tablet Genesis GT-7240 são a ótima performance em reprodução de vídeos e visualização de imagens e sua brilhante estabilidade na execução de jogos.

Especificações Técnicas do Genesis GT-7240:

– Sistema Operacional: Android 4.0 Ice Cream Sandwich;

– CPU: Cortex A9 1.2Ghz;

– GPU: Mali 400Mhz;

– Memória RAM: 1GB;

– Memória interna (winchester): 8GB (expansível com cartão micro SDHC para até 32GB);

– Tela: 7 polegadas;

– Resolução: 1024×600;

– HD Acelerador: 3D Open LG

– Full HD: 480p, 720p e 1080p;

– Wi-Fi: 802.11 b/g/n;

– Câmera: frontal de 0.3mp e traseira de 2.0 mp;

– 3G (modem externo);

– Alto falante: Stereo interno;

– Acelerômetro;

– HDMI;

– Bluetooth;

– Bateria: 3.7v – 4000mAh;

– Entradas: 2 USB / Audio P2 (3,5mm) / Micro SDHC;

– Suporte a TV Digital (GTV-100);

– Itens incluídos: 1 carregador, 1 fone de ouvido, 1 aparelho, 1 película, 1 cabo USB e 1 Manual.

Por Edivaldo Reis


A DL trouxe ao mercado mais uma novidade de tablet, é o HD7 Plus fabricado com vários recursos, um deles permite que você acesse remotamente outros computadores e ainda pode abrir arquivos e programas.

Para o acesso remoto funcionar ambos os equipamentos devem estar conectados a internet. Muito útil para quem tem um desktop de mesa e quer acessar determinado arquivo em outro ambiente ou até mesmo dentro de sua empresa.

Outra novidade do HD7 Plus é que você pode escolher 2 opções para o layout do tablete, ele usa a interface do Android utilizado em todos os modelos comuns e um layout desenvolvido especialmente pela DL na qual se baseia em janelas. Para usar estes layouts é necessário ter uma conta no Google.

Ele vem com Android 4.0, 1 GB de memória RAM e 1.5 GHz de processamento. Tem tela de 7 polegadas capacitiva de alta sensibilidade, suporte Wi-Fi e 3G, um outro recurso bacana é que o aparelho tem saída HDMI para conseguir ligar diretamente em sua tv. Também Vem com uma câmera na parte frontal.

O HD 7 Plus esta disponível na cor preta e pink com o preço de R$499,00.

Por Mariana Rodrigues


Recentemente, a Tecnomania, famosa pelas câmeras Tekpix, lançou seu primeiro tablet no mercado nacional.

O aparelho, batizado de Tekpix i-WF7A-4.0, possui plataforma Android da Google e configurações bem simples, mas com preço bem alto, R$ 2.999 para a versão mais modesta e R$ 3.499 para a versão com TV digital. O valor é quase o dobro do valor do iPad 4, que comprado na loja oficial sai por R$ 1.749, a versão mais simples.

O tablet possui tela de 7 polegadas, Android 4.0 e câmera 0,3 megapixel. Não há como justificar o valor cobrado pela fabricante, tendo em vista que o único diferencial que o produto apresenta é o acesso à TV digital.

Segundo a companhia, os destaques do aparelho são o sensor de gravidade, que é apenas uma forma diferente de chamar o acelerômetro, encontrado em grande partes dos tablets vendidos no mercado, e a entrada para cartão microSD, recurso que também está presente em vários modelos. Outro ponto que assusta, é o cartão de memória de 2 GB para o dispositivo que é vendido por R$ 300.

No site da Tecnomania, o aparelho que é apresentado como o lançamento mais aguardado do ano e como o tablet que tem tudo o que os usuários necessitam, com certeza deixa a desejar no quesito inovação.

Por Felipe Santos Bonfim


Com o avanço da tecnologia as empresas estão desenvolvendo equipamentos que possam ser usados de várias formas como o lançamento do Transformer AIO da marca Asus. Ele é um equipamento muito versátil que pode ser usado como um desktop-tablet multitouch com tela de 18.4 polegadas e com uma resolução Full HD de até 1080 pixels, também pode ser usado como tablet de um tamanho maior que o convencional, mas é um equipamento muito prático.

Quando usado na mesa ele fica acoplado a um dock e ganha a semelhança de um monitor de tela LED dispensando assim o uso de mouse, de teclado e te livra da parafernália de fios. O tablet pode ser retirado e colocado no dock de forma prática.

Ele usa processadores i3 ou i7 quando acoplado ao dock que roda o Windows 8 tranquilamente, tem um HD de 1 TB, possui 4 entradas USB 3.0, drive de DVD, um leitor de cartões de memória e saída HDMI.

Quando está em uso como tablet ele roda o Android Jelly Bean e usa o processador Tegra 3. Poderá usar os softwares da Microsoft, porém de modo remoto quando usado como tablet.

Estima-se que o aparelho chegue em abril ao mercado americano custando mais ou menos US$ 1.200, cerca de R$ 2.400, mas ainda não se sabe a data prevista para o lançamento no Brasil.

Por Mariana Rodrigues


Com o crescimento contínuo do mercado de tablets, é bem possível que em breve eles ultrapassem até mesmo os computadores completos.

Isso deve acontecer porque a performance de um tablet tem sido tão satisfatória quanto a de um notebook, por exemplo. Até mesmo podemos ver que estão sendo lançados acessórios que complementam os tablets e os deixam próximos aos notebooks, como podemos ver com o Surface, da Microsoft.

Além disso, em questão de números de vendas, os tablets têm se aproximado dos computadores, sendo que a venda dos gadgets gira em torno de 60 milhões de unidades, enquanto que o número de vendas de computadores é de 80 milhões de aparelhos vendidos.

Há algumas informações circulando na internet de que em alguns meses os tablets superarão o número de vendas bimestrais dos computadores, o que com certeza causará grande mudança no mercado tecnológico, fazendo com que computadores e notebooks precisem se adequar e se reciclar, devido a essa mudança.

Para os consumidores há uma grande divisão, pois alguns preferem aparelhos portáteis e menores, como smartphones e tablets, já outros preferem os computadores, mais robustos e potentes.

Resta ver a movimentação do mercado e os lançamentos que serão feitos em breve para confirmar se as informações são reais ou não.

Por Guilherme Marcon


Desde que foi lançado o Nexus 7 vem existido grande procura pelo gadget  no mercado mundial e, por isso, parece que a Asus tem intenção de lançar um novo produto que seja semelhante a ele.

As informações surgiram do site Tablet.bg, que apontou a intenção da Asus em lançar um novo tablet com preço reduzido e com o Intel Atom Z2420 como processador – que foi apresentado durante a CES que aconteceu neste ano e terá 1 ou 2 GHz.

O processador será o principal diferencial entre o novo tablet e o Nexus 7, que vem com um processador da NVIDIA no modelo Tegra 3, e isso deve fazer a grande diferença de preço entre os dois gadgets.

O novo tablet da Asus vem sendo chamado pelo código de ME371MG e provavelmente terá display de 7 polegadas, memória RAM de 1 GB, sistema operacional Android Jelly Bean 4.1, resolução de 1280 x 800 pixels e capacidade de armazenamento interno em três modelos (que podem ser expandidos via microSD): 32 GB, 16 GB e 8 GB.

Além disso, o ME371MG também terá, possivelmente, uma câmera na parte de trás com 3 MP e uma na parte da frente com 1.2 MP. Apesar de todas essas informações terem sido divulgadas, não há nenhuma confirmação e, portanto, não se sabe quando o aparelho será lançado – caso seja confirmada a sua existência.

Por Guilherme Marcon


Um novo produto foi recém-anunciado pela Sony para ser disponibilizado no mercado japonês na próxima primavera (entre março e junho). Trata-se do Xperia Tablet Z, que veio para incrementar mais o nicho de tablets no mercado.

O Xperia Tablet Z é bastante fino, tendo apenas 6.9 mm de espessura, até mesmo mais fino que o iPad 4, que tem 9.4 mm. Além disso, ele conta com processador quad-core com 1.5 GHz, display com 10.1 polegadas, 1920 x 1200 pixels de resolução, tecnologia à prova d’água e resistência a pó. Ainda, outras características que o tablet da Sony supera o iPad 4 é no peso e na câmera, pois este pesa  650 gramas e tem câmera de 5 MP enquanto o Xperia pesa apenas 495 gramas e possui uma câmera de 8.1 MP. Outras características do tablet são o sistema operacional Android Jelly Bean (4.1), 2 GB de memória RAM e capacidade de armazenamento interno de 32 GB.

De fato, a Sony resolveu lançar um novo gadget bastante competitivo, principalmente em questão da concorrência com o iPad, que domina o mercado. E também, esse lançamento evidencia a posição da Sony de investir mais no mercado de aparelhos móveis, para se reerguer da dificuldade que vinha passando – tanto que teve que vender sua sede em Nova York.

Não há informações sobre o lançamento do novo Xperia Tablet Z no mercado brasileiro e em outros países.

Por Guilherme Marcon


Um novo aparelho, que até então não havia aparecido em rumor algum, surgiu nos registros da FCC (Federal Communications Commission), nos Estados Unidos. O aparelho trata-se de um tablet misterioso, mas especulações apontam ser o Transformer AiO.

Conforme as características que foram publicadas pela FCC, o aparelho misterioso possui display de 18 polegadas, que é exatamente o mesmo que o Transformer AiO exibido durante a Computex do ano passado.

O nome do aparelho “Asus tablet” é P1801-T e no caso de ele realmente ser o AiO, é provável que ele tenha também resolução de 1920 x 1080 pixels (Full HD), GPU Tegra 3 e processador no modelo Cortex A9. Isso, com base em alguns dados que surgiram em um benchmark do site GLBenchmark.

Se o tablet misterioso realmente for o Transformer AiO, não será nenhuma novidade se o dispositivo vier, na sua versão final, equipado de duas plataformas: um misto de Android e Windows RT. Entretanto, a Asus não se pronunciou e não há nenhuma informação sobre data de lançamento, qual país será o primeiro a receber o novo gadget e tampouco os valores de venda.

Por Guilherme Marcon


Na onda de aparelhos com resoluções muito altas, como o iPad e o Nexus 10, a Archos resolveu anunciar seu mais novo tablet, cuja característica principal é a super alta resolução de tela.

O novo aparelho se chama 97 Titanium HD e conta com display de 2048 x 1538 pixels de resolução em 9.7 polegadas de tamanho. Essa quantidade de pixels disponibilizada se assemelha muito à tecnologia da Apple chamada Retina Display, presente no iPad e no iPhone.

Em questão de características técnicas, o 97 Titanium HD possui processador A9 com dois núcleos e 1.6 GHz, memória RAM de 1 GB, sistema operacional Android 4.1 (Jelly Bean), capacidade de armazenamento interno de 8 GB com possibilidade de expansão para até 64 GB via microSD, câmera na parte de trás com 5 MP e na parte da frente com 2 MP, além de GPU de quatro núcleos no modelo Mali 400 MP4. De acordo com a Archos, o novo gadget tem peso de apenas 635 gramas, que é um pouco menos pesado que o recente iPad lançado.

Mesmo com a divulgação de todas as informações sobre o aparelho e da imagem oficial, a Archos ainda não comunicou nada sobre as datas de lançamento no mercado mundial, nem qual será o primeiro país a receber o dispositivo. Porém, a expectativa é que o lançamento comece pela Europa.

Por Guilherme Marcon


Em dezembro do ano passado, apareceram diversos boatos sobre o lançamento de um novo gadget da família Galaxy Note, por parte da Samsung.

Para intensificar as informações, surgiram alguns benchmarks que indicam a existência de um novo tablet com display de 7 polegadas com hardware semelhante ao do Galaxy Note 2: um processador Exynos 4412 com quatro núcleos.

O codinome do “aparelho misterioso” é GT-N5100 e não há muitas informações disponíveis sobre ele. Mesmo assim, alguns dados apontam que ele não terá tela Full HD (1080p) e será disponibilizado com resolução de 1280 x 800 pixels, além de uma caneta S Pen e memória RAM de 2 GB.

Esses indícios mostram que a Samsung tem intenção de lançar novos produtos para ampliar mais a sua participação de mercado no setor de tablets, visto que ainda está atrás da Apple.

O GT-N5100, obviamente, ainda não foi anunciado oficialmente e, com isso, não tem data oficial para ser revelado ao público e como a Samsung não costuma fazer grandes lançamentos durante a CES 2013, a expectativa é que o aparelho, caso confirmado, não seja anunciado no primeiro trimestre desse ano.

Por Guilherme Marcon


O tablet Nexus 10 logo que foi lançado se esgotou na Google Play e desde então não havia voltado a loja para revenda. Agora, o aparelho está voltando a ser comercializado e já pode ser encontrado em algumas lojas onlines e físicas dos Estados Unidos.

De acordo com o Electronista, o tablet ficou disponível por pouquíssimo tempo na versão digital da Staples, mas ainda pode ser encontrado no Walmart. O aparelho foi construído pela Samsung e tem como principal objetivo ser o rival do iPad, contando com uma tela de 10 polegadas e uma resolução incrível de 2560 x 1600 pixels capaz de reproduzir 300 pixels por polegada, superando a tela de Retina do tablet da Apple, com apenas 264 pixels por polegada.

Os consumidores que optarem por comprar o aparelho no Walmart, a loja oferece a opção do consumidor recebê-lo direto em sua residencia ou até retirá-lo em uma loja mais próxima de sua residência (está opção vale a penas para os consumidores americanos). O modelo mais fácil de se encontrado é a versão com 32 GB de armazenamento, que no território norte-americano é vendido por 499 dólares.

Por Felipe Santos Bonfim


Os consumidores que estavam aguardando o lançamento de tablets com chip Intel e Windows 8, fiquem sabendo que não se decepcionarão.

De acordo com o site Anantech, os aparelhos deste tipo possuem um desempenho melhor do que o do próprio Surface da Microsoft. Esta conclusão surgiu depois de uma análise feita em um tablet produzido pela Acer com Windows 8, equipado com chip Intel, que se revelou bem mais rápido na realização de tarefas mais comuns.

O único momento em que o aparelho se mostrou um pouco inferior foi na hora de abrir aplicativos, que precisam de um pouco mais de desempenho gráfico do hardware.  O site Anantech afirmou que a arquitetura Atom é mais agil do que qualquer processador com núcleo ARM, que se encontra atualmente no mercado, com exceção apenas do Cortex A15.

Ainda de acordo com o site, a tecnologia Clover Trail se revelou bem mais superior a qualquer uma empregada nos aparelhos com Windows RT, incluindo o próprio Surface. 

Por Felipe Santos Bonfim


O inicio deste ano promete ser marcado por grandes apresentações e lançamentos para o setor tecnológico. De acordo com a Ars Technica, a ASUS será uma das empresas que apresentará produtos novos em 2013.  A empresa irá anunciar dois novos tablets com sistema operacional Android, na CES 2013, ambos com tela de 7 polegadas, o que deve dar mais destaque aos aparelhos em detrimento dos tablets com tela de 10 polegadas.

Ainda não foram reveladas grandes informações sobre os modelos. Mas, recentemente, algumas fotos de mock-ups e até uma suposta lista com as especificações técnicas dos novos tablets da ASUS cairam na rede.

Um deles teria sido batizado de ME371MG, contaria com um processador Intel Atom Z2420 de 1,2 GHz, memória RAM de 1 GB, armazenamento interno de 16 GB e uma câmera com 3,1 megapixels. O outro modelo, chamado de ME172V, traz um processador WM8950 SoC de 1 GHz, tela de 7  polegadas com resolução de 1024 x 600 pixels e placa gráfica Mali-400.

As configurações de hardware dos dois modelos deixam claro que eles estão abaixo do nexus 7. Acredita-se que os tablets chegarão ao mercado norte-americano com preço médio em torno de 226 dólares, aproximadamente 470 reais.

Por Felipe Santos Bonfim


Na última sexta-feira o mercado brasileiro recebeu o iPad 4, que chegou ao país junto com o iPhone 5. O tablet já está disponível em várias lojas virtuais e físicas, com preços de em média 1.749 reais para o modelo só com o Wi-fi e 2,5 mil reais para o modelo de 64 GB com Wi-Fi e 3G.

O iPad 4 é bem parecido com o novo iPad, lançado no começo do ano, apresentando apenas algumas melhorias em suas especificações técnicas. O tablet possuí processador A6X, que oferece processamento duas vezes mais rápido do que o A5X. Além disso, a nova versão do  iPad traz o conector Lightning, bem menor que o antigo padrão da Apple.

O modelo chega em seis diferentes versões, cada uma com um preço diferente. O iPad apenas com Wi-Fi e 16 GB custará 1.749 reais, a versão com 32 GB será vendida por 2 mil reais e a com 64 GB sairá por 2.249 reais, já os modelos que possuem Wi-Fi e 3G serão vendidos por preços de 2.100 a 2.500 reais.

O valor praticado nesta nova versão do tablet da Apple é bem parecida com a do modelo anterior na época de seu lançamento.  Sendo assim, é provável que a versão mais antiga seja substituída pelo lançamento ou até mesmo descontinuada.

O iPad 4 conta com tela Retina de 9,7 polegadas, processador dual-core de 1,4 GHz, memória RAM de 1 GB e câmera de 5 megapixels.

Por Felipe Santos Bonfim


O mundo dos negócios pode ficar mais feliz, pois a grande, famosa e competente empresa Dell, está lançando um tablet totalmente voltado para este público. A novidade se chama Latitude 10.

O novo tablet da Dell promete revolucionar o mundo dos negociantes organizando e facilitando muito o seu trabalho com uma leva enorme de programas e a rapidez do Windows 8 na sua forma mais completa e versátil, coisa que poucos tablets do mercado conseguem fazer.  

O Latitude 10 foi totalmente projetado para esse mundo agitado dos negócios, focado principalmente para aquelas pessoas que estão sempre na correria e fora do escritório. Pensando nisso, o modelo vem com bateria removível, e você pode comprar quantas quiser e deixar todas carregadas, assim nunca ficará na mão quando realmente precisar do seu tablet.

A Dell também equipou previamente o seu aparelho com varias ferramentas e programas essências para manter seu negócio sempre organizado. Além disso, a Dell não poupou esforços e colocou uma grande tela de Gorilla Glass com touch extremamente sensível e preciso de 10,1 polegadas para você não perder absolutamente nada dos seus negócios. O Latitude 10 ainda conta com um processador Atom 1,8GHz, memória de armazenamento expansível de até 128GB, memória RAM de 2GB, câmera frontal 720p, câmera traseira com 8 megapixels, 3G, USB e USB 2.0.  

Fora tudo isso você ainda pode personalizar totalmente seu Latitude 10, podendo incluir leito biométrico, smart cards e caneta stylus especiais entre outras novidades, de acordo com a necessidade de cada cliente.

Por Bruno Mathiuzzo


O ritmo acelerado das vendagens do tablet no mercado nacional tem chamado a atenção de empresas no exterior e companhias nacionais que querem fabricar o produto. Segundo informações divulgadas pela GfK Consultoria, entre o mês de janeiro e agosto do ano de 2012, as vendas deste tipo de equipamento cresceram 267% quando comparadas com o mesmo período de 2011.

Isso ocorre devido ao aumento na demanda de usuários que, cada dia mais, estão interessados na portabilidade que a prancheta eletrônica possibilita, além das opções de modelos com valores abaixo do iPad, produto da Apple e líder de mercado.

Atualmente, uma versão básica de um tablet da Apple sai por 1.299 reais. Porém, o mercado brasileiro tem várias opções como o Samsung Galaxy Tab 2, de 8 gigabytes, com preço de R$ 699.

Há também o Ypy, da marca Positivo. De acordo com a GfK, em pesquisa feita no mês de agosto, o preço médio do produto no País é de 968 reais. No ano passado, no mês de dezembro, este valor estava em mais de dois mil reais. Com mais opções para o mercado, a venda do tablet tende a aumentar e, além disso, faz com que os usuários com poder aquisitivo mais baixo também possam portar a prancheta eletrônica.

Por Marcelo Araújo


Recentemente surgiram boatos de que o Google estaria planejando um novo lançamento de um tablet no final deste ano, visando as compras de natal. O aparelho seria uma versão simplificada do Nexus 7 e custaria apenas US$ 99.

De acordo com o site Digitimes, diversas empresas asiáticas estão se envolvendo na produção do novo tablet, em uma preparação para um grande volume de encomendas. Entretanto, a versão de baixo custo do tablet com Android puro do Google teria que ser reformulada, de modo que teria hardware muito mais simples, sendo produzido com processador de um núcleo da WonderMedia, ao invés da Nvidia. Além disso, a tela também seria produzida por outra empresa, neste caso a HannStar Display.

Se este rumor for confirmado, a Asus acabaria ficando de lado na produção da nova versão do tablet. Entretanto, o Google não se pronunciou sobre o assunto e, quando procuradas, a Quanta Computer (que ficaria no lugar da Asus) e a Asus preferiram não se pronunciar também.

Sendo assim, as informações podem não passar de meros boatos para aquecer um pouco o mercado tecnológico. Porém, há algum tempo, antes do lançamento do Nexus 7, informações de um tablet do Google que custaria US$ 99 foram divulgadas na internet.

Por Guilherme Marcon


Há vários concorrentes do iPad no mercado, mas sem nenhuma dúvida o Nexus 7 da Google é o que mais conseguiu se destacar dentre eles. Para confirmar essa informação, David Change (CFO da Asus) deu sua declaração ao “The Wall Street Journal” e falou que por mês são vendidos aproximadamente 1 milhão de aparelhos no mundo todo.

O CFO disse que no início eram vendidos cerca de 500 mil aparelhos Nexus 7, depois passou para 600 mil, depois 700 mil e no mês passado o tablet atingiu a marca de quase 1 milhão de aparelhos vendidos. Ainda que o tablet esteja longe de conseguir chegar aos números do iPad, a informação revela claramente que diversos consumidores estão dispostos a gastar seu dinheiro em outros aparelhos e não só nos da Apple como acontecia antigamente.

O Nexus 7 vem fazendo tanto sucesso que na última terça-feira (dia 30 de outubro) a fabricante revelou que pretende aumentar consideravelmente o número de unidades do tablet que ela envia aos fornecedores e isso acontecerá já no terceiro trimestre de 2013. Mesmo a Google não revelando o total de unidades vendidas oficial, o mercado espera que a produção do aparelho suba para 200% comparado ao segundo trimestre do ano comercial.

Por Felipe Santos Bonfim


Se você não quer esperar os lançamentos das novas tecnologias em dispositivos móveis chegarem ao Brasil, você pode encontrar modelos de tablets com Android à venda em diversas lojas, tanto convencionais, quanto virtuais. Encontramos algumas opções dos melhores produtos da linha Google:

Galaxy Note 10.1 – Este tablet tem função Multi Screen, vem com Caneta S Pen com nível de sensibilidade bastante preciso, para escrita e desenho com excelente exatidão de 0.5 mm, permitindo um trabalho bem detalhado. Para quem gosta de trabalhar com imagens e fotos, o Galaxy vem com Adobe® Photoshop® Touch que permite buscar imagens no Google, fazer uma combinação de textos e efeitos visuais. O preço custa 1.900 reais.  

Motorola Xoom 2 –  Produto bastante leve e fino, tela de 10,1” com alta definição. Vem com processador dual-core de 1,2 GHz que aumenta a velocidade em 20 por cento. O Motorola Xoom 2 é vendido em duas versões, 3G e Wi-Fi, e custa 1.700 reais.  

Sony Tablet – Vem com memória RAM de 1 GB, é um tablet bastante potente no que se refere à capacidade de armazenamento, suporta até 32 GB. O Sony Tablet foi desenhado  ergonomicamente para se adaptar confortavelmente à mão. O sistema operacional do produto é o Android 4.0.3, o mais recente até o momento. Aqui no Brasil, o Sony Tablet custa 1.400 reais.  

Asus Transformer Pad T300G – Este produto ainda é indefinido no Brasil, no que se refere à preços. Nos Estados Unidos, está à venda por 350 dólares, porém sem o teclado, que pode ser comprado pelo valor de 150 dólares.   

Samsung Galaxy Tab 2 7” –  Este tablet também vem com o sistema operacional Android, o 4.0. A conexão Wi-Fi, Bluetooth e USB permite maior opção e flexibilidade de acesso. O processador de 1 GHZ Dual Core possui maior capacidade de armazenamento inclusive também para músicas, vem com MP3 Player integrado. O Galaxy Tab 2 7’’ custa 900 reais.  

Todos estes produtos podem ser encontrados nas lojas do ramo e também pela internet, nas lojas virtuais.

Por Monique Mota


A Acer acaba de lançar um novo tablet de baixo custo, o Iconia Tab A110. O aparelho conta com tela de 7 polegadas, processador Nvidia quad-core e sistema operacional Android 4.1.

O dispositivo faz parte da linha Iconia Tab e possui display com resolução 1.024×600 pixels, 1 GB de memória RAM, armazenamento interno de 8 GB e entrada para cartão microSD de até 32 GB. Além disso, o tablet ainda conta com uma porta HDMI, uma porta microUSB, conexão Bluetooth e Wi-Fi e câmera de 2 megapixels. A bateria do aparelho possui autonomia de sete horas e meia de duração.

A previsão é de que o Iconia Tab A110 comece a ser vendido no final de outubro no Canadá e nos Estados Unidos, pelo preço sugerido de US$ 229. Apesar do grande esforço da Acer, o tablet ainda não é capaz de superar o Nexus 7 nas configurações de hardware e preço.  Porém, o dispositivo não deixa de ser uma boa opção de compra.

O Iconia Tab A110 chega ao mercado para tentar competir com todos os tablets de baixo custo existentes no mercado atualmente.

Por Felipe Santos Bonfim


No início de outubro, a AOC lançou um novo tablet no mercado. Ele se chama Breeze MW0922 BR e tem tela de 9 polegadas.

O novo dispositivo possui características interessantes, como capacidade de armazenamento de 16 GB, sistema operacional Android Ice Cream Sandwich, processador de 1.2 GHz ARM Cortex A8, memória RAM de 1 GB e a possibilidade de expandir o armazenamento para 32 GB via microSD. O display de 9 polegadas é uma tela LCD capacitiva e possui resolução de 1280 x 800 pixels.

Além disso, o Breeze é compatível com Wi-Fi e Bluetooth, possui porta USB 2.0 e saída HDMI para conexão com monitores ou TVs. A câmera traseira do Breeze possui 5 MP e a frontal tem 2 MP, há microfones e alto-falantes que são integrados, além de o aparelho poder ser utilizado sem problemas em videoconferências. O Wi-Fi possui desempenho avantajado, sendo capaz de transmitir dados em até 300 Mbps.

Conforme a Assessoria de Imprensa da AOC, o novo tablet já pode ser comprado em diversas lojas brasileiras, pelo preço de R$ 949, mas que pode variar dependendo do estabelecimento.

Por Guilherme Marcon


Há pouco tempo a CCE foi a primeira empresa brasileira a anunciar que vai trazer ao Brasil tablets utilizando o sistema operacional Windows RT,  projetados em parceria com a desenvolvedora Qualcomm.

Além disso, também foi anunciado um novo modelo que rodará a plataforma Android, porém não foi especificada qual será a sua versão, se é Jelly Bean ou inferior. As configurações dos dispositivos não foram muito abordadas no pronunciamento da CCE, mas foi divulgado que eles terão telas de 7 polegadas e também de 10 polegadas, além de ter compatibilidade com Wi-Fi e conexão 3G.

A melhor notícia nesse pronunciamento oficial da CCE é que os novos tablets serão totalmente fabricados em território brasileiro, o que deve resultar em produtos mais baratos, pois estarão livres de diversas taxas aplicadas em produtos importados.

Mesmo com essa boa notícia para os brasileiros, o lado ruim é que os novos tablets só chegarão ao nosso mercado no primeiro trimestre de 2013. Os valores dos novos tablets da CCE com Windows RT e com Android, assim como os detalhes das especificações de hardware, não foram divulgados, porém há uma boa expectativa na relação custo x benefício.

Por Guilherme Marcon


Há pouco tempo surgiram rumores sobre o lançamento de um novo tablet da empresa Asus. As informações foram baseadas em uma busca que foi feita no site da FCC (Federal Communications Commission), que é o órgão responsável pela regularização dos produtos de telecomunicação e radiofrequência nos EUA.

O site que divulgou as informações é o Engadget, que trouxe a expectativa de que o novo tablet da taiwanesa Asus virá para integrar a linha de aparelhos com desempenho médio, por ser limitado em alguns aspectos.

O codinome do tablet encontrado é TF500T, que foi registrado no órgão regulador pela própria Asus. Tendo em vista o contrato de confidencialidade, poucas informações foram “descobertas” no sistema da FCC, mas o que foi revelado é que o dispositivo será compatível apenas com a conexão de internet por meio de Wi-Fi, sendo incompatível com 3G, além de possuir entradas para microfone e cabo HDMI.

Outros tablets que surgiram em boatos são o TF300 e o TF700, porém ainda não tiveram suas especificações vazadas na internet.

A Asus não comentou nada sobre os boatos acerca de seus supostos novos dispositivos.

Por Guilherme Marcon


Após o lançamento do tablet da Amazon, o Kindle Fire, muitos rumores de que a empresa lançaria uma versão do dispositivo com tela maior ganharam bastante força em diversos veículos da internet.

Recentemente, o site The Digital Reader divulgou um documento que descobriu na FCC (Federal Communications Commission). A FCC é uma entidade parecida com a Anatel e é com ela que todos os aparelhos eletrônicos, que são produzidos e comercializados nos Estados Unidos, devem ser registrados.

O documento aponta apenas algumas informações, já que existe um termo de confidencialidade por parte da Comissão. Nas informações que o site teve acesso constam que, obviamente, ele é um objeto retangular, mas que provavelmente terá tela de 10 polegadas, com proporção de imagem de 4:3, conforme as medidas descritas. O registro do aparelho está em nome de Harpers LLC, que provavelmente seja uma empresa de fachada da Amazon.

Além disso, o contrato de confidencialidade termina no final deste ano, mais precisamente no final de dezembro, o que pode indicar que o novo tablet da Amazon seja lançado neste período (na primavera deste ano) ou no início de 2013.

Por Guilherme Marcon


Mais rumores surgiram sobre o primeiro tablet da Microsoft, o Surface. Dessa vez, são informações sobre o modelo para Windows RT, que foram baseadas em uma divulgação feita pela própria fabricante sobre como os aparelhos com o RT devem ser.

As únicas informações oficiais divulgadas pela Microsoft apontam que o Surface RT deverá ter bastante vantagem em questão da duração da bateria, pois ele será capaz de executar vídeos em HD entre 9 e 13 horas ininterruptas.

Entretanto, tendo em vista as especificações listadas, é provável que a Microsoft lance o seu tablet com os itens mais potentes e atrativos. Sendo assim, conforme as medidas disponíveis na tabela oficial, o tablet em sua versão mais fina deverá ter espessura e peso inferiores ao Novo iPad e ao Galaxy Tab. Porém, isso é só um rumor que se baseia nos dados divulgados pela dona do Windows.

Até então nada foi confirmado pela Microsoft, que se mantém misteriosa. Ainda assim, outros boatos apontam que o investimento da empresa no seu tablet será grande, para que ele assuma um ótimo patamar no mercado. E também, os valores comentados na internet para o custo do Surface chegam a variar entre US$ 199 e US$ 1.000.

Por Guilherme Marcon


Mais rumores sobre o novo tablet da Sony foram divulgados na internet recentemente. Dessa vez, vazaram algumas imagens que supostamente mostram o novo dispositivo.

De acordo com as fotos e informações divulgadas pelo site Xperia Blog, o novo Xperia Tablet seguirá a linha do atual Tablet S, mas deixará de ter uma das extremidades mais “cheia” para dar suporte à empunhadura, característica que é uma das principais do aparelho. O suposto acabamento do tablet mistura alguns tons de prata e preto, tendo o logo Xperia posicionado perto da câmera traseira. Desde que a Sony adquiriu parte da Ericsson, os smartphones lançados passaram a se chamar apenas Sony Xperia e é bem provável que o nome seja adotado para os próximos tablets a serem lançados também.

Além disso, o Xperia Blog divulgou algumas características do Xperia Tablet, que seriam processador quad-core Tegra 3, sistema operacional Android Ice Cream Sandwich, câmera traseira com oito megapixels e câmera frontal com um megapixel. Para atrair os fãs de música, a Sony supostamente disponibilizará também um aplicativo Walkman pré-instalado.

Tudo indica que o Sony Xperia Tablet será lançado no final deste mês durante a IFA, mas nada ainda foi confirmado pela fabricante.

Por Guilherme Marcon


No inicio deste ano, a companhia japonesa, Fujitsu, apresentou ao público seu mais novo tablet, o Stylistic M532. O aparelho conta com configurações de hardware bastante atraentes, e sem dúvida é uma “mão na roda” para quem precisa ter informação na palma da mão a qualquer momento.

O tablet conta com processador quad-core da NVIDIA, o Tegra 3 T30S, sistema operacional Android 4.0, memória RAM de 1GB, tela de 10,1 polegadas com resolução máxima de  1280×800 pixels, 32 GB de memória interna para armazenamento de dados, conexão Wi-Fi e Bluetooth V 3.0. Além disso, ele traz uma câmera traseira de 8 megapixels com flash embutido e autofoco, e uma câmera frontal de 2 megapixels para realizar videochamadas. A bateria do aparelho tem autonomia de até 8,4 horas de uso contínuo.

Após um grande período de espera, a fabricante finalmente começou a distribuir o tablet em sua loja virtual. O preço do gadget sai por US$ 549, cerca de R$ 1.110 sem impostos.

A Fujitsu ainda não revelou quando o Stylistic M532 chegará às lojas físicas, mas é provável que até o final deste ano o produto já esteja disponível para compra em diversas lojas do mundo todo.

Por Felipe Santos Bonfim


Há pouco tempo, a Lenovo anunciou oficialmente o seu primeiro tablet que foi desenvolvido especificamente para funcionar com o novo sistema operacional da Microsoft, o Windows 8. A previsão, conforme a empresa, é que o ThinkPad Tablet 2 chegue ao mercado no mês de outubro, juntamente com o lançamento oficial do sistema operacional.

O tablet possui espessura menor que 10 mm, tela de 10.1 polegadas, bateria que pode durar até 10 horas de uso contínuo, peso de 600 gramas, uma porta HDMI, conectividade 3G e também 4G, uma câmera traseira e uma frontal, além do processador Intel Atom.

O foco do novo aparelho será o mercado corporativo e ele terá aplicativos pré-instalados como Adobe Photoshop, Quicken (gerenciador financeiro), TurboTax (para contabilidade) e o pacote de programas do Microsoft Office.

Conforme o vice-presidente da Lenovo, Dilip Bhatia, o display do ThinkPad é multitoque e poderá ser utilizado com uma caneta que foi otimizada para assinaturas digitais e anotações feitas à mão. Além disso, Bhatia afirmou que o ThinkPad é resultado de um trabalho em conjunto entre a Lenovo, a Intel e a Microsoft. O executivo também disse que todas as novas linhas de PCs estão sendo desenvolvidas para rodarem com o novo Windows 8.

Por Guilherme Marcon


Nesta última quarta-feira, 15 de agosto, a Samsung lançou seu novo modelo de tablet, o Galaxy Note 10.1. O aparelho se aproxima muito do iPad, da rival Apple, e apresenta interessantes inovações para surpreender os usuários.

O Galaxy Note opera com sistema Android 4.0 e possui tela LCD de 10.1 polegadas com sistema inteligente, que ignora toques extras quando a caneta está sendo utilizada. A chamada S Pen é outra novidade do tablet, uma caneta que digitaliza qualquer texto escrito à mão, inclusive fórmulas matemáticas, e também pode ser usada para desenhar com precisão. O acessório não precisa de bateria.

O dispositivo também oferece a possibilidade de utilizar diversos aplicativos ao mesmo tempo, dividindo o display sem interromper as atividades em andamento. A Samsung Mobile acredita que esse aparelho simplifica o acesso à informação e a execução de múltiplas tarefas, o que torna a experiência do usuário mais rápida e eficaz.

Se você quer se manter conectado e com toda a tecnologia, esse é o aparelho perfeito, pois junta a beleza e a conectividade.

Por G.Produções


Desde a Computex, a Lenovo vem anunciando que fará um novo lançamento para a linha ThinkPad, o que tem deixado os consumidores bastante curiosos. Trata-se de um novo tablet, porém sem nome definido. O aparelho já está sob análise do FCC, que é o órgão regulador das telecomunicações nos Estados Unidos, semelhante à Anatel.

Conforme o site The Verge, o tablet que foi enviado ao FCC é muito parecido com o dispositivo que foi demonstrado na Computex deste ano, que aconteceu em junho. Ele possui tela de 10.1 polegadas, câmera traseira de 8 MP, resolução do display de 1366 x 768 pixels e processador Clover Trail da Intel. O sistema operacional é o Windows 8, que ainda não foi oficialmente lançado no mercado.

Contudo, nenhuma outra característica específica do aparelho foi disponibilizada, bem como seus aplicativos e funcionalidades. Mas como o novo sistema operacional da Microsoft está previsto para ser lançado em 26 de outubro, é muito provável que o novo tablet ThinkPad realmente já esteja em fase de análises e aprovação para o mercado, pois assim seria lançado praticamente junto do novo Windows 8.

Por Guilherme Marcon


A Samsung prometeu que ainda neste mês irá revelar o novo Galaxy Note, um dos tablets top de linha da empresa.

Alguns rumores sobre este assunto já vinham circulando pelas redes, mas, de acordo com a Reuters, agora foi a própria Samsung que afirmou a chegada do aparelho ao mercado.

Um representante da fabricante sul-coreana afirmou que o Galaxy Note 2 será mostrado em Berlim dois dias antes do início da IFA, uma das maiores feiras de tecnologia de toda a Europa, no evento chamado Samsung Mobile Unpacked.

A data de lançamento do Galaxy Note, que inicialmente era dia 15 de agosto, foi mudada para o dia 29. Uma fonte da Reuters afirmou que a segunda geração do tablet será bem semelhante ao Galaxy S III, da mesma forma que a primeira geração do Galaxy Note era parecido com o Galaxy S II.

Até o momento, a Samsung não revelou qual será o nome do produto oficialmente, nem quais serão os produtos apresentados durante o evento.

Alguns rumores apontam que o novo tablet da companhia contará com processador Exynos quad-core de 1,6 GHz, GPU Mali400 e tela de 5,5 polegadas com resolução de 1280×720 pixels HD.

Ao que parece o produto terá o Android 4.0 como sistema operacional, com as mesmas funções e interface utilizada no Galaxy S III.

Por Guilherme Marcon


Surgiram diversos rumores na internet de que a HTC iria lançar um novo tablet com sistema operacional Android, porém, nada havia sido confirmado. Agora, parece que isso realmente se tornará realidade, pois vazou uma imagem na internet de um benchmark de um possível novo aparelho da companhia, o que acabou entregando a existência do dispositivo denominado Vertex HD.

De acordo com o site Slashgear, o novo aparelho deve possuir tela de 10,1 polegadas (com resolução de 1.280×720 pixels), sistema operacional Android 4.0 e processador Tegra 3 da NVIDIA (que conta com quatro núcleos e 1,3 GHz). Além disso, o tablet deverá vir equipado com duas câmeras, uma de 2 MP (traseira) e outra de 1 MP (frontal).

Nenhuma das configurações foi confirmada pela empresa, mas caso ela realmente chegue a lançar um novo tablet, as especificações poderão sofrer alterações.

Até o momento, a HTC não se pronunciou sobre as imagens, mas é provável que em breve surjam algumas informações sobre o futuro do possível tablet da companhia.

Por Guilherme Marcon


Há pouco tempo a Sony disponibilizou no mercado brasileiro o seu novo tablet, o Sony Tablet, que vem com formato inovador, pois foi inspirado em uma revista dobrada ao meio, o que rendeu ao aparelho o Prêmio Best Innovation na CES.

O Sony Tablet é, sem dúvida, um dos principais lançamentos da fabricante no ano de 2012. Ele vem com capacidade de armazenamento de 32 GB, câmera traseira HD com 5 MP, conexão Wi-Fi, tela touchscreen de 9.4 polegadas (com resolução de 1240 x 800 pixels) e sistema operacional Android Ice Cream Sandwich.

Para completar as configurações de respeito, o novo tablet possui processador Tegra 2 com dois núcleos e 1 GHz, porta microUSB, leitor de cartão SD e placa de vídeo da NVIDIA (que potencializa a navegação na internet e a execução de jogos). Além disso, o dispositivo é dotado de tecnologias para potencializar ao máximo os recursos de áudio e vídeo, como o xLOUD e o Clear Phase.

O Sony Tablet já pode ser comprado nas melhores lojas especializadas, pelo preço inicial de R$ 1.649.

Por Guilherme Marcon





CONTINUE NAVEGANDO: