Notebook GT83VR TITAN SLI terá dois chips gráficos do modelo GTX1080.

Na disputa das grandes empresas no ramo de produtos eletroeletrônicos, cada vez mais as empresas buscam não só aperfeiçoar os seus produtos como também lançar algo de novo, a fim de atrair a atenção dos consumidores. É neste contexto que de maneira diversa do que ocorreu nas gerações anteriores, a renomada empresa NVIDIA, ao que tudo indica, não deverá fazer a produção de chips gráficos desenvolvidos exclusivamente para notebooks.

A fabricante tomou essa decisão devido ao fato de que a arquitetura de Pascal permite com que os mesmos componentes sejam levados de desktop para os aparelhos portáteis, ou seja, na verdade seria uma substituição, uma vez que ao invés de termos a GTX 1080M nos aparelhos notebooks, os consumidores passarão a ter acesso à GTX 1080 original.

A confirmação desta opção que a empresa fez já pôde ser comprovada por meio das especificações de alguns produtos que foram recentemente divulgados pela internet. Inicialmente, a MSI acabou deixando vazar algumas informações sigilosas sobre o seu notebook batizado com o nome de GT83VR TITAN SLI, o qual conforme o próprio nome sugere, irá trazer ao mercado uma excelente combinação de chips gráficos duplos, os quais terão módulos de memória do modelo GDDR5X.

De acordo com os dados que foram publicados na internet, esse modelo irá trazer ao mercado dois chips gráficos do modelo GTX1080, os quais terão a capacidade de acrescentar um desempenho de 40% em relação ao modelo que possui somente um chip gráfico.

Os benchmarks da MSI já estão indicando que o aparelho terá a capacidade de fazer a marcação de 9.300 pontos no 3D Mark Fire Strike Ultra, o qual consegue rodar 4K. Convém ressaltar que para desktop uma TITAN X, nos testes realizados, conseguiu marcar 4.000 pontos, enquanto a GTX 1080 utilizada também em desktop conseguiu marcar incríveis 5.000 pontos.

Os detalhes da MSI são bastante objetivos, contudo já há imagem do hardware sendo utilizado internamente no notebook da Clevo. O modelo P870DM3-G já sai de fábrica equipado com duas placas do modelo GTX 1080, o aparelho não utiliza o padrão MXM, todavia oferece uma versão personalizada pela fabricante.

Ainda há informações obtidas por meio de uma captura de tela que dão conta que a frequência o chip gráfico consegue chegar a 1,6 GHz, enquanto que a memória consegue roda a 5.005 MHz, ou seja, valor este que é idêntico ao mensurado nos módulos de placa que são utilizados nos desktops.

Por Adriano Oliveira

Notebook GT83VR TITAN SLI


Algumas ações podem ser feitas para recuperar um computador que foi molhado.

Mesmo com a gente sabendo que aparelhos eletrônicos e líquidos são inimigos mortais os acidentes acontecem. Até mesmo quando observamos o máximo possível para ter cuidado uma simples distração pode ser fatal. Quando por acaso derramamos algum tipo de líquido em algum aparelho, como os computadores, por exemplo, a maior probabilidade é que uma grande parte dos circuitos eletrônicos seja danificada. Além disso, você pode levar um choque bem sério se não tomar as precauções devidas.

Nesse artigo vamos fazer algumas observações que você poderá colocar em prática caso um eventual acidente ocorra. Mas vale lembrar que nada dispensa a análise de um profissional.

Assim que o líquido é derramado no equipamento a primeira coisa a se fazer é garantir que o botão Power esteja completamente seco. Se não estiver seque-o, é claro. Depois desligue imediatamente o computador. E aqui nada de usar o processo convencional. Mantenha o botão Liga/Desliga pressionado para que o PC desligue por completo.

Na sequência o que vamos fazer é remover qualquer tipo de fonte de eletricidade. Desconecte o adaptador de energia e se a bateria for removível retire a mesma.

Agora que retiramos os principais riscos que poderiam causar algum acidente com choques vamos desconectar qualquer outra coisa que esteja ligada ao computador. Tudo mesmo: Mouse, teclado, pendrives e outros dispositivos. Abre o PC e retire qualquer componente que seja removível como a RAM, o SSD e o HD.

Se o líquido derramado no PC for do tipo que fique grudento ou pegajoso como refrigerantes e bebidas alcoólicas a alternativa mais certa é mesmo a procura por um profissional. Esses líquidos dificilmente saem fácil ou prejudicam menos. Mas se for só agua talvez por conta própria seja possível resolver a situação.

Seque a parte externa do computador com uma toalha o máximo possível. Depois em uma superfície plana, uma mesa, por exemplo, abra uma toalha seca e abra o notebook em cima o máximo que der de forma que a tela e o teclado fiquem no mesmo plano. Eles devem ficar voltados para baixo. Deixe o equipamento na posição por algumas horas e dê tempo para água escorrer e se secar.

Em casos simples esse procedimento pode resolver a situação. Conecte tudo novamente e veja se o equipamento funciona como era antes.

Mas como dissemos no início certifique-se de que esteja tudo bem levando a um profissional de sua confiança.

Por Denisson Soares

Teclado molhado

Foto: Divulgação


Além da tela grande o novo Samsung Galaxy View possui ecrã com resolução de Full HD.

Desde 2011 com o lançamento da linha Galaxy Note, a Samsung investe em equipamentos com maior tela, já que foi um sucesso no Brasil. Isso serviu de inspiração para agora lançar o Samsung Galaxy View, com uma tela de 18 polegadas e um ecrã com resolução de Full HD.

Como já diz o nome, o aparelho é específico para quem gosta de assistir filmes, seriados, ou os grandes consumidores de jogos. Porém, além do tamanho do aparelho, sua capacidade e duração da bateria também são pontos positivos, já que dentro do tablet terá um processador de 1,6 GHz que suporta jogos de maior qualidade e tamanho, 2 GB de RAM, 32 ou 64 GB de memória interna e uma bateria de 5.700 mAh, capaz de durar 8 horas de vídeos, conforme afirmado pela Samsung. Os ícones bem apresentados na tela e de tamanho grande são favoráveis ao consumidor.

O aparelho conta também com um suporte traseiro que possibilita deixá-lo de diversas formas para assim assistir enquanto se está deitado ou sobre a mesa.

Um dos pontos negativos do aparelho é seu peso, já que será de 2,65 kg. Com isso, o seu transporte fora de casa torna-o mais difícil, por mais que possua uma alça própria para seu melhor carregamento. Outro ponto negativo é que foge um pouco dos aspectos de um tablet, já que não poderá ser colocado o plano para abaixo, além de ser um aparelho com muito plástico.

Todos esses contras do aparelho, talvez, façam com que o custo não seja muito elevado, já que o público alvo é bastante seletivo.

Com um processador de 5.1 Lollipop e câmera frontal de 2,1 MP, conforme a Samsung, o Galaxy View será o maior aparelho Android comercializado na atualidade, porém ainda não foi informado o preço ou data de lançamento.

Por Santiago Matheus Leal Pereda

Samsung Galaxy View

Samsung Galaxy View

Fotos: Divulgação


Tela do modelo faz uma rotação de 360º, podendo ser utilizado como tablet.

O mercado de notebooks e tablets cresce cada dia mais. Esses itens, essenciais para nosso dia a dia, têm evoluído cada vez mais, e trazendo novas soluções para que nosso trabalho se torne mais fácil. Com esses dispositivos nós podemos ter até momentos de diversão.

Pensando nisso, as gigantes do mundo da informática têm investido pesado em criar dispositivos que realmente nos atendam e que sejam práticos de carregar, úteis e que funcionem bem em todas as situações.

E, a HP não podia ficar fora dessa. Essa respeitada marca traz sempre inovações para o mercado da Informática. A mais atual é o poderosíssimo HP Pavillion X360.

Esse notebook conversível, como é conhecido no site oficial, foi lançado sob o slogan: “Quebre as Regras”. Isso porque o dispositivo é um 2 em 1, ou seja, um notebook que se converte em tablet, mas, com um diferencial: ele tem uma tela touchscreen otimizada que rotaciona 360° para que você tenha a comodidade de usar o dispositivo como quiser. Isso facilita a sua utilização, já que, diferente dos conversíveis que são destacáveis, o HP Pavillion X360 tem tudo em um aparelho só.

E as vantagens de se ter essa tela rotacional são muitas. Se você quiser utilizar como notebook, deixe a tela em 90° e você terá o conforto do teclado para utilizar. Caso seu objetivo seja assistir um vídeo, deixe a tela em 270°, e você terá o apoio do teclado na superfície, enquanto a tela lhe exibirá o que desejar. Também nesse ângulo, você pode utilizá-lo como um console e ter mais diversão com seus jogos. Por fim, gire 360° e seu notebook estará convertido em um tablet.

O HP Pavillion X360 conta com uma potente configuração, sendo ideal até para serviços robustos. Ele é equipado com um processador Intel Celeron Dual Core, possui 4 Gb de memória Ram e 500 Gb de HD. A sua tela é de 11.6 polegadas, permitindo uma excelente visualização de tudo que quiser. Além disso, conta com portas USB, saída HDMI, Wi-Fi, Bluetooth e adaptador de rede.

O HP Pavillion X360 vem com o Windows 8.1 instalado de fábrica, que pode ser atualizado gratuitamente para o Windows 10.

Certamente que o HP Pavillion X360 é um excelente 2 em 1, e lhe atenderá como você necessita.

Por Isaque Cipriano

 

HP Pavillion X360

 

HP Pavillion X360

Fotos: Divulgação


Novo modelo pode ser utilizado como notebook ou tablet.

A Lenovo anunciou a chegada do seu modelo Yoga 500 ao Brasil na última semana. O produto já está disponível no varejo do país. O valor é de aproximadamente R$ 3 mil. O lançamento repercutiu mundialmente por conta de sua versatilidade – quatro tipos de uso.

Ele, leve e fino – 1,8 kg – pode ser usado como notebook ou tablet. A tela faz uma rotação de 360 graus da sua posição fechada ao máximo de abertura e conta com touchscreen. A grande novidade são os modos de uso tenda e apresentação. No tenda, a posição do aparelho deixa o usuário mais confortável para o consumo de audiovisuais como vídeos e filmes. No modo apresentação, o conteúdo desejado é exibido em tela cheia e periféricos dispensáveis na tela somem.

O notebook vem com tela de 14 polegadas LCD IPS full HD de resolução 1920×1080 pixels. Seu teclado possui iluminação. Entre as principais configurações estão a memória RAM de 4 a 8 GB com capacidade de expansão até 16, o processador Core 2,2GHz da Intel de quinta geração e HD de 500 GB a 1 TB. A placa gráfica é uma Nvidia GeForce 2048MB. O Yoga 500 vem de fábrica com Windows 10 instalado. 

Na conectividade, suas ferramentas são duas portas USB 3.0 e uma USB 2.0, uma entrada HDMI, uma entrada RJ 45 – conexão de cabo de rede – e entrada uma leitora de cartão de memória. A autonomia da bateria chega a seis horas de duração sem recarga. As cores disponíveis são preta e vermelha; novas cores não devem ser produzidas.

A marca recomendou o preço de R$ 2.999,99 ao varejo brasileiro. Os notebooks Yoga 500 vendidos no mercado nacional serão fabricados no Brasil em sua totalidade. A sede do complexo Lenovo que produzirá o lançamento é a cidade de Itu, interior de São Paulo.

Por Bruno Klein

Lenovo Yoga 500

Lenovo Yoga 500

Fotos: Divulgação


Modelo foi lançado no Brasil e o que mais chamou a atenção dos usuários foi o design.

O Dell Inspiron 15 série 7000 foi lançado no Brasil no dia 11 de agosto de 2015 como o novo notebook híbrido da marca. Contanto com tela de 15 polegadas em full HD e processador Intel Core i5 ou i7 (varia de acordo com o modelo) o produto prometia alto desempenho. Após um pouco mais de 2 meses de seu lançamento brasileiro já podemos ver como o notebook foi recebido pelos usuários.

Entre os pontos positivos identificados o design foi o mais aclamado, alguns chegaram a compará-lo à sofisticação dos MacBooks. Os detalhes e a escolha de cores na tampa, corpo e teclado agradaram. O material emborrachado do Inspiron garantiu também melhor conservação do produto já que evita arranhões. A tela ganhou boas avaliações no colorido e no contraste, garantindo boa experiência tanto para trabalho quanto para lazer, diz quem testou o notebook. A espessura também foi de agrado aos clientes diferente do peso.

O peso inclusive foi uma das maiores reclamações feitas em relação ao Inspiron da Dell. Pesando 2,17 kg de acordo com o site da empresa o notebook foi considerado pesado demais por algumas avaliações para ser prático em seu modo tablet, ele também não foi recomendado por usuários que precisam movimentar-se muito carregando o produto.

Importante também são as avaliações da bateria, nesse ponto elas não chegaram a um consenso: alguns a consideraram atendendo as expectativas, principalmente aqueles que utilizaram o notebook para tarefas mais simples como trabalhar com planilhas no Excel e no Word, outros reclamaram de sua pouca duração quando usada para jogos mais pesados ou programas de edição gráfica e de vídeos como Photoshop e Autocad.

Dentre os outros recursos do Inspiron 15 o teclado com iluminação que pode ser ajustada ou desligada (para economia de bateria) e o touchpad tiveram boa aceitação. O touchpad não é o melhor do mercado segundo os avaliadores que o consideraram intermediário.

Em geral o Inspiron 15 série 7000 teve uma recepção positiva. No site da Dell o produto conseguiu nota 4,5 de 5 para os recursos e desempenho e 3,5 de 5 para o valor (que no site vai de R$ 3.649,00 a R$ 4.199,00 à vista). Já no site da Submarino a nota foi um pouquinho menor, 3,8 de 5 para a avaliação geral.

Pode-se concluir que o notebook híbrido da Dell parece uma boa opção para o usuário que deseja um aparelho de bom desempenho, porém não precise de um produto específico para games ou edição gráfica.

Por Gizele Gavazzi

Dell Inspiron 15 série 7000

Fotos: Divulgação


Modelo possui rotação de 360º, tela ultra resistente e bateria que dura por até 8 horas, além de outras características interessantes.

Imagine-se em uma visitinha ao Facebook quando de repente encontra algo surpreendente e você quer mostrá-lo para a sua amiga, você tira o cabo do laptop e vira-o para que ela visualize, com o Acer Aspire R11 você simplesmente dobra a tela à sua frente facilitando a visualização de ambas.

O Aspire R11 é o primeiro aparelho da Acer com uma dobradiça de 360 ​​graus, o que significa que ele pode ser rapidamente transformado de laptop a display de mesa, exibição ou tablet. Achou uma ideia meio louca? Você pode visualizar os quatro modos nos quais esse notebook se transforma no site da Acer – br.acer.com/ac/pt/BR/content/series/aspirer11.

Mas não para por aí, como o notebook possui rotação de 360º, é passível de ranhuras, porém a sua tela possui Corning® Gorilla® Glass® um vidro bem resistente, algumas empresas o intitula como "inquebrável", isso se deve ao material utilizado na confecção desse vidro o álcali-aluminosilicato, onde ocorre uma troca de íons que minimiza o estrago, ou seja, ele não é inquebrável, porém os danos podem ser bem menores.

Além da super rotação e a tela protegida de arranhões e quebras, o Aspire R11 possui um bateria durável por 8 horas perfeito para aquela sua entediante e cansativa viagem à trabalho de ônibus, além de Zero Air Gap que basicamente reduz os reflexos e é bem mais legível à luz solar do que outros equipamentos.

Falando mais da sua configuração, possui o áudio mais nítido com tecnologia Acer TrueHarmony além do Acer BluelightShield™ reduzindo o cansaço visual e o Acer Touch Tools que otimiza com um clique a captura e o compartilhamento de conteúdo direto da tela do seu Acer. No site "the inquirer" é possível visualizar mais configurações bem como comentários de usuários (www.theinquirer.net/inquirer/review/2405538/acer-aspire-r11-hands-on-review).

Sobre o preço, encontra-se por US$ 249 (Estados Unidos), já na Europa, custa a partir de € 349 e no Brasil, não há sugestões por enquanto.

Por Erica de Souza

Acer Aspire R11

Acer Aspire R11

Fotos: Divulgação


Modelo VAIO Fit 15F foi o primeiro a ser lançado. Já o VAIO Z e o VAIO Pro 13G serão lançados até janeiro de 2016.

Quem pensou que os notebooks estavam extintos devido a grande onda dos smartphones, se enganou. O que temos hoje são opções diversificadas. É claro que entre um consumidor e outro, a maioria prefere a praticidade de um smartphone na mão. Mas existe ainda uma minoria que não abre mão de ter um computador em casa. Nesse caso, uma boa máquina supre qualquer necessidade. E foi pensando nisso que a VAIO, uma das marcas mais conhecidas de computadores, lançou uma nova linha de notebooks. Os novos laptops da marca estarão disponíveis para vendas até o final deste ano. O primeiro lançamento do modelo VAIO Fit 15F já aconteceu no dia 16 de outubro, e continuará até meados de janeiro de 2016, mês do lançamento do VAIO Z e do VAIO Pro 13G.

Todos os modelos virão configurados e equipados com processadores da marca Intel Core de última geração, oferecendo alta tecnologia com baixo nível de consumo de energia e diversas opções para customização. O VAIO Fit 15F conta com design preto e branco, e uma tela com 15,6 polegadas, saídas largas com dois subwoofers agregados, um na parte dianteira e outro na parte traseira do notebook para uma saída de áudio perfeita, HD de 1TB, Windows 10, 8 GB de memória RAM, além de dois speakers medindo 2W de potência. O consumidor terá a opção de adquirir este modelo com processadores Intel i3, i5 e i7, com placa HD já inclusa e suportes OpenGl 4.3 ou DirectX 11.2.

Já o segundo modelo VAIO Pro 13G virá com uma tela de 13,3 Full HD, mais três saídas USB, processador i5, saídas HDMI e VGA e Windows 10. Seu peso será de 1 kg, sendo ele bem mais resistente por ter um sistema que inclina o teclado quando o usuário abre o laptop, com estruturas em acabamento de liga de magnésio. Esta inclinação proporciona maior conforto e segurança ao digitar, pois além de ter teclas silenciosas, possibilita ocupar também menos espaço em uma mesa.

O último modelo, o VAIO Z, possui um sistema chamado Instant Go, capaz de transformá-lo em um tablet, e pronto para ser usado em apenas 0,3 segundo. Ele vem com processador Intel Iris i5 e placa de vídeo agregada, que produz vídeos e imagens com maior rapidez, além de um disco de resolução SSD, num peso de 1,34 kg.

Os novos modelos de notebooks da VAIO poderão ser encontrados para vendas em lojas autorizadas em todo Brasil, com garantia de até um ano.

Os preços variam conforme cada modelo, estando entre R$ 2,7 mil e R$ 5 mil.

Por Daniela Almeida da Silva

Vaio Z

Vaio Pro 13G

Fotos: Divulgação

 


Intel e Microsoft, em parceria com a Lenovo, a Dell e a HP, trabalham juntas em uma campanha que visa mostrar aos usuários as qualidades de se ter um PC moderno.

As tecnologias avançam e novos dispositivos acabam tomando o lugar de outros. É o que está acontecendo com os Personal Computers (PCs). Para enfatizar que o PC ainda tem grandes vantagens sobre os demais dispositivos, várias empresas são capazes de se unir para provar ao consumidor que há espaço para os microcomputadores.

As empresas norte-americanas Intel e Microsoft estão trabalhando juntas com três das maiores fabricantes de computadores convencionais. O objetivo? Trabalhar em uma publicidade capaz de convencer os compradores de todas as coisas incríveis que um PC moderno é capaz de fazer. Os anúncios serão exibidos na TV, online, e em propaganda impressa.

A campanha, que tem por objetivo retomar o mercado de PCs, que vem perdendo espaço para tablets, smartphones e Smart TVs, terá o nome “O que um PC faz?” e será veiculada na China e Estados Unidos.

As marcas escolhidas para a campanha foram: Lenovo, Dell e HP. A campanha enfatizará o fato de que os computadores modernos com Windows 10 fazem muito mais que aqueles que as pessoas normalmente possuem em casa e no trabalho. Segundo a Intel, mais de 500 milhões de PCs já têm mais de 5 anos de uso.

Historicamente, a maioria da publicidade feita em cima da indústria de Computadores foi subsidiada pela Intel e Microsoft, cujos lucros são, obviamente, muito maiores do que o das fabricantes de PCs.

A campanha já iniciou em um webcast com a participação dos diretores executivos de marketing de cada empresa.

Pesquisas indicam que a queda nas vendas de computadores pessoais vai reduzir mais de 8% – e só estabilizarão no ano de 2017 – por esse motivo, as empresas precisaram se unir, e provar ao consumidor que ainda que os outros dispositivos estejam cada vez mais parrudos, a utilidade de um PC deve ser lembrada.

A pergunta que fica no ar é a seguinte: Será que vai dar certo? Os consumidores irão voltar, ainda que devagar, a preferir os microcomputadores aos dispositivos portáteis? Isso apenas o tempo poderá dizer.

Por Júnior Beluzzo

PC da Lenovo

Foto: Divulgação


Novo modelo conta com ótimas características e inovações.

A LENOVO, empresa que atua no segmento de computadores, lançou seu novo tablet, chamado de Yoga 2 Pro, que promete inovações no meio de entretenimento.

O Yoga 2 Pro possui o processador Intel Atom Z3745 Quad Core e roda o sistema operacional Android 4.4. Com um peso de 985 gramas, o modelo tem invejáveis 3,7 mm de diâmetro. O dispositivo conta com quatro modos de uso diferentes, pois possui um apoio acoplado.

O Projeto integrado permite ao usuário que projete filmes e vídeos na parede da própria casa, com uma tela de até 50 polegadas. Ainda, tem o sistema de som JBL® de 8W, que oferece uma possibilidade de home theater portátil com subwoofer integrado e dois alto falantes frontais.

A bateria de 900mAh dura até 15 horas de uso com apenas uma recarga, o que pode variar conforme a configuração e recursos utilizados.

O Yoga 2 Pro possui ainda uma tela de 13,3 polegadas com imagens em alta definição, além de disponibilizar uma visualização em até 178° através da tecnologia IPS. Outro recurso muito utilizado pelos consumidores, a câmera, não ficou por baixo. A LENOVO incluiu na versão do tablet a possibilidade de fotos em HD e a realização de conferências de vídeo de excelente qualidade. A câmera frontal possui 1.6 megapixels, já a traseira possui 8 megapixels com uma lente f2.2, sensor BSI 2 e vidro com redução de brilho.

O tablet oferece várias opções de conexão como Wi-Fi, Bluetooth, além de sensores como GPS e acelerômetro. O disco rígido tem 32 GB e pode ser expandido com um micro-SD de até 64 GB.

Os interessados em adquirir a novidade podem efetuar a compra pelo site a LENOVO (shop.lenovo.com/br/pt/tablets/lenovo/yoga/yoga-tablet-2-pro) pelo preço de R$ 2.499,00 através de cartão ou boleto. Vale ressaltar que o Yoga 2 Pro possui 1 ano de garantia.

Por Bruna Rocha Rodrigues

Lenovo Yoga 2 Pro

Lenovo Yoga 2 Pro

Fotos: Divulgação


Lançamentos são mais dois modelos de smartphones, nova pulseira fitness e Surface Book.

Cada vez mais usuários optam pelo novo sistema operacional Windows 10. E de olho nessa migração em massa (já são quase 110 milhões de usuários em todo o mundo), a Microsoft lançou uma nova uma linha de produtos com compatibilidade para o sistema operacional Windows 10 em um evento que ocorreu na última quarta-feira, dia 10 de outubro.

A empresa também aproveitou o evento para anunciar novos aplicativos voltados exclusivamente para o Windows 10, tais como Box, Instagram, Facebook, Uber, Candy Crush e Flipagram.

Os novos produtos que foram anunciados durante o evento são mais dois modelos de smartphones, a nova pulseira fitness e o Surface Book, o que a companhia espera que seja a reinvenção do notebook.

Satya Nacella, que é diretor executivo da Microsoft, afirmou na ocasião que com o novo sistema operacional Windows 10, o usuário passa a estar no centro de experiências mágicas e que o movimento da empresa é fazer com que as pessoas ao invés de precisar, escolham o novo sistema operacional e passem a amá-lo. Segundo ele, os novos dispositivos serão capazes de aumentar o entusiasmo dos usuários e ampliar as oportunidades no ambiente Windows.

Mas a novidade do evento ficou mesmo por conta do Surface Book, que é um híbrido de tablet com notebook. O modelo vem equipado com tela de 13,5 polegadas, uma caneta especial e poder de armazenamento superior a grande parte das máquinas disponíveis no mercado atualmente, fazendo assim com que seja diferente tanto de um tablet como de um notebook.

As opções de processador disponíveis são o Core i5 ou o i7, ambos fabricados pela Intel. A bateria do dispositivo dá autonomia de uso de cerca de 12 horas. A semelhança com os tablets fica por conta de seu teclado é removível. Uma GPU que pode ser opcional traz um processamento melhorado dos gráficos. O preço do Surface Book nos EUA ficará a partir de US$ 1.499.

Por Rodrigo Silva

Microsoft Surface Book

Foto: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: