Nova Atualização do Windows 10



  

Microsoft deverá liberar nova atualização em outubro de 2017.

A gigante dentre as empresas do ramo de informática, a Microsoft, anunciou que o seu mais recente sistema operacional receberá uma grande atualização no dia 17 de outubro.

Algumas alterações já estão certas de que farão parte deste pacote oferecido pela Microsoft, contudo, dois deles são os mais expressivos e que prometem mexer com o usuário do sistema.

A primeira, é o fato de que a Microsoft está incorporando em seu S.O. uma ferramenta denominada como “Fall Creators” e explorará ferramentas conhecidas como “Mixed Reality” ou “Realidade Misturada” em português, que propõe uma combinação interessante entre a nossa realidade e a realidade virtual, misturando cenas entre os dois mundos e proporcionando ao usuário uma experiência totalmente diferenciada de interagir com suas aplicações em seu computador.

Podemos entender como realidade virtual, todo ambiente totalmente elaborado por computadores, podendo representar algo real ou não, dependendo da pretensão da aplicação, já a realidade propriamente dita são basicamente o que nossos olhos tem a possibilidade de ver trivialmente sem a necessidade de qualquer artefato para interação e, toda e qualquer interação existente é feita fisicamente através do contato a qual se é possível ter. A “Realidade Misturada” vem trazer um novo conceito de realidade a qual ainda não desfrutamos com facilidade, pois como imaginamos, é um conceito novo e com tecnologia ainda em pleno desenvolvimento pelos profissionais da área e companhias de tecnologia da informação.

A aposta da Microsoft é a de que trazendo este novo recurso para seu atual sistema operacional, a interação entre o usuário e seu computador possa se tornar mais realística, inovando o modo de como se trabalhar com o sistema e garantir uma satisfação maior por parte de seu público.

Outra grande mudança virá de uma ferramenta que está inserida no contexto do Windows desde sua primeira versão lançada em 1985, que é o Microsoft Paint, aplicação que tem como finalidade a criação de desenhos e que até então possuía capacidade limitada de poder de edição, mas possibilitava um poder imaginativo interessante ao usuário. Inicialmente desenvolvido pela ZSoft Corporation, o Paint suportava apenas gráficos monocromáticos com 1 bit e que com o passar das versões do Windows foi recebendo novas ferramentas e melhorias de hardware até que no Windows 3.0 chegou a ter capacidade de ler outros tipos de arquivos como o JPEG e o PNG, deixando de ficar travado apenas em sua extensão nativa, o BMP ou Bitmap.





Com a nova atualização da Microsoft, o Paint como conhecemos será descontinuado e entrará em cena sua nova versão, o “Paint 3D”, que é um novo conceito para a aplicação, pois trará a possibilidade de criar e editar objetos 3D. Com o intuito de dar ao usuário a possibilidade de manipulação de objetos em 3 dimensões com um ferramenta de fácil manuseio, que não exija grande nível de conhecimento por parte do utilizador.

Estas e outras atualizações foram mostradas ao mundo pelo vice-presidente da Microsoft, Terry Myerson em seu anúncio dia 1º de Setembro em evento da IFA em Berlim, uma das maiores feiras de eletrônicos do mundo.

Estas atualizações poderão ser utilizadas juntamente com óculos especiais para realidade virtual, que serão fabricados por diversos fabricantes e também lançados na mesma data.

Os preços serão variados, contudo, estima-se valores na casa de U$299 para as versões mais básicas do equipamento.

Com estas medidas, a gigante Microsoft espera alavancar ainda mais a utilização de seu sistema operacional. Segundo suas estimativas, hoje existem mais de 500 milhões de dispositivos (entre computadores e smartphones) que utilizam o Windows 10, que por conta destes números, já é o Windows de maior utilização de todos os tempos criado pela empresa.

Rodrigo Loura Ferrara Perina



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *