Microsoft Surface Laptop – Configurações e Lançamento



  

Novo notebook irá concorrer com MacBook e Chromebook.

Para os amantes da informática e de todas as suas vantagens, que não são poucas, esse artigo traz mais uma façanha da gigante Microsoft. O mais novo lançamento da detentora do sistema operacional mais famoso do mundo, é o Surface Laptop, que é o primeiro notebook da Microsoft que vem equipado com sistema operacional Windows 10 S. Trata-se de uma versão um pouco mais amena do Windows e promete uma briga dura com os concorrentes Chromebooks e Macbooks.

O lançamento se difere de todos os outros modelos Surface por causa de não ter a tela destacável do teclado. Mas a novidade mantém o discreto acabamento premium com o tradicional alumínio.

O laptop tem previsão de chegada nos Estados Unidos e Europa a partir de 15 de junho e vai custar cerca de U$ 999,00, ou seja, aproximadamente R$ 3.160,00 em terras brasileiras. Na verdade, o Windows 10 S é um sistema operacional de baixo custo usado em escolas profissionalizantes, mas o Surface Laptop não segue a simples proposta e traz um bonito acabamento com saída de som totalmente acoplada ao teclado. Portanto, a caixa de áudio não fica visível pelo usuário e o visual fica despojado, pois todos os detalhes foram pensados.





O Surface Laptop vem equipado com tela FULL HD de 1080 pixels de 13,5 polegadas touchscreen, com proporção 3:2, tecnologia PixelSense e o resistente vidro Gorilla Glass 3. Na parte interna, o laptop traz o moderno processador da marca Intel Core i5 ou i7 de sétima geração, memória RAM de 16GB e com capacidade de armazenamento de até 512 GB pelo modo SSD. O peso do laptop é de apenas 1. 250 gramas e conta com portas USB-C e com um mini display, além de uma entrada para o cartão SD. A bateria de longa duração garante até 15 horas de trabalho com carga 100% completa, pois segundo a fabricante, o sistema operacional é de pouco consumo de energia. O desempenho é bastante superior ao Macbooks e fica no empate com alguns modelos de Chromebooks. Vamos ver se essa disputa vai dar o que falar.

Rodrigo Souza de Jesus



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *