Novo tablet da Canonical conta com o sistema Ubuntu



  

Modelo promete oferecer a mesma experiência do Ubuntu encontrado em PCs.

No ano de 2013, a empresa britânica Canonical apostou em disponibilizar uma experiência completa do Ubuntu utilizado em desktops em dispositivos móveis por meio do Ubuntu Edge. A empresa empenhou grande esforço nessa tarefa, porém o projeto não prosperou devido à campanha de investimentos. Hoje, passados aproximadamente 3 anos, parece que o projeto ainda se mantém na ativa e mais revigorado que da primeira vez.

A companhia realizou o anúncio de um novo tablet, dispositivo esse que tem como promessa a oferta da mesma experiência do Ubuntu no PC, porém para o aparelho móvel. Na realidade o conceito é bem simples, isto é, este sistema operacional móvel deverá utilizar o mesmo núcleo presente no desktop ou, então, um subconjunto que realize a execução dos mesmos apps em dispositivos diferentes. Este aparelho da Canonical é uma variável de um modelo fabricado pela marca espanhola BQ, o Aquaris M10.

O aparelho conta com as seguintes especificações técnicas: uma tela com resolução de 1280 x 800 pixels e de 10,1 polegadas. Internamente, o dispositivo conta com um chip MT8163B da Mediatek, com quatro núcleos funcionando a uma frequência de 1,3 GHz. O tablet conta também com um memória RAM de 2 GB e o armazenamento interno possui 16 GB. De fato, com essas especificações o aparelho não vem para ocupar um espaço no topo do mercado, porém é o necessário para que os apaixonados por sistemas Linux fiquem ainda mais empolgados.





O tablet ainda é equipado com uma entrada USB, a qual permite a conexão de um dispositivo externo como teclado, mouse ou monitor e uma entrada HDMI. Um quesito que chama bastante atenção dos consumidores é a bateria, que possui 7.280 mAh. Este projeto do Canonical, da mesma forma que o Continuum da Microsoft, ainda está no começo. Apesar disso, a companhia está com pensamento positivo quanto a sua biblioteca de aplicativos, que é suficiente para suprir boa parte das necessidades dos usuários. Além do mais, a Canonical possui o Ubuntu Convergence, que permite a execução de aplicativos tradicionais como o Twitter, Google Chrome, Netflix, e diversos outros. Somando esses recursos todos, a companhia quer oferecer uma ótima experiência para a grande quantidade de usuários Linux espalhados ao redor do mundo.         

Por Filipe Silva

Tablet da Canonical com Ubuntu

Foto: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *