Sony confirma a Venda da Divisão de PCs Vaio



  

A divisão de PCs Vaio não faz mais parte da Sony. A gigante japonesa vendeu a divisão para o fundo de investimento Japan Industrial Partners (JIP). A Sony anunciou que também haverá uma separação da unidade de TVs. Agora a marca quer focar nas áreas mobile e de games.

Segundo as informações da empresa, o motivo da venda foi as grandes perdas no segmento de negócios eletrônicos e as drásticas mudanças que a indústria de computadores sofreu nos últimos anos.

Agora, a empresa focará seus esforços nas áreas mais importantes da companhia, a de imagem, games e mobile.

A marca japonesa fez questão de avisar que todos os clientes que comprarem os produtos Vaio continuarão recebendo suporte da empresa.

As duas empresas envolvidas na transação não divulgaram os valores da negociação. O que se sabe é que a JIP irá tomar conta do mercado de PCs e o nome da marca passará a ser somente “Vaio”. A princípio a linha “Vaio” será comercializada apenas no Japão, com a possibilidade de expandir para outros países.

Em 1996 a Vaio entrou no mercado de computadores e no decorrer dos anos conseguiu atrair diversos olhares de admiração, inclusive de Steve Jobs, que em certa feira declarou ser fã da marca e imaginava um dia ver seus produtos rodando seu sistema OS X.





A empresa passará por uma reestruturação e contará com a divisão de TVs.

O negócio acabou por acarretar em uma série de demissões de funcionários, sendo 3,5 mil no Exterior e o restante no Japão. Porém, existe a possibilidade de alguns profissionais serem remanejados para outras corporações. A JIP irá ficar com cerca de 250 a 300 empregados.

Vale lembrar que em 2012 a Sony comprou parte da empresa sueca Ericsson, o que fez a parte mobile crescer e manteve o mercado aquecido com os lançamentos da linha Xperia.

Um relatório financeiro divulgado recentemente pela empresa mostrou um aumento de 45% nas vendas de aparelhos móveis, chegando a mais de 10 milhões de unidades vendidas no último trimestre.

Outra divisão da empresa que vai muito bem é a de games, que lançou o PS4 e seu faturamento está batendo a casa dos US$ 172 milhões.

Por Ageu da Rocha



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *