Nova película autorregeneradora para notebooks e smartphones



  

De acordo com o site Daily Mail, a Toray desenvolveu uma nova película voltada para smartphones e notebooks que pode se autorregenerar mesmo que seja arranhada.

De acordo com a empresa japonesa, seus especialistas em química afirmam que essa nova película se regenera em dez segundos, no máximo. E ainda, esse revestimento ultrafino pode ser riscado até 20 mil vezes que ele irá se “autocurar”, além de o seu desempenho ser muito melhor quando usado em baixas temperaturas.

A película é quase imperceptível, possuindo 0,0001 milímetro de espessura, e reage muito bem quando é arranhada, porém em caso de perfuração, ou então se for rasgada, ela não irá se autorregenerar.  Além da “autocura”, o revestimento tem propriedades de amortecimento e de elasticidade, permitindo que a superfície se mantenha brilhante mesmo com arranhões.





Conforme a Toray anunciou, a sua intenção é de primeiramente comercializar a nova tecnologia em notebooks, mas em sequência expandir para o mercado de smartphones. Tendo em vista que os celulares inteligentes são muito mais propensos a sofrer quedas e arranhões, eles compõem um mercado muito promissor para o novo produto, que provavelmente será vendido avulso para essa classe de aparelhos.

Mesmo com testes aplicados na película, utilizando até esponja de aço, ainda ninguém fora da empresa fez o teste do produto, sendo assim não se sabe se a película afetará os aparelhos touchscreen de uma forma boa ou ruim.

Por Guilherme Marcon



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *