Software Livre – Linux e Ubuntu estão em baixa na Europa




Ao contrário do Brasil, que acabou de sediar um dos maiores eventos mundiais de software livre, e conta com uma infinidade de entusiastas do Linux, especialmente do Ubuntu, a Europa parece não dar a mínima para o pinguim e o sistema criado por Linus Torvalds.

Pelo menos é o que a Dell dá à entender. Por lá, a empresa não vai mais vender seus notebooks Latitude, Precision e Vostro, e os desktop OptiPlex com o Ubuntu pré-instalado. Pelo menos não pela venda online. A mudança, segundo a Dell, ocorreu porque os clientes não tem interesse no sistema open source.


Segundo a empresa, o Linux é mais indicado para usuários avançados. No entanto, a decisão não é permanente e a Dell pode voltar atrás à qualquer momento.

O estranho é que no site europeu da empresa há um aviso dizendo que se você não é programador não há motivo para usar o Linux.

Por Maximiliano da Rosa




1 comentário em “Software Livre – Linux e Ubuntu estão em baixa na Europa

  • A Dell não é referência para nada, a Dell é apenas mais uma integradora de hardware que vive as custas do windows, fato! A frase “O estranho é que no site europeu da empresa há um aviso dizendo que se você não é programador não há motivo para usar o Linux” mostra simplesmente que por alguma RAZÃO OBSCURA a Dell não pode (Redmond não quer?) e não tem coragem de vender Ubuntu, com este tipo de frase qual consumidor normal que não seja programador em sã consciência vai comprar um pc ou notebook com Ubuntu? Óbviamente que ninguém ora bolas!!! Percebo claramente que a Dell anda meio perdida sem saber para onde ir.

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *